Review: Impressora sublimática de pequeno formato SureColor F170

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 26/04/2021
Lançamento é a menor impressora para sublimação disponível atualmente no mercado

Lançamento é a menor impressora para sublimação disponível atualmente no mercado

Atire a primeira pedra quem, do mercado de sublimação de pequeno formato, nunca viu (ou usou) uma impressora Epson adaptada. A prática, sempre rechaçada pela marca, consiste em transformar modelos desktop à base d’água, alterando componentes e mudando suas configurações. A fabricante redundou em fazer oposição a essas conversões por uma razão elementar: os mecanismos dessas máquinas não foram projetados para operar com tintas e componentes do processo sublimático. Portanto, as adaptações podem comprometer a estrutura e o funcionamento dos aparelhos.

No entanto, embora refutasse as adaptações em suas máquinas, a Epson não oferecia uma solução original de sublimação de pequeno formato. Isso durou até o anúncio da nova SureColor F170 no final de 2020, que foi lançada oficialmente no Brasil no começo de 2021. Desde então, a fabricante, por meio de várias distribuidoras regionais e nacionais, está disponibilizando a solução de apenas 8,5 polegadas (21,6cm) e formato A4, para, enfim, satisfazer uma antiga necessidade de muitos empreendedores e donos de pequenas e médias empresas que atuam no mercado promocional, de presentes e de produtos personalizados. O equipamento estampa imagens com alta qualidade em canecas, chapéus, mousepads, máscaras faciais, capas de celulares, camisetas promocionais, entre outros itens e substratos.

Compacta e simples de operar e manter, a F170 pode ser instalada não só em escritórios de empresas de pequeno porte, mas também em casas, em espaços home office. Além disso, seu preço acessível e seu baixo custo de operação tornam a impressora ainda mais atraente. Não à toa, a Epson, em poucos meses, já vendeu mais de 100 unidades para empreendedores e empresários do país — donos recentes da F170 que poderão ter um retorno rápido de seus investimentos. A fabricante estima que, após o consumo de cinco garrafinhas de tinta (o equivalente a mais ou menos mil canecas estampadas), é possível pagar o equipamento.

A impressora vem acompanhada de quatro frascos de 140ml de tinta (um para cada cor)

Tinta e papel

Além do baixo custo de aquisição e operação, a F170 dá saída a imagens de alto contraste e saturação de cores. Um dos elementos responsáveis por isso é a tinta original Epson UltraChrome DS, que dura até dois anos depois de impressa e é certificada OEKO-TEX ECO PASSPORT, selo que garante a segurança das peças produzidas para adultos, crianças e bebês de até 1 ano.

O sistema de alimentação de tinta da F170 é simples e conta com o abastecimento Ecofit, de fácil carregamento, que não gera sujeira nem desperdício. O dispositivo é composto por quatro tanques de 100ml, cada qual dedicado a uma das cores de processo CMYK (sendo a opção preta de alta densidade).

Um conjunto de quatro frascos de 140ml de tinta (um para cada cor) vem na caixa. Portanto, o usuário, assim que recebe a impressora, dispõe de todos os elementos para começar a rodar o equipamento (veja o vídeo abaixo). Quanto ao uso da tinta, a Epson é taxativa: a F170 foi projetada para rodar somente com tinta original (da própria Epson).

Para manter as qualidades intrínsecas das tintas originais, a fabricante recomenda o uso do papel Epson DS Transfer Multi Use, no formato de 8,5" x 47,2". Isso porque o material apresenta características que combinam com todas as configurações de impressão da F170, para produzir resultados de qualidade e prontos para uso. O papel, que garante secagem instantânea, evita manchas e marcas de rolo e é o suporte recomendado para garantir a qualidade fotográfica das imagens impressas.

Sistema Ecofit: carregamento fácil e sem desperdício das tintas UltraChrome DS

Instalação

Não é necessário fazer treinamento para rodar e instalar a F170. Suas operações são intuitivas e fáceis. No entanto, é necessário providenciar alguns requisitos para que a máquina produza a contento. É o caso do computador, que deve ter sistema operacional MacOS (nas versões X 10.6 ou 10.15.x5) ou Windows (10, 8, 8.1 ou 7). É também preciso cuidado com os requisitos elétricos, como a tensão nominal (de AC 100V - 240V universal), a frequência nominal (de 50Hz - 60Hz) e a corrente nominal (de 0,4A - 0,2A). O consumo de energia da F170 em operação é de aproximadamente 13W. Quando ligada, ela gasta 4,1W. Já em repouso, o gasto é de 0,7W.

