Dicas para aplicar o envelopamento líquido (Power Revest, da Imprimax)

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 14/01/2013

Desde o lançamento do Power Revest, produto desenvolvido pela Imprimax, muitos carros já receberam o envelopamento líquido. Na mesma proporção, muitos profissionais tiveram de aprender a utilizar a novidade, para aplicá-la corretamente, evitando desperdícios e otimizando o resultado do envelopamento.

Além de agitar bem a lata antes de utilizá-la e limpar a válvula (virando-a de cabeça para baixo e pressionando até cessar o jato), o aplicador deve atentar-se aos seguintes itens (recomendados pela própria fabricante, a Imprimax):

Dicas para aproveitar melhor o Power Revest

  •  A influência do processo de aplicação: com pincel, trincha ou rolo, ocorre uma perda de 5% a 15% do Power Revest. Já nas aplicações com pistolas convencionais, a perda é maior: em torno de 30%.
  •  Em pinturas feitas em ambientes externos: principalmente quando está muito quente ou ventando muito, pode-se perder o dobro das quantidades mencionadas no item anterior. E o caso da aplicação com pistola é o mais crítico.
  • A forma de aplicação: também influi no rendimento. Se o pintor não tiver treinamento, habilidade e experiência, ele pode desperdiçar tempo e material. Por exemplo: na distribuição do produto sobre a superfície do carro. Se ele for aplicado em excesso, para atingir uma determinada espessura, a camada vai ficar sem uniformidade, prejudicando o resultado da aplicação.
 
Dicas para melhorar a aplicação do envelopamento líquido

Dicas para melhorar a aplicação do envelopamento líquido

 Dicas para aplicação e rendimento

 
  • Recomenda-se a diluição (com Redutor Power Revest) de, no mínimo, 10% do volume (podendo variar).
  • Durante a pulverização, se aparecerem névoas, partículas ou teias, pare a aplicação. Esses problemas tem como causa a diluição. Portanto, a recomendação é fazer a adição de 10% de redutor. Em seguida, faça o teste. Se ainda ocorrer a formação de teias, misture mais redutor (de 10% em 10%) até que a formação de teias pare. Saiba que o redutor diminui a viscosidade e retarda a secagem da produto.
  • As aplicações "ásperas" ocorrem quando o produto está caindo "seco" sobre a superfície. Para evitar que isso aconteça, regule bem a pistola, após acertar a diluição do Power Revest. Experiências com regulagens auxiliam muito na aplicação.
  • Variação climática (isto é, dias muito quentes ou frios) influencia na secagem do produto. A dica, para esses casos, é aumentar a diluição do Power Revest. Depois, será necessária a aplicação de uma ou mais demãos além do normalmente recomendado.
  • Não é necessário cobrir as partes onde o material não será aplicado. Porém, se cobri-las, você terá maior economia e menos tempo de limpeza.

Tabela para quantidade de Power Revest a ser utilizado:

 
  Exemplosde modelos Quantidade total de Power Revest Quantidade de Redutor necessária
Motos Burgman, CG, Fazer, Twister, Ninja, R1, Hornet choppers e carenadas em geral. De 1/4 a 2/4 (de 900 a 1.800ml) 1 Litro
Carros pequenos Hatchs em geral, Gol, Uno, fiesta, Mini Cooper, Corsa, Golf, Punto, 206, Clio etc. De 7/4 a 8/4 (6.300 a 7.200ml) 3 Litros
Carros médios Sedans em geral, Honda, Corolla, Elantra, Vectra, Sandero, Voyage etc. De 8/4 a 9/4 (de 7.200 a 8.100ml) 3 Litros
Carros grandes Modelos SW em geral, Omega, Azzera, Sonata, Malibu, BMW 325, Mercedes 180, Fusion, Passat etc. De 10/4 a 11/4 (de 9.000 a 9.900ml) 4 Litros
SUVs SUVs em geral Grand Blazer, Captiva, Edge, Freemont, Land Rover, Santa Fé, IX35, Ecosport, Silverado etc. De 12/4 a 13/4 (de 10.800 a 11.700ml) 4 Litros
Rodas De aro 15 a 22 De 1/4 a 2/4 (de 900 a 1.800ml) 1 Litro

Observações:

  •  1/4 de Power Revest cobre até 0,80m², na espessura recomendada: entre 0,08 e 0,12micra (de 8 a 12 demãos);
  •  A tabela acima leva em conta os diversos equipamentos de pintura. A variação (da quantidade total do produto) ocorre em função do dispositivo e da forma de aplicação;
  •  1/4 de Power Revest equivale a 900ml.

