Roland DG cria hot sites sobre impressoras e máquinas de corte e gravação

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 26/11/2012

Com a intenção de criar canais de informação para o mercado de comunicação visual, a Roland DG Brasil acaba de lançar dois hot sites. Chamados "Educacional" e "Versa UV", ambos compõem o "Projeto Imagine" e contam com depoimentos de vendedores, clientes e usuários de impressoras.

Na página Educacional, é possível ver como as modeladoras 3D e plotters de recorte da Roland DG são capazes de transformar desenhos em protótipos. Nela, profissionais de engenharia, design e moda falam sobre como as máquinas da fabricante japonesa colocam em prática as suas ideias.

O hot site sobre a linha Versa UV segue o mesmo formato da página Educacional, com testemunhos e apresentações sobre equipamentos. Por meio dos depoimentos, é possível conhecer algumas características das impressoras UV da Roland DG, suas funções e aplicações.

Pelo endereço da Versa UV, o usuário pode acompanhar como são feitas aplicações em cartazes, banners, embalagens, etiquetas, entre outros materiais, contando com a opinião de quem utiliza as impressoras no dia a dia.

Dicas sobre o gerenciamento de cores e reprodução de efeitos personalizados também marcam presença na nova página da Roland DG.

A intenção dos hot sites da empresa é mostrar impressoras UV em ação

Fonte: Roland DG Brasil. Edição: InfoSign



Mimaki lança impressora UV JV400-SUV na Fespa 2013

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/06/2013

A Mimaki, fabricante de impressoras digitais, vai lançar a JV400-SUV na Fespa 2013, em Londres. O equipamento usa tintas que une as tecnologias UV e solvente.

"Desde a sua aparição, como protótipo, na Fespa em 2012, a série JV400 tem despertado o interesse dos clientes", disse Mike Horsten, gerente geral de marketing da Mimaki Europa.

Durante o processo de impressão, o solvente é absorvido pelo substrato, e o pigmento fica na superfície da mídia. Em seguida, a tinta impressa é curada com um processo especial de radiação UV. Segundo a Mimaki, o impresso fica com aparência lisa e alto brilho, pronto para o acabamento.

Mimaki lança impressora UV JV400-SUV na Fespa 2013

Mimaki lança impressora UV JV400-SUV na Fespa 2013

Durante a Fespa 2013, a Mimaki promete mostrar outras novidades, como o RIP RasterLink 6. Segundo seus representantes, o aplicativo oferece uma abordagem intuitiva e faz conversões de cores especiais em cores Pantone e CMYK.

"Vamos encorajar os visitantes de nosso estande a experimentar o RasterLink 6, trabalhando em conjunto com as impressoras Mimaki, incluindo a nova JV400-SUV", revelou Horsten.

Fonte: My Print Resource



Características dos principais tipos de papéis transfer

Por João Leodonio em 05/12/2017
Saiba quais são os papéis transfer disponíveis atualmente

Saiba quais são os papéis transfer disponíveis atualmente

Os papéis transfer são conhecidos principalmente por serem boas alternativas para aplicação de imagens em tecidos de algodão e poliéster. Alguns deles apresentam um fundo branco, que permite imprimir peças coloridas sem prejudicar as estampas originais. Trata-se de sobreposição, ou seja, da adesão ao tecido por termocolagem.

Por questões de preço e disponibilidade, os papéis transfer mais utilizados são o OBM e o Dark, também encontrado no mercado com outros nomes. Além deles, listamos abaixo as caraterísticas do Ink Pro e do INNEO.

Para todos os casos, recomenda-se que as peças que receberam as aplicações fiquem em descanso por, pelo menos, 24 horas, antes de serem lavadas. Além disso, é importante que elas não sejam lavadas em tanques e não sejam torcidas à mão. Se utilizar água quente, a temperatura máxima deve ser de 40°C. A água não pode ter alvejante, e deve-se passar pelo avesso. Esses procedimentos são muito importantes para manter a integridade do transfer por mais tempo.

Papel Transfer OBM

Característica: o lado da impressão possui revestimento de poliéster (para sublimação). O outro lado é emborrachado termocolante (fundo branco).

Aplicações: em tecidos claros ou escuros de algodão ou poliéster. É indicado para estampas que não precisam de recorte, pois a plotter não suporta esse material, que é bem difícil de ser cortado à mão. Após aplicado, ele oferece um toque menos discreto, porém, confere relevo à peça.

Camiseta preta com aplicação em OBM

Papel Transfer INNEO

Característica: papel transfer importado.

Aplicações: em tecido branco de algodão. Esse papel é indicado para impressora laser colorida de alta velocidade, sem óleo e com temperatura interna de até 200°C.

Papel Transfer Ink Pro

Característica: papel transfer impresso por equipamentos a jato de tinta.

Aplicações: em algodão. Esse material exige que as tintas utilizadas na impressão devem ser originais, de preferência. Isso porque as tintas paralelas não oferecem um resultado de boa qualidade.

Papel Transfer Dark

Característica: o lado da impressão é de papel sulfite resistente a temperatura (impressão a laser). O outro lado é emborrachado termocolante (fundo branco).

Aplicações: em tecidos claros ou escuros de algodão ou poliéster. Esse papel não confere 100% de qualidade da definição, mesmo que sejam usados arquivos em alta resolução. Porém, ele oferece um toque mais discreto.

Camiseta preta com Dark Film com fundo branco

 

Sobre o autor: João Leodonio atua no segmento gráfico há 10 anos, como gerente de produção e consultor. Tecnólogo em produção gráfica, atuou como palestrante pela Imprensa Oficial, de Angola, e como consultor de processos produtivos. É proprietário da Pari Transfer Sublimático