drupa 2021 é cancelada

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/12/2020
Organizadores realizarão evento “virtual.drupa”

Organizadores realizarão evento “virtual.drupa”

A edição de 2021 da drupa, feira internacional de tecnologias de impressão, será cancelada em razão dos impactos da pandemia de covid-19. A próxima edição presencial está programada para junho de 2024. Porém, os organizadores realizarão um evento digital de quatro dias, o “virtual.drupa”, que ocorrerá entre os dias 20 e 23 de abril de 2021.

Erhard Wienkamp, COO da Messe Düsseldorf, responsável pela organização do evento, declarou: “A pandemia causou muitas incertezas entre expositores e visitantes. Restrições de viagens e de orçamento agravaram ainda mais a situação na indústria gráfica. Portanto, tomamos a decisão de cancelar a edição de 2021. Fizemos um estudo detalhado das condições atuais e das necessidades da indústria”.

Claus Bolza-Schünemann, e presidente da drupa, corrobora: “Um evento virtual é formato adequado para o momento atual. A feira presencial era um risco muito grande para muitos expositores, dados os números decrescentes de exportação e faturamento, bem como restrições de viagens, que também afetariam os visitantes. O novo fórum digital é uma plataforma virtual. É uma oportunidade para manter comunicações dentro da indústria até 2024”.

Lançada em outubro, a plataforma virtual da drupa dá uma ideia do que será a “virtual.drupa”. A ideia é oferecer às empresas a oportunidade apresentar suas inovações, além de manter o networking. A organização também está preparando conferências on-line, com palestrantes internacionais que abordarão o futuro da indústria de impressão.

Para os organizadores da drupa, a plataforma digital será um meio para os visitantes comparar tendências e inovações tecnológicas e descobrir novidades.

Fonte: drupa



Lançado novo tipo de cabeça de impressão inkjet

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 12/09/2019
DuraFlex, da Memjet, imprime com resolução de 1600dpi

DuraFlex, da Memjet, imprime com resolução de 1600dpi

A fabricante Memjet anunciou a DuraFlex, nova cabeça de impressão inkjet para equipamentos de única passada. Desenvolvida para os formatos A4 e A3, a peça contém módulos de alta velocidade que controlam todas as funções do processo. O dispositivo é indicado para fabricantes OEM de impressoras digitais benchtop e de entrada.

Com arquitetura modular, a DuraFlex tem a capacidade de estampar com resolução de 1600dpi e pode produzir na velocidade de até 46m/min. O dispositivo é fornecido com um RIP incorporado e também suporta RIPs front-ends externos.

A DuraFlex emprega tintas pigmentadas aquosas. Resistentes a luz e arranhões, esses insumos foram desenvolvidos para aplicações que entram contato indireto com alimentos. Eles também são compatíveis com mídias porosas e substratos com ou sem revestimento.

Segundo a empresa, a DuraFlex possibilita que os parceiros OEM criem soluções de impressão digital para estampar etiquetas, correspondência, documentos para escritório, embalagens e gráficos de grande formato.

Kim Beswick, gerente da Memjet, declarou: “Nosso objetivo ao desenvolver a DuraFlex foi criar uma tecnologia simples, porém robusta, que pudesse fornecer aos parceiros OEM os recursos para criar soluções de impressão digital poderosas e acessíveis. A DuraFlex complementa outras tecnologias da Memjet, sendo um recurso que se encaixa estrategicamente entre nossas soluções VersaPass e DuraLink”.

Fonte: Memjet



Fujifilm lançará Uvistar Hybrid 320 na Drupa 2016

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/03/2016
Equipamento com sistema híbrido tem 3,2m de largura de impressão

Equipamento com sistema híbrido tem 3,2m de largura de impressão

A Fujifilm, fabricante de equipamentos, anunciou que durante a Drupa 2016, feira internacional que ocorrerá entre os dias 31 de maio e 10 de junho, na Alemanha, lançará a Uvistar Hybrid 320, impressora UV híbrida com 3,2m de largura capaz de produzir na velocidade de 195m2/h.

Segundo a empresa, a máquina emprega cabeças Dimatix Q-Class, tintas Uvijet UV e está disponível em modelos com oito (CMYK, Lc, Lm, Lk e laranja) ou nove canais (que inclui tinta branca). Com as tintas light e laranja é possível reproduzir cores correspondentes à escala Pantone e cores específicas de marcas de empresas, ao passo que a tinta branca opaca oferece cobertura e aderência em diversos tipos de substratos. Já as cabeças Fujifilm Dimatix Q-Class e a tecnologia VersaDrop permitem o disparo de gotas com volumes entre 10 e 30 picolitros.

Outras inovações incorporadas ao sistema de alimentação de substratos da Uvistar Hybrid 320 são uma nova cinta patenteada e a tecnologia com seis zonas de vácuo. Esse sistema proporciona maior controle da passagem das mídias pela máquina. Além disso, há um cilindro dançarino que mantém as bobinas sem rugas antes de elas entrarem na área de impressão.

A Uvistar Hybrid 320 também tem capacidade de inserção contínua de mídias rígidas, o que aumenta a produtividade ao alimentar várias peças sequencialmente.

Fonte: Fujifilm