Envelopamento de carro: dicas para uma aplicação profissional

Por Eduardo Yamashita em 28/11/2015

É fato: o grande público está apaixonado pelo envelopamento de carros. Personalizar, proteger e diferenciar o próprio veículo, para deixá-lo com aparência fosca, brilhante, supercolorida ou mutante: a febre veio mesmo para ficar. E, além disso, não podemos esquecer a adesivação de veículos corporativos, que sempre foi um belo filão do mercado de comunicação visual — e também está em franca expansão.

Envelopamento de carro: adesivação de retrovisor (passo a passo)
Envelopamento de carro: adesivação de porta (passo a passo)
 

A evidência e o crescimento fazem com que mais profissionais entrem e passem a competir no segmento, o qual podemos dividir em três núcleos de empresas:

- Fornecedoras de materiais: fabricantes e distribuidores de vinis e películas adesivas e acessórios para a aplicação, como sopradores térmicos e espátulas;

- Adesivadoras: empresas ou profissionais que fazem a instalação das películas sobre a superfície dos veículos;

- Clientes: consumidores e empresas que solicitam e compram o envelopamento de carro.

Se você faz parte de algum desses grupos, confira as dicas abaixo. Elas tratam tanto da escolha quanto da aplicação correta no envelopamento de carro.

Saiba quando escolher entre o vinil cast e o calandrado

Tipo de vinil

Para saber de antemão qual será o comportamento da película adesiva (vinil) na superfície a ser adesivada, você tem que conhecer as seguintes variáveis:

Filme de PVC:

- Calandrado (mais espesso): use em superfícies planas e curvas simples;

- Cast (mais fino): use em todos os tipos de superfícies (planas, curvas simples, compostas, baixos relevos).

Adesivo:

- Sensível à pressão (adere muito fácil à superfície): use para superfícies planas e curvas simples. Recomendado o método de aplicação úmida;

- Ativado por pressão (a adesão inicial é menor): use para todas as superfícies. Método recomendado: aplicação a seco.

Tipo de imagem

Há uma série de películas coloridas (com ou sem textura) disponíveis no mercado. Também existem as películas brancas sobre as quais pode-se imprimir imagens por meio de impressoras digitais. Nesse caso, atente-se ao solvente da tinta: ele deve estar totalmente seco (evaporado). Saiba também que ele pode agredir o filme de PVC e, em alguns casos, o adesivo.

Tipo de superfície

O envelopamento de carro contempla superfícies bem irregulares e curvas complexas (que exigem habilidade do adesivador). E antes de aplicar a película, não deixe de checar a ancoragem (adesão) da pintura (verniz e tinta) em toda a extensão da lataria. Se ela não estiver adequada, nem pense em começar a aplicação. No caso de metais sem pintura, verifique se não há oxidação, que também atrapalha o envelopamento.

Envelopar carro exige habilidade do adesivador: ele encontrará muitas superfícies complexas

Limpeza da superfície

Para a adesão adequada da película, a superfície deve estar limpa, ou seja, isenta de elementos que diminuam a ancoragem do adesivo. Veja exemplos de contaminantes: graxa, gordura, óleo, silicone, poeira, fiapos de pano, entre outros. Para a limpeza, use:

- Água e detergente neutro: remove poeira e fiapos;

- Solventes: retira graxa, gordura, silicone, óleo, piche. Exemplos: álcool comercial (para plásticos, em geral), álcool isopropílico (para vidros) e desengraxante comercial (para superfícies pintadas e metais);

- Removedores de adesivos: remove colas deixadas por outras películas autoadesivas.

Dica importante: tente começar a aplicação logo em seguida da limpeza. Não espere. Nesse meio tempo, a superfície pode ser novamente contaminada por sujeira.

Antes da aplicação, é fundamental limpar a superfície do veículo

 

Aplicação da película

Em superfícies complexas (como as encontradas no envelopamento de carros), a aplicação deve ser a seco. No método úmido, vestígios de água permanecerão entre o adesivo e a superfície — o que formará bolhas. Nessa hora, o uso de ferramentas adequadas ajuda muito na instalação:

- Fita crepe: para posicionar a imagem. Dispositivos com imãs também podem ser usados nesta etapa;

- Espátula: para aplicação do vinil. Muitas vezes, é necessária uma proteção na espátula para não riscar a imagem;

- Estilete e lâmina: para refilar a imagem. O corte da lâmina deve estar afiado, para evitar riscos na superfície do veículo;

- Furador de bolhas: para remover as bolhas deixadas na aplicação. O estilete não é a ferramenta adequada nessa operação. Deve-se usar agulhas, porque elas perfuram o vinil, e não causam cortes;

- Soprador térmico: para “moldar” o vinil adesivo nas curvas complexas.