Fonte: Imprimax. Edição do texto: InfoSign



3M lança solução de sinalização digital em grande formato

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/01/2014

A 3M, fabricante de tecnologias, anunciou no mercado internacional um display multi-touch para sinalização digital interativa. Com 42 polegadas, a tela, intitulada de C4267PW, apresenta a mesma tecnologia de toque empregada em smartphones e tablets. Além disso, tem capacidade de rastrear até 60 toques simultâneos.

3M C4267PW, display para sinalização digital multi-touch

3M C4267PW, display para sinalização digital multi-touch

O novo display, que pode ser instalado em paredes, apresenta o MT7.14 Microsoft Windows 7, um driver gratuito que permite aos desenvolvedores de software criar aplicações mais imersivas, com interação simultânea de vários usuários. O drive está disponível para download no link 3m.com/multitouch.

Diego Romeu, gerente global de negócios da divisão eletrônica da 3M, declarou: "Estamos empenhados em fornecer displays multi-touch de alto desempenho para a indústria de grande formato. Com 25 anos de experiência em eletrônica, a 3M pode atender as necessidades de clientes no mundo todo".

Fonte: Digital Signage Connection



Impressora digital (grande formato): dicas para escolher a ideal

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 07/11/2012

Não, escolher uma impressora digital não é fácil. O empresário, além de correr inúmeros riscos ao investir num equipamento, depara com centenas de modelos, entre novos e usados, na hora de adquirir a máquina. O assédio dos fornecedores é grande. A concorrência é acirrada. Então, o que fazer para acertar — ou diminuir as incertezas — na hora de escolher a impressora? O InfoSign mostra algumas dicas rápidas, mas não rasteiras, principalmente para os empresários iniciantes.

Conheça a sua clientela

Comprar uma nova impressora para quê? Fazer e responder a essa questão é o primeiro passo. A sua empresa tem essa necessidade para atender quais clientes e demandas? Se você não souber, corra imediatamente atrás dessas informações. Quanto mais foco e clareza você tiver, melhor. Há muitas possibilidades de aplicações. E saiba que não existe uma impressora que dê conta de todas elas.

Qual é o tipo de serviço que o seu cliente demanda? PDV é opção

A verba que você dispõe para o investimento

Ok, você já conhece o seu foco. Por exemplo: estamparia e personalização de tecidos. Ao saber disso, você naturalmente vai restringir as suas possibilidades de investimento (o que aumenta as suas chances de acerto). Porém, há outras limitações, como o montante que a sua empresa dispõe para o investimento.

E mais: não pondere apenas o preço da máquina. O investimento vai além: há gastos com periféricos (no-break e computador, por exemplo) e instalação (aterramento, ar condicionado, sala de impressão, entre outros). Se você dispõe de 50 mil reais, por exemplo, gastará aproximadamente 20 mil reais para a correta acomodação do equipamento. O restante do valor fica para a impressora (esse é apenas um exemplo; há muitos outros).

Conheça as impressoras e as tecnologias agregadas

Aprenda o máximo possível sobre impressoras digitais e suas aplicações. Aos olhos do leigo, parece não haver muita diferença entre as tecnologias UV e látex. Mas quem as conhece a fundo sabe que ambas têm características bem particulares.

É fundamental dominar informações sobre dispositivos, auxiliares, periféricos, softwares, tipos de tintas, sistemas de alimentação de substratos, entre outros elementos essenciais de uma impressora. Saiba, também, que a tecnologia digital está em evolução constante e que as máquinas entram em rápida defasagem. Portanto, use mídias, como o InfoSign, para conhecer mais a tecnologia e se manter atualizado.

Conheça o mercado: fabricantes, distribuidores, concorrentes e parceiros

Procure empresas com as quais você possa fechar uma parceria. Tenha em vista que a compra de uma impressora não envolve apenas a negociação, mas também toda uma série de atividades pós-venda, como entrega, instalação, assistência técnica entre outros serviços.

Busque conhecer empresas que tenham credibilidade e solidez. Para tanto, consulte empresários que já adquiriram impressoras digitais. Colha informações. Não hesite em ir aos show rooms das fornecedoras. Converse com os vendedores e técnicos. Visite feiras de negócios e eventos nos quais você possa ter contato com profissionais da área, além de poder ver as impressoras em ação.

Feiras oferecem ótimas oportunidades para pesquisar e comprar impressoras