Dicas para escolher a sua impressora para sublimação

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 27/04/2015

Siga as dicas abaixo para adquirir a sua impressora para sublimação e oferecer diversos produtos aos seus clientes

Siga as dicas abaixo para adquirir a sua impressora para sublimação e oferecer diversos produtos aos seus clientes

Há uma enorme variedade de impressoras a jato de tinta (inkjet) para sublimação atualmente no mercado. Essa é, ao mesmo tempo, a boa e a má notícia sobre o assunto. Ou seja, você que pretende adquirir um equipamento sublimático, vai ter de comparar muitos modelos para encontrar o mais interessante para o que você precisa. Para acertar nessa decisão, você tem de saber quais as características mais importantes em termos de eficiência, versatilidade e qualidade.

      Saiba mais sobre sublimação:

Para simplificar, faça uma lista dos pontos básicos e, em seguida, compare as diferentes plataformas. Assim você terá condições de estudar como eles se encaixam em suas necessidades. Os principais são:

1. Tamanho da impressão;
2. Número de cores de tinta;
3. Durabilidade;
4. Velocidade de impressão;
5. Preço.
 

Observe como o preço fica em último lugar. Apesar de todo mundo querer ter o máximo desempenho pelo menor preço, essa não é uma expectativa realista. Não faça do preço a questão mais importante, porque você pode acabar adquirindo uma impressora que não faz o trabalho que você precisa. Assim, você vai ter desperdiçado dinheiro.

1. Tamanho da impressão

Se você pretende produzir imagens grandes, então pense em máquinas de grande formato. Saiba também que você pode usar essas impressoras para produzir peças pequenas.

A análise do tamanho vai determinar se você precisa de um equipamento de mesa ou um de grande formato

A análise do tamanho vai determinar se você precisa de um equipamento de mesa ou um de grande formato

Quando se trata de maximizar a produtividade, o negócio é ter a maior quantidade possível de imagens em uma mesma folha de papel transfer. Por exemplo, se você tem duas imagens no formato de 20 x 25cm: dependendo do tamanho da impressora, você tem de fazer duas impressões, uma para cada imagem. Mas se você tem um equipamento maior (que pode imprimir folhas de 33 x 48cm, por exemplo), você poderá imprimir as duas imagens ao mesmo tempo. Pense em capas para iPhone: o equipamento menor pode imprimir seis imagens por folha, enquanto que o maior pode reproduzir 12 imagens por vez.

E se o formato de 33 x 48cm de papel não é suficiente para você, então considere adquirir impressoras de grande formato do tipo rolo a rolo, que empregam bobinas.

No entanto, não esqueça de usar uma prensa térmica que tenha o formato correspondente ao da sua impressora. Na sublimação, a prensa é um componente essencial, pois a tinta sublimática exige temperatura e pressão específicos, a fim de criar imagens vívidas e que não desbotem, desprendam ou fiquem prejudicadas quando lavadas.

Você vai encontrar uma grande variedade de prensas, com formatos e tamanhos diferentes. E a máquina certa é aquela que tem largura suficiente para dar conta das folhas impressas. Assim, a recomendação é que você compre a prensa depois de ter adquirido a impressora.

Compre a sua prensa térmica depois de ter adquirido a impressora

Compre a sua prensa térmica depois de ter adquirido a impressora

2. Número de cores de tintas

Impressoras inkjet podem ter vários cartuchos de tinta, geralmente em quatro, seis ou oito cores. A paleta padrão é o CMYK (C = ciano, M = Magenta, Y = Amarelo, K = Preto). As impressoras com seis e oito cores possuem cartuchos adicionais como o light cyan, o light magenta e o vermelho.

Para a maioria das aplicações, uma impressora de quatro cores (CMYK) já é suficiente. No entanto, se você pretende fazer trabalhos fotográficos e de arte, nos quais a reprodução de tons sutis faz toda diferença, então considere uma impressora de seis ou oito cores.

Para tirar a dúvida sobre qual escolher, na hora de comprá-la, peça para que o fornecedor reproduza a mesma imagem em diferentes equipamentos, para que você possa comparar os resultados.

3. Durabilidade

Impressoras não são construídas para durar para sempre, especialmente quando usadas com muita frequência. Uma impressora inkjet para escritório foi projetada para ser usada por apenas alguns minutos diariamente. Assim, quando você adapta esse tipo de equipamento para a sublimação digital, você está aumentando exponencialmente o uso dele. Não se surpreenda no caso de uma impressora bem rodada durar cerca de dois anos.

As impressoras de escritório não foram projetadas para ter uma vida útil muito longa

As impressoras de escritório não foram projetadas para ter uma vida útil muito longa

Não importa o quão consistente é o sistema, se ele for utilizado durante um longo período, as cabeças acabam entupindo. Esta é uma realidade da química, e não um defeito da tinta ou da impressora.

Uma dica importante é seguir as instruções de manutenção tanto dos fornecedores de tinta quanto dos fabricantes de impressoras, como fazer o flushing quando a máquina não for utilizada por um determinado período.

Algumas impressoras possuem funções de limpeza automática, de forma que você só precisa deixá-las ligadas. Para equipamentos sem funções de limpeza automática, os operadores devem limpar as cabeças pelo menos uma vez por semana. Esse procedimento gasta tinta, mas é uma alternativa melhor do que uma cabeça entupida.

4. Velocidade de impressão

Todo mundo quer ter uma impressora rápida. Afinal, quanto mais peças produzidas, mais lucro. Mas tome cuidado para não sacrificar a qualidade em função da velocidade – a menos que a sua preocupação seja apenas com a produtividade. Quanto ao assunto, também é interessante notar que a tecnologia tem evoluído muito. Atualmente, mesmo as impressoras mais lentas são muito mais rápidas do que os equipamentos lançados alguns anos atrás.

5. Preço

Sem dúvida, o preço é sempre um fator elementar. Porém, como dito anteriormente, ele não deve ser o mais importante.

Preço é uma preocupação de curto prazo, e o desempenho é uma consideração de longo prazo – e pensar apenas a curto prazo, normalmente, é um obstáculo para o crescimento do negócio.

A boa notícia é que mesmo uma impressora (de escritório) top de linha, para impressão por sublimação, tem um preço razoável, especialmente quando comparado com equipamentos de bordado, serigrafia ou garment printing.

 

Publicado com exclusividade pelo Portal InfoSign, responsável pela tradução e adaptação do artigo, originalmente veiculado no blog How To Sublimate, mantido pela Sawgrass.



Fespa Madrid 2020 será realizada em outubro

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 26/03/2020
Pandemia de covid-19 foi a causa da reprogramação de data

Pandemia de covid-19 foi a causa da reprogramação de data

A Fespa anunciou que sua principal exposição, a Global Print Expo 2020, está agendada para ocorrer entre os dias 6 e 8 de outubro, na IFEMA - Feria de Madrid, na Espanha. Originalmente, o evento estava programado para março. Porém, teve que ser adiado devido à pandemia de covid-19.

Segundo a organizadora, apesar do impacto que o coronavírus está causando no setor de impressão, a Fespa está extremamente satisfeita em confirmar que suas exposições ocorrerão em novas datas.

Neil Felton, CEO da Fespa, declarou: “Durante esse período difícil, permanecemos em diálogo com os nossos expositores para estabelecer a melhor maneira de apresentar os lançamentos deles para 2020, além de nutrir perspectivas para o setor de impressão especializada e alimentar seu crescimento”.



Como escolher o RIP perfeito para os seus negócios

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/10/2019
O software de processamento de imagens cumpre papel fundamental na impressão digital

O software de processamento de imagens cumpre papel fundamental na impressão digital

No início da era digital, o software RIP era a principal ferramenta das impressoras. Hoje, outras soluções operam simultaneamente ao processador de imagem, como os aplicativos de acesso remoto, compartilhamento de arquivos e armazenamento em nuvem. No entanto, os RIPs ainda têm uma grande importância: a qualidade da impressão depende deles.

Atualmente, há excelentes RIPs embutidos nas impressoras digitais. É uma boa maneira de garantir a compatibilidade entre software e hardware. Mas se você trabalha em uma gráfica ou birô que deseja investir em um novo software RIP, vale lembrar que esta é uma questão comercial e técnica. Então, pergunte-se: Qual é o foco da sua empresa? Rapidez e preço baixo? Qualidade superior em tudo? Atuar em um novo nicho? Você precisará adquirir equipamentos num futuro próximo? Todas essas questões influenciam a sua decisão de compra.

Também é importante pesquisar os softwares: Você sabe quem desenvolveu o RIP fornecido com a impressora? É da própria marca dao equipamento? É genérico e anônimo? Qual é o histórico do fornecedor?

A origem do RIP tem importância. Se for de propriedade do fornecedor da impressora, informe-se sobre assistência técnica, atualizações, escalabilidade e flexibilidade. Se isso for complicado, você deve confiar no fornecedor? Como você vai lidar com um problema de gerenciamento de cores? Onde você irá obter suporte? Se o fabricante estiver um local distante, como ele vai dar o suporte?

É fundamental contar com o suporte do fornecedor, e a assistência técnica não existe apenas para corrigir falhas, mas também para oferecer conhecimento especializado, melhorar a eficiência do fluxo de trabalho, informar sobre tendências, aplicativos e produtos, além de oferecer consultorias para o desenvolvimento dos negócios. Um bom fornecedor de software desejará construir um relacionamento, e não apenas vender o software. A qualidade do suporte é algo que deve estar no topo de sua lista de verificações. Se você está satisfeito com a sua impressora, descubra se ela rodará bem com o RIP do fornecedor com o qual você esteja familiarizado.

Aplicativos de dispositivos móveis fornecem relatórios de tarefas e tendências de produção e ajudam os gerentes a controlar seus negócios

Crescimento a longo prazo

Ao escolher um RIP, considere as necessidades comerciais da sua empresa, para garantir que o software tenha os recursos que ajudem no crescimento dos seus negócios. Verifique também o quão fácil é adicionar novas ferramentas. O aplicativo oferece todos os recursos que você quer? Ou, ao contrário, você precisa de poucos recursos? Nesse caso, um RIP mais básico, porém robusto, é a melhor alternativa. No entanto, não deixe de verificar a capacidade de atualização e suporte do software.

Com o aumento do gerenciamento remoto de trabalhos, é importante que os gerentes possam visualizar relatórios de tarefas e progressos por meio de dispositivos móveis, para que os negócios sejam mantidos sob controle. Nesse caso, recomenda-se um RIP em nuvem que ofereça armazenamento seguro.

Pense em um RIP que se integre aos negócios. Por isso, explore as opções de softwares que suportam todos os equipamentos disponíveis na sua empresa. Por exemplo, se você produz muitos banners e possui uma plotter e duas impressoras, o melhor é ter um único aplicativo que combine essas funções e rode todos os dispositivos. Isso simplifica a operação.

Para ter vantagem competitiva, é cada vez mais importante diferenciar as ofertas da sua empresa. Estão sempre surgindo novas demandas por materiais, cores e formatos. Portanto, escolha RIPs abertos a integrar novos recursos, como os de produção e acabamento de placas por meio de routers CNC.

Para encontrar o RIP adequado, é preciso levar em consideração as demandas de velocidade, qualidade e funcionalidade da empresa. Se o preço não fosse problema, qual solução você compraria? E lembre-se: o que é bom pode hoje, pode não ser suficiente daqui a seis meses.

E atualmente existem diversas alternativas de aquisição e uso de um RIP, como a assinatura mensal. Há opções de contrato de apenas um mês que oferecem todos os recursos mais recentes de um aplicativo. Essa pode ser uma opção muito boa para manter os custos em dia e usar de maneira eficaz as ferramentas do aplicativo.

O software RIP continua sendo uma ferramenta importante e influencia toda a operação da impressão digital. A escolha certa permitirá que você aproveite ao máximo seus hardwares e seus negócios.

Este artigo foi produzido pela desenvolvedora SAi e traduzido pela redação do portal InfoSign

 



Clicky