Quando usar vinil adesivo calandrado?

Por Eduardo Yamashita em 16/01/2015

Saiba quais as possibilidades de aplicação do vinil calandrado

Saiba quais as possibilidades de aplicação do vinil calandrado

O aumento explosivo da popularidade do envelopamento de carros gerou crescimento da demanda pelo serviço, muitas vezes realizado por pessoas que não dominam suficientemente bem técnicas e tecnologias inerentes à aplicação de vinis adesivos, como, por exemplo, a escolha correta da película (cast ou calandrada).

Há uma grande quantidade de aplicações que não exigem as características de alta conformabilidade do vinil fundido (cast), e o mercado oferece uma ampla gama de filmes calandrados, os quais podem ser utilizados em muitos trabalhos.

Ambos os filmes são fabricados a partir das mesmas matérias-primas. Basicamente, os dois são compostos por polímero de cloreto de polivinila (PVC) mais outros ingredientes que determinam características como flexibilidade, cor, durabilidade, entre outros aspectos das películas.

Filmes calandrados oferecem maior rendimento na fabricação, por isso são mais baratos. No entanto, têm alta resistência à abrasão e excelente desempenho em superfícies planas e curvas moderadas.

As películas calandradas são comumente usadas para a composição de anúncios de curto prazo ou envelopamentos completos de ônibus. Se o projeto exige acabamento como de uma pintura, o uso da película fundida (cast) é mais apropriado.

Outras aplicações populares para filmes calandrados incluem sinalização promocional, letras de vinil em recorte em banners e veículos e pequenos decalques, como adesivos para carros.

Vinil adesivo calandrado é indicado para trabalhos com superfícies planas e curvas moderadas

Vinil adesivo calandrado é indicado para trabalhos com superfícies planas e curvas moderadas

Independentemente de saber se você está usando filmes cast de cores sólidas ou branco (para impressão digital), eles geralmente são mais finos (em torno de 2mil), mais duráveis (de dez a 12 anos) e mais adaptáveis do que os filmes calandrados.

Os calandrados apresentam espessura média de 3,2mil. No entanto, há filmes de 2,5mil e de 6mil ou mais.

A vida de um filme calandrado varia muito. Há películas econômicas que apresentam durabilidade de um a dois anos. Os vinis intermediários normalmente duram de três a quatro anos. Já os filmes de alta performance podem durar até sete anos.

Os filmes calandrados também são os melhores para aplicações gráficas de piso, pois são mais espessos que os cast. Portanto, têm maior resistência ao desgaste de tráfego.

Esse artigo técnico foi patrocinado pela Imprimax, fabricante de vinis adesivos

Este artigo técnico foi patrocinado pela Imprimax, fabricante de vinis adesivos

Gostou do artigo? Você também vai se interessar pelas matérias abaixo:

 

Sobre o autor: Eduardo Yamashita é consultor técnico especializado em vinis adesivos, envelopamento de carros e comunicação visual

Sobre o autor: Eduardo Yamashita é consultor técnico especializado em vinis adesivos, envelopamento de carros e comunicação visual



Curso de Power Revest da Imprimax acontece de 8 a 9 de abril

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 22/03/2014

Treinamento de envelopamento automotivo começa no dia 08 de abril

Treinamento de envelopamento líquido começa no dia 08 de abril

Nos dias 8 e 9 de abril, das 9h às 18h, a Imprimax realizará mais um curso exclusivo de Power Revest, o envelopamento líquido. Nas aulas práticas e teóricas, serão apresentadas técnicas de aplicação do material. O participante receberá:

  • certificado de participação do curso;
  • apostila com DVD e kit institucional;
  • equipamentos de proteção individual: macacão Tyvek e máscara;
  • régua de catálise e saco coador;
  • pistola de pintura Arprex;
  • produtos: um frasco de 3,6 litros e um frasco de 900ml;
  • retardador de 1 litro e um spray de 500ml.

O curso acontece na sede da Imprimax: Rua Karan Simão Racy, 49 – Km 11 da Via Anchieta – São Paulo.

Para se inscrever (até o dia 4 de abril), entre em contato com Vanessa Vitorino pelo e-mail: vanessa.vitorino@imprimax.com.br.



Dover e MS Printing inauguram centro de impressão digital

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/05/2018
Centro conta com show room e salas de treinamentos

Centro conta com show room e salas de treinamentos

A Dover e a MS Printing, fabricantes de soluções de impressão digital, abriram um centro de excelência na província de Como, na Itália. Com 3 mil metros quadrados, a instalação oferece treinamentos técnicos para operadores, técnicos e designers da indústria de impressão digital têxtil, ministrados por especialistas experientes do setor.

A planta também conta com um showroom totalmente operacional com inovações da estamparia têxtil digital, sobretudo tecnologias mais sustentáveis, como a impressora LaRio, além de produtos de outras empresas recém-adquiridas pela Dover, como a Caldera (especialista em software RIP) e a JK Group (fabricante de tinta).

Abhi Agrawal, presidente da Dover Digital Printing, declarou: “No novo centro, temos tanto as demonstrações práticas quanto os desenvolvimentos de produtos. Queremos liderar a conversão das tecnologias analógicas para as digitais, e essa excelente instalação ajudará nossos clientes atuais e potenciais a conhecer as mais recentes tecnologias de impressão. Ele também será um recurso valioso para os clientes desenvolver e lançar produtos digitais”.

Fonte: Dover Digital Printing