Para uma aplicação profissional, use instrumentos, como o furador de bolhas, na hora da instalação

Checklist

Para cada envelopamento de carro, antes e depois da aplicação, recomenda-se fazer um checklist. Ele registra as evidências de cada trabalho, para futuros problemas ou para o fornecimento de uma garantia ao cliente. Esse documento deve conter todas as condições iniciais do veículo, bem como os materiais utilizados — e até fotos do trabalho finalizado.

Texto originalmente publicado com exclusividade no InfoSign, no dia 28 de novembro de 2012.

Sobre o autor: Eduardo Yamashita é consultor técnico especializado em vinis, envelopamentos de carro e comunicação visual.



Xaar apresenta estudo sobre sistema de recirculação de tinta inkjet

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 26/11/2020
Tecnologia TF foi o objetivo da pesquisa

Tecnologia TF foi o objetivo da pesquisa

A fabricante Xaar realizou uma série de experimentos de laboratório para demonstrar a eficácia do sistema de recirculação da tecnologia TF, criada há mais de uma década.

Os resultados dos experimentos foram apresentados no documento “What goes around, comes around”, que, entre outros tópicos, compara a recirculação de tinta da tecnologia TF com técnicas alternativas usadas por outros fabricantes de cabeça de impressão.

O documento mostra também que as tecnologias não são iguais e que a arquitetura da cabeça determina a qualidade da recirculação de tinta.

De acordo com a empresa, a tecnologia TF é um elemento chave da plataforma ImagineX, recentemente anunciada pela Xaar e que impulsionará os próximos 30 anos de inovação em vários segmentos da inkjet.

Junto com a arquitetura exclusiva Hybrid Side Shooter, a tecnologia TF permite que a tinta e outros fluidos passem diretamente pela parte de trás do nozzle durante o disparo da gota em taxas de fluxo muito altas. Isso mantém a cabeça operacional e a tinta em movimento constante, o que evita a sedimentação e o bloqueio dos nozzles, especialmente em tintas pigmentadas. Bolhas de ar e partículas indesejadas da tinta também são expelidas, melhorando a confiabilidade do sistema.

Lançada em 2007, a tecnologia XF possibilitou aplicações como a impressão de tinta pigmentada branca de alta opacidade para etiquetas e se tornou um requisito da indústria inkjet.

Angus Condie, diretor de tecnologia da Xaar e um dos autores do estudo, declarou: “Nossa pesquisa prova que as soluções de recirculação de tinta variam de acordo com seus projetos arquitetônicos, produzindo resultados muito diferentes. A tecnologia TF supera suas rivais e continua sendo uma a referência, além de oferecer a mais ampla janela de operação em impressão inkjet”.

Fonte: Xaar



Anunciados os sete finalistas do Wrap Like a King, campeonato de envelopamento promovido pela Avery

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 26/10/2015
Finalistas da edição 2015 do Wrap Like a King se encontrarão na feira Sema

Finalistas da edição 2015 do Wrap Like a King se encontrarão na feira Sema

A Avery Dennison, fabricante de películas adesivas, anunciou os trabalhos finalistas do Wrap Like a King, competição internacional de envelopamento de carros. Um júri composto por profissionais especializados escolheu os vencedores de sete das regiões nas quais o concurso se realiza: Europa, Canadá e cinco territórios dos EUA (Sul, Leste, Oeste, Centro e Meio-Oeste).

No estande da Avery dentro da feira Sema, que ocorrerá entre os dias 3 e 6 de novembro, em Las Vegas, EUA, os sete vencedores regionais (ver imagens abaixo) se encontrarão para competir pelo prêmio máximo, o King of the Wrap World. Nessa última fase, os instaladores terão de mostrar suas habilidades ao envelopar veículos durante o evento.

Os juízes avaliaram um total de 173 trabalhos inscritos, levando em conta critérios como habilidade requerida para a instalação, qualidade da aplicação, diferenciais de design e transformação visual (a diferença entre o veículo antes e depois do envelopamento).

Cada vencedor regional ganhou um pacote de prêmios no valor de 3.200 dólares, que inclui estadia de três noites em Las Vegas (para participar da feira Sema), 500 dólares em dinheiro, uma bobina de vinil Avery Dennison Wrap Class, um troféu Regional Wrap King, uma sessão de autógrafos com Ryan Friedlinghaus, da West Coast Customs, e serviços de suporte de marketing da Avery Dennison.

A Avery também anunciou que o campeão mundial da competição, a ser anunciado durante a feira Sema, receberá um prêmio adicional de 500 dólares em dinheiro, um troféu King of the Wrap World e quase mil dólares em serviços de apoio de marketing, como anúncios no site da Avery e em publicações impressas e de feiras de negócios.

Um dos pré-requisitos para participar do Wrap Like a King é utilizar vinis da Avery, de linhas como Supreme Wrapping, Conform Chrome e Supercast. Conheça os finalistas:

Centro dos EUA: Psycho Hurricane, trabalho realizado pela PG NOLA, de Nova Orleans. Uma Lamborghini Huracan foi adesivada com vinis Conform Chrome Silver, High Visibility 1200 Black Reflective e Black Chrome, além de laminação com DOL 1370
Vencedor do Centro dos EUA: Psycho Hurricane, trabalho realizado pela PG NOLA, de Nova Orleans. Uma Lamborghini Huracan foi adesivada com vinis Conform Chrome Silver, High Visibility 1200 Black Reflective e Black Chrome, além de laminação com DOL 1370
Leste dos EUA: Custom Chrome Shelby 1000, trabalho realizado pela Designer Wraps, de Millville. Um Ford Shelby Mustang foi adesivado com Conform Chrome e laminação DOL 1460
Vencedor do Leste dos EUA: Custom Chrome Shelby 1000, trabalho realizado pela Designer Wraps, de Millville. Um Ford Shelby Mustang foi adesivado com Conform Chrome e laminação DOL 1460
Meio-Oeste dos EUA: SpadeMade Ram, da Spade Kreations, de Cincinnati. Um Dodge Ram 2500 Mega Cab foi adesivado com Supreme Wrapping Film Matte Black e Conform Chrome Gold, além de laminação DOL 1080
Vencedor do Meio-Oeste dos EUA: SpadeMade Ram, da Spade Kreations, de Cincinnati. Um Dodge Ram 2500 Mega Cab foi adesivado com Supreme Wrapping Film Matte Black e Conform Chrome Gold, além de laminação DOL 1080
Sul dos EUA: Chrome
Vencedor do Sul dos EUA: Chrome "Rust Bucket" Caddy, da MetroWrapz, de Hollywood. Um Cadillac Escalade ESV foi adesivado com Supreme Wrapping Film Matte Black e Gloss Black e Conform Chrome Silver, além de laminação com DOL 1080
Norte dos EUA: Pagani Huayra, da SS Customs, de Redwood City. Um Pagani Automobili Huayra foi adesivado com Supreme Wrapping Film Satin Black e Conform Chrome Black
Vencedor do Norte dos EUA: Pagani Huayra, da SS Customs, de Redwood City. Um Pagani Automobili Huayra foi adesivado com Supreme Wrapping Film Satin Black e Conform Chrome Black
Canadá: Sekanskin in Mississauga, de Ontário. Um Nissan 370Z foi adesivado com Supreme Wrapping Film Milky Way, Satin Pearl Cielo Blu e Gloss Yellow
Vencedor do Canadá: Sekanskin, de Ontário. Um Nissan 370Z foi adesivado com Supreme Wrapping Film Milky Way, Satin Pearl Cielo Blu e Gloss Yellow
Europa: M4 Colourexplosion, da SIGNal Reklame GmbH in Schwäbisch Hall, da Alemanha. Uma BMW M4 foi adesivada com MPI 1005 e laminação DOL 1400
Vencedor da Europa: M4 Colourexplosion, da SIGNal Reklame GmbH in Schwäbisch Hall, da Alemanha. Uma BMW M4 foi adesivada com MPI 1005 e laminação DOL 1400

Fonte: Wrap Like a King