VP Máquinas lança dobradeira de acrílico adaptada a deficientes

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 25/05/2014

Dobradeira foi apresentada na feira Serigrafia Sign 2014

Dobradeira foi apresentada na feira Serigrafia Sign 2014

A VP Máquinas anunciou o lançamento da DVP 1000 Especial, dobradeira de acrílico adaptada para pessoas com deficiências ou que possuem impedimentos para ficar em pé. Cadeirantes, idosos e obesos podem se beneficiar da novidade.

Com 1m de comprimento, a máquina apresenta ajustes de altura, fio para efetuar dobras mais perto do operador e abertura central que permite ao operador trabalhar sentado.

Ana Paula Paschoalino, diretora comercial da VP Máquinas, comentou: "A dobradeira atende quem deseja começar seu próprio negócio e estimula o empresariado a contratar profissionais ávidos a produzir mas que, infelizmente, se mantêm à margem do mercado de trabalho".

A máquina dobra materiais termoplásticos como PSAI, poliestireno, acrílico, alveolar, PVC expandido, PETG e policarbonato, com espessuras de 0,5mm a 20mm. A partir da dobradeira podem ser criados produtos como displays, placas, porta-treco, luminárias, móveis, estantes, cadeiras, porta-guardanapo e brindes.

Segundo a empresa, a estrutura da máquina é de madeira cortada em serra eletrônica e não emprega cola. Os pedaços, 20 ao todo, são encaixados e parafusados. Depois é instalada a central de controle e o fio de metal.

Fonte: VP Máquinas



Wasatch SoftRIP passa a suportar impressão têxtil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 09/11/2020
Com o RIP da Wasatch é possível trabalhar com amostras Tiff indexadas

Com o RIP da Wasatch é possível trabalhar com amostras Tiff indexadas

A desenvolvedora Wasatch anunciou que o RIP homônimo passou a suportar trabalhos com arquivos Tiff indexados, para impressão digital têxtil.

Segundo a empresa, métodos de estamparia geralmente dependem do formato Tiff indexado para gerenciar pequenos números de cores diferentes — uma função que o RIP Wasatch passou a oferecer.

Com uma assinatura do Wasatch, é possível obter as atualizações do RIP e ter acesso ilimitado à equipe de serviço da desenvolvedora.

A partir de 49 dólares por mês, a assinatura da Wasatch é uma opção de baixo custo e que pode ser cancelar a qualquer momento.

Fonte: Wasatch



Roland DG Brasil fecha 2020 com saldo positivo

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/01/2021
Empresa promete lançar tecnologias em 2021

Empresa promete lançar tecnologias em 2021

Em meio à pandemia de covid-19, a Roland DG Brasil encerrou o ano de 2020 com resultados superiores às suas expectativas. Além disso, a empresa não demitiu funcionários.

Com decisões arrojadas, a companhia cresceu 5% em seu market share e obteve resultado operacional superior ao de 2019.

Anderson Clayton, que assumiu a presidência da empresa em janeiro de 2020, declarou: “Acredito que nada se conquista sozinho, e esse resultado não é só meu, mas, sim de todos os colaboradores da Roland DG, que acreditaram na empresa e em seus produtos. Juntos viramos o jogo. É uma equipe que dá orgulho de gerir”.

O executivo também manifestou a importância dos parceiros no ano conturbado: “o papel das revendas e das assistências técnicas também foi fundamental, porque em muitas regiões elas representam a Roland DG e estão no dia a dia com os clientes”.

A Roland DG Brasil está com o planejamento para 2021 definido, e dois novos equipamentos com tecnologia inédita entrarão para o portfólio da empresa.

Com sede no Japão, a fornecedora tem entre os seus objetivos conectar os avanços no mundo digital à vida das pessoas.

Fonte: Roland DG Brasil