Para mostrar o quão fácil é começar a rodar a F170, a filial norte-americana produziu um vídeo com o unboxing do equipamento, indicando as peças e os procedimentos para instalar, rodar e manter a impressora sempre pronta para uso:

Tecnologia de impressão

Além de rodar com tintas e papéis originais, a F170 vem equipada com outro elemento desenvolvido com exclusividade pela Epson: a cabeça de impressão PrecisionCore Micro TFP, com tecnologia de volumes variáveis e controle preciso das gotas disparadas (Precision Droplet Control) — ambos fundamentais para a clareza excepcional nas impressões com resolução de 1.200 x 600dpi, produzidas em velocidade de 65 segundos por folha A4.

As cabeças, que não aquecem, estão configuradas de forma a empregar 784 bicos (nozzles), sendo 400 bicos para a tinta preta e 384 bicos divididos igualmente para as opções cyan, magenta e amarelo.

Embutindo um driver de impressão otimizado para sublimação, a F170 conta com conexões USB, Ethernet e wireless integrado e com uma bandeja de alimentação automática com capacidade para 150 folhas.

Bandeja de papéis A4, com capacidade de 150 folhas

Manutenção

Com um ano de garantia, a F170 requer pouca manutenção. Os poucos procedimentos necessários são fáceis de executar e podem ser observados no manual que acompanha a máquina. Um deles é a troca da caixa que armazena o refugo de tinta proveniente das limpezas das cabeças. Tanto a impressora quanto o software informarão quando a peça precisará ser substituída.

Caso o operador da F170 precise de alguma assistência, a Epson oferece diversos serviços, que contemplam manuais de produtos e suporte para baixar drivers. Há também centros de serviços autorizados para a assistência técnica dos produtos da marca, que está desde 1982 no Brasil e possui três unidades no país  — em São Paulo, no Rio de Janeiro e no Amazonas.



Feira Fespa Brasil 2016 tem data e local marcados

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 25/03/2015

Organizadores estão preparando uma série de novidades para a Fespa Brasil 2016

Organizadores estão preparando uma série de novidades para a Fespa Brasil 2016

A edição de 2016 da Fespa Brasil vai ocorrer entre os dias 6 e 9 de abril, das 13h às 20h, no pavilhão Branco do Expo Center Norte, na cidade de São Paulo.

Segundo a organização, em 2015, o evento atraiu 14 mil visitantes únicos.

Leia a cobertura que o portal InfoSign fez das edições passadas da feira:

Fonte: Fespa Brasil



Nordeste é a região onde as indústrias gráficas mais crescem no país

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/07/2019
Com a grande concentração de empresas do setor, Ceará receberá a feira Signs Nordeste 2019

Com a grande concentração de empresas do setor, Ceará receberá a feira Signs Nordeste 2019

O Nordeste possui mais de três mil empresas do setor gráfico e é a região que atualmente registra o maior crescimento no mercado. Para atender a essas empresas, chega à capital cearense a Signs Nordeste, feira de impressão digital, sinalização e serigrafia, que ocorrerá entre os dias 10 e 13 de setembro, no Centro de Eventos do Ceará (Pavilhão Leste). Grátis, a inscrição já pode ser realizada no site do evento.

“Juntamente com Bahia e Pernambuco, o Ceará é o estado com maior a concentração de empresas do setor gráfico. Por isso, vimos a necessidade de alimentar este mercado com informação, tecnologia, networking e tudo mais que uma feira como a Signs Nordeste tem para oferecer”, comenta Hélvio Pompeo Madeira, diretor-presidente do Febratex Group, empresa especialista na promoção de feiras de negócios.

Maquinários de ponta, novidades do mercado, produtos e serviços serigráficos e matérias-primas para impressão têxtil são algumas das tecnologias que poderão ser conferidas durante a Signs Nordeste.

As negociações também são um ponto forte da feira: “Com este evento, buscamos reunir as marcas em torno de soluções inovadoras. Quem participa da exposição, tem oportunidade de ampliar seu portfólio, ficar por dentro das novas soluções, estreitar relacionamento com fornecedores e, claro, contribuir para o crescimento da indústria nacional, que é nosso principal objetivo”, finaliza o diretor.

Evento ocorrerá entre os dias 10 e 13 de setembro, no Centro de Eventos do Ceará

Fonte: Signs Nordeste