Mimaki lança série “Plus” de equipamentos para impressão e recorte

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 18/09/2019
Duas impressoras e uma plotter de recorte fazem parte da nova linha

Duas impressoras e uma plotter de recorte fazem parte da nova linha

A filial europeia da Mimaki, fabricante japonesa de impressoras digitais e plotters de recortes, anunciou o lançamento no mercado local da série “Plus”, composta pelos equipamentos CJV300 Plus, JV300 Plus e CG-FXII Plus.

A CJV300 Plus é uma impressora solvente com recorte integrado. A JV300 Plus é uma impressora solvente e CG-FXII Plus, uma plotter de recorte.

Os equipamentos vêm com uma série de tecnologias, como a versão mais recente do MAPS4 (Mimaki Advanced Pass System), que usa um algoritmo exclusivo para calcular o jeito mais eficaz de disparar gotas de tinta e evitar bandings. Outras tecnologias são a NCU (que verifica o status dos nozzles) e a NRS (que recuperação os nozzles). Um novo dispositivo de alimentação de substratos permite o manuseio de rolos de até 45kg.

Os modelos da série “Plus” também apresentam a nova função ID Cut, que possibilita operações contínuas de corte e diminui a intervenção humana, o tempo de produção e o desperdício de material. Por meio do RasterLink6 Plus RIP, a ID Cut imprime um código de barras exclusivo no layout dos trabalhos. Ao ler o código de barras, o sensor dispara a execução automática do corte.

Uma nova linha de tintas vendidas em embalagens reutilizáveis de 600ml foi desenvolvida exclusivamente para os equipamentos da série “Plus”. Segundo a Mimaki Europe, os insumos garantem processos de impressão mais inteligentes e sustentáveis, e as novas embalagens ecológicas podem economizar até 15% de tinta em relação aos cartuchos de 440ml.

CG-FXII Plus vem com a função ID Cut

Fonte: Mimaki Europe



Mimaki anuncia nova impressora para impressão sublimática direta

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 05/10/2016
Tx500P-3200DS pode trabalhar na velocidade máxima de 130 metros quadrados por hora

Tx500P-3200DS pode trabalhar na velocidade máxima de 130 metros quadrados por hora

A fabricante Mimaki anunciou estar desenvolvendo uma nova impressora de 3,2m de largura para impressão sublimática direta. Trata-se da Tx500P-3200DS, que pode trabalhar na velocidade de até 130m2/h e é indicada tanto para confecção de amostras quanto para produção de larga escala de tecidos.

Com 12 cabeças de impressão, a máquina também incorpora uma unidade de fixação térmica em linha, o que reduz o tempo de produção por permitir a execução de duas operações (impressão e fixação de cor) simultaneamente.

Segundo a empresa, a Tx500P-3200DS é capaz de posicionar com precisão os pontos de impressão no tecido. Isso porque a máquina leva em conta a gravidade específica e a viscosidade de cada tinta, para disparar gotas de tinta de até 6 picolitros.

A Mimaki espera lançar a Tx500P-3200DS no mercado internacional apenas em 2017. Não há previsão de lançamento da máquina no Brasil.

Mike Horsten, gerente de marketing da Mimaki EMEA, declarou: “A indústria têxtil está substituindo as tecnologias analógicas pela impressão digital, a fim de atender as demandas crescentes por pequenas encomendas produzidas em ciclos curtos. A Tx500P-3200DS foi projetada especificamente para atender a esses requisitos, bem como para dar conta de demandas por tecidos estampados digitalmente para cortinas, roupas de cama e estofados”.

Fonte: Mimaki



Dover e MS Printing inauguram centro de impressão digital

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/05/2018
Centro conta com show room e salas de treinamentos

Centro conta com show room e salas de treinamentos

A Dover e a MS Printing, fabricantes de soluções de impressão digital, abriram um centro de excelência na província de Como, na Itália. Com 3 mil metros quadrados, a instalação oferece treinamentos técnicos para operadores, técnicos e designers da indústria de impressão digital têxtil, ministrados por especialistas experientes do setor.

A planta também conta com um showroom totalmente operacional com inovações da estamparia têxtil digital, sobretudo tecnologias mais sustentáveis, como a impressora LaRio, além de produtos de outras empresas recém-adquiridas pela Dover, como a Caldera (especialista em software RIP) e a JK Group (fabricante de tinta).

Abhi Agrawal, presidente da Dover Digital Printing, declarou: “No novo centro, temos tanto as demonstrações práticas quanto os desenvolvimentos de produtos. Queremos liderar a conversão das tecnologias analógicas para as digitais, e essa excelente instalação ajudará nossos clientes atuais e potenciais a conhecer as mais recentes tecnologias de impressão. Ele também será um recurso valioso para os clientes desenvolver e lançar produtos digitais”.

Fonte: Dover Digital Printing