Mimaki lançará impressora UV mais acessível (JFX200-2513)

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 24/10/2013

A Mimaki, fabricante japonesa de impressoras digitais, prometeu para dezembro de 2013 o lançamento da JFX200-2513, impressora UV que, segundo a empresa, terá um preço mais acessível. Indicada para birôs e gráficas digitais, a máquina será distribuída para a Europa, Ásia e Américas. O valor da impressora ainda não foi divulgado. A fabricante garante que o equipamento apresenta uma série de qualidades técnicas, como o sistema de cura UV LED, cujas tintas (vendidas em frascos de 1 litro) geram poucos componentes orgânicos voláteis. Isso porque, para curar, elas não precisam de raios UV de curto comprimento de onda, que geram ozônio. Também não requerem ventilação especial. Além disso, o LED tem vida útil muito maior do que as lâmpadas UV.

Mimaki JFX200-2513 equipamento recomendado para quem quer entrar no segmento de impressão UV

Mimaki JFX200-2513: equipamento recomendado para quem quer entrar no segmento de impressão UV

A nova JFX200-2513 possui mesa de impressão de 2,5m x 1,3m e permite a impressão de até 1,22m x 2,44m, em materiais com espessura de até 50mm. Para a preparação e carregamento dos substratos, a impressora conta com um sistema de alinhamento de mídias.

Segundo a Mimaki, outro diferencial da máquina é o design, que foi projetado para que os principais dispositivos (painel, válvulas de vácuo e sistema de abastecimento de tinta) localizem-se na frente do equipamento. Assim, a maioria das operações (alteração de substratos, mudança de vácuo e substituição dos frascos de tinta) pode ser realizada por meio das funções colocadas na parte frontal da máquina.

A impressora vem equipada com a tecnologia MAPS II (Mimaki Advanced Pass System II), que ajuda a reduzir problemas de banding, pois dispersa melhor as gotas de tinta durante as passadas. A JFX200-2513 também poderá fazer impressões com pontos variáveis (três tamanhos diferentes), o que permite a reprodução de imagens com qualidade mais refinada.

Especificações técnicas
Cabeça de impressão Piezoelétrica
Área máxima de impressão 2,5m x 1,3m
Velocidade de impressão Número de cores 4 (CMYK) 4 (CMYK) + branco
Modo: alta velocidade 25m2/h 12,5m2/h
Modo: padrão 15m2/h 6m2/h
Modo: alta qualidade 7m2/h 2m2/h
Tinta Sistema de alimentação Frasco de 1 litro
Circulação de tinta MCT (Mimaki Circulation Technology, Tecnologia de Circulação da Mimaki); usada apenas para a tinta branca
Mídia Tamanho 2,5m x 1,3m

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Mimaki



Ampla faz balanço de sua participação na SGIA 2013

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/11/2013

Ampla surpreendeu visitantes da SGIA 2013

Ampla surpreendeu visitantes da SGIA 2013

Na semana passada, na SGIA 2013, a Ampla estreou em uma feira estrangeira. De acordo com a empresa, os visitantes do evento foram surpreendidos pela presença de uma fabricante brasileira de impressoras digitais de grande formato. Ricardo Lie, gerente de comércio exterior da Ampla, declarou: "Dos clientes da América Latina, a procura maior foi pelas impressoras solvente. Mas eles também foram atraídos pelas UV.  Já os usuários da América do Norte buscavam principalmente as soluções UV.  No caso da sublimação, a receptividade foi geral".

O principal objetivo da Ampla na SGIA foi a criação de uma rede de contatos para a abertura de distribuidores internacionais dos equipamentos da marca. Empresas das Américas do Norte, Central e do Sul, da Europa e até mesmo da África demonstraram interesse em negociar com a Ampla.

A fabricante espera fechar os primeiros contratos de distribuição ainda em 2013. Além disso, declarou que vai participar de outros eventos estrangeiros, para consolidar a marca no mercado internacional de grandes formatos.

Fabricante espera fechar contratos de distribuição internacional ainda em 2013

Fabricante espera fechar contratos de distribuição internacional ainda em 2013

Distribuição

Para ser um distribuidor da Ampla, é preciso ter estrutura adequada em seu país de origem, com suporte técnico, equipe de vendas e departamento financeiro. Além disso, deve-se apresentar um plano de negócios que deixe claro o posicionamento dos produtos Ampla em seu portfólio. "Buscamos parcerias de sucesso. Por isso, essas condições mínimas precisam ser atendidas, para que fique claro que o projeto tem sustentação (recursos) e um objetivo a ser atingido," declarou Lie.

Equipe da Ampla na SGIA 2013

Equipe da Ampla na SGIA 2013

Fonte: Ampla



Xaar lança cabeça de impressão Xaar 1002 GS40

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 16/02/2016
Cabeça de impressão pode ser empregada na criação de efeitos exclusivos em substratos aplicados em diversos mercados

Cabeça de impressão pode ser empregada na criação de efeitos exclusivos em substratos aplicados em diversos mercados

A fabricante Xaar anunciou o lançamento da Xaar 1002 GS40, cabeça de impressão inkjet desenvolvida especialmente para aplicações com tintas e vernizes de cura UV. Segundo a empresa, o dispositivo, que já foi testado por empresas de impressão em cerâmica, possibilita a criação de efeitos com textura em rótulos, embalagens, peças gráficas e laminados de madeira.

Com a capacidade de disparar gostas com volumes entre 40 e 160 picolitros, a Xaar 1002 GS40 é indicada principalmente para a impressão de vernizes UV em grandes tiragens e altas velocidades de produção. A cabeça também pode ser usada para reproduzir grandes áreas brancas opacas (com tamanhos de pontos maiores) ou finos detalhes (com gotas menores).

De acordo com a empresa, a Xaar 1002 GS40 pode ser utilizada em conjunto com a Xaar 1002 GS6 para a criação de fundos brancos sólidos, algo recorrente entre as empresas de impressão de rótulos e embalagens. A cabeça também pode ser empregada na impressão de camadas espessas e táteis de verniz especial e efeitos texturizados que melhoram o aspecto visual de laminados de madeira fabricados pela indústria da decoração.

Além de incorporar a TF Technology, a Xaar 1002 GS40 possui uma arquitetura que permite à cabeça ter um desempenho produtivo com diversos tipos de tintas e viscosidades e em variadas temperaturas ambientais, característica essencial para quem imprime insumos de alta viscosidade e muito pigmentados, como vernizes e tintas brancas opacas.

Fonte: Xaar