Orafol apresenta dois novos filmes de poliéster

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 30/08/2017
Orajet 3350 e o 3301F podem ser usados em aplicações de sinalização comercial

Orajet 3350 e o 3301F podem ser usados em aplicações de sinalização comercial

A fabricante Orafol anunciou no mercado internacional o Orajet 3350 e o 3301F, filmes de poliéster indicados para criar um impacto visual superior em peças de sinalização e ponto de venda e aplicações no mercado de personalização.

O Orajet 3350 é indicado sobretudo para a produção de adesivos, gráficos de janelas, etiquetas e rótulos de identificação. Disponível nas cores cromo e ouro, a película possui um revestimento superficial especial para receber impressão digital. A versão dourada é colorida em ambos os lados.

O Orajet 3301F também é um filme cromo, porém é indicado especificamente para etiquetas. Também está disponível em cromo escovado e pode receber impressão digital solvente, UV e látex.

Fonte: Orafol



Sinalização digital externa e as cidades inteligentes

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 11/03/2019
Tecnologia pode ser usada para melhorar os centros urbanos

Tecnologia pode ser usada para melhorar os centros urbanos

Não há dúvida de que a sinalização digital externa está mudando a cara de muitas cidades. Não se trata apenas de empresas tentando aumentar suas receitas por meio da tecnologia; ela faz parte das mudanças pelas quais estão passando as “cidades inteligentes”.

Em 2018, 55% da população mundial estava vivendo em áreas urbanas. O número deve aumentar para 68% até 2050. São mais 2,5 bilhões de pessoas procurando por lares, serviços e empregos em centros urbanos já lotados.

As “cidades inteligentes” adotam tecnologias para melhorar serviços, e a sinalização digital externa parece ser parte fundamental desse processo, pois está em linha com as tendências físicas, tecnológicas e ambientais da atualidade. Há instalações que melhoram a vida em áreas urbanas, ao oferecer bons serviços, manter as pessoas seguras e melhorar a qualidade de vida.

Serviços melhores

A sinalização digital de autoatendimento é cada vez mais comum. Elas são quiosques interativos, máquinas de bilhetes, telas tácteis usadas em varejo e exibições automáticas em compras de drive-thru.

O reconhecimento facial pode ser o próximo passo para a sinalização digital de autoatendimento. O KFC na China está empregando exibições que sugerem refeições com base no sexo e na idade do cliente. Também na China, alguns displays externos de reconhecimento facial são usados pela polícia para monitoramento e identificação.

Segurança

Nos EUA, a sinalização digital também tem sido usada para fins não comerciais. Com as instalações existentes, as autoridades conseguem fornecer alertas meteorológicos em vários estados, a fim de avisar a população sobre furacões e possíveis desastres naturais. É um indicativo de que, em breve, veremos a sinalização digital sendo usada em tempos de crise nas cidades de todo o mundo.

Qualidade de vida

A sinalização digital pode tornar os centros urbanos lugares mais agradáveis. A cidade de Bentonville, no Arkansas (EUA), recentemente trocou alguns de seus outdoors estáticos por digitais, que permitem que vários anunciantes compartilhem o mesmo espaço, em um loop contínuo de conteúdo. Por isso, a cidade conseguiu reduzir o número total de outdoors e melhorar a aparência da região.

As tendências relacionadas às características físicas, tecnológicas e ambientais da sinalização digital externa permitem que empresas e governos ofereçam serviços melhores para um número maior de pessoas. Essas tendências e seus benefícios garantem o crescimento contínuo da sinalização digital externa nos centros urbanos. Com essa integração, todos saem ganhando.

Fonte: DigitalSignageToday



Senfa apresenta nova linha de tecidos para impressão digital

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 29/05/2017
Sublimis evita a migração da tinta digital

Sublimis evita a migração da tinta digital

A Senfa, divisão de substratos da francesa Chargeurs Group, anunciou no mercado internacional a Sublimis, linha de tecidos específicos para impressão digital e comunicação visual.

De acordo com a empresa, a impressão digital de mídias para aplicações backlit, apesar de suas vantagens como cores vivas e boa difusão de luz, causa problemas por causa da migração de tinta. Ou seja, após a impressão, a tinta tende a migrar para áreas onde não deveria. Os tecidos Sublimis foram desenvolvidos para evitar a migração de tinta.

A Sublimis está disponível em duas versões com 3,1m de largura: uma para impressão direta com tinta dispersa e outra para impressão transfer com tinta de corante. Furutamente, a linha expandida para incluir mídias com larguras de 5m.

Blaise Humphries, gerente da Senfa, declarou: “Independentemente da tecnologia de impressão digital empregada, nossos clientes poderão aproveitar todos os benefícios oferecidos pelos tecidos exclusivos da Senfa. Todos os nossos produtos são fabricados na França e atendem aos mais altos padrões”.

Fonte: Senfa