Expositores começam a se preparar para a feira Serigrafia Sign 2017

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 13/03/2017
Projeções de retomada da economia animam empresários para o segundo semestre, quando ocorre o evento

Projeções de retomada da economia animam empresários para o segundo semestre, quando ocorre o evento

No ano de 2017, mesmo timidamente, tanto a economia do país quanto os negócios do mercado de sinalização e impressão digital têm se recuperado e voltado a crescer. E o Brasil tem reunido as condições necessárias para isso. Essa é a conclusão de um estudo divulgado recentemente pela Fundação Getulio Vargas (FGV) e pelo The Conference Board (TCB). O material diz que o país registrou entre dezembro e janeiro alta de 2,8% no Indicador Antecedente Composto da Economia (Iace), índice desenvolvido pelas entidades e que tenta prever o comportamento da economia.

Nesse contexto, empresários dos mercados de impressão e comunicação visual veem com otimismo as projeções positivas e enxergam boas oportunidades de negócios na Serigrafia Sign, feira que será realizada entre os dias 12 e 15 de julho, no Expo Center Norte.

Evelin Wanke, gerente de vendas da Epson, declarou: “A Serigrafia Sign tem bastante sinergia com o propósito da Epson de atuar em diversos mercados, porque consegue trazer públicos diferenciados. Temos as maiores expectativas de resultado para 2017, e estamos muitos otimistas, principalmente a partir do segundo semestre, em que a economia promete se recuperar”.

Anderson Clayton, diretor de desenvolvimento de negócios da Roland DG, tem visão parecida: “A exposição nos traz um público diferenciado, difícil de encontrar em outros eventos. Para 2017, temos ótimas expectativas, porque acreditamos que será um ano melhor. Estamos trabalhando para superar esse cenário, nos reestruturando e buscando novas oportunidades. Trabalhamos em conjunto com a Informa Exibitions e outros parceiros do mercado pensando em como trazer as melhores ideias para os nossos clientes”.

Fonte: Informa Exibitions



Agfa lança fluxo de trabalho Apogee 9

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/07/2014

Apogee 9 oferece ferramentas para a produção de impressão de grande formato

Apogee 9 oferece ferramentas para a produção de impressão de grande formato

A Agfa, fornecedora de equipamentos gráficos, anunciou o lançamento da Apogee 9, solução de fluxo de trabalho baseado em PDF, indicada para gráficas comerciais e birôs de impressão de grande formato.

Segundo a empresa, a solução conecta com uma série de dispositivos de saída e apresenta muitas ferramentas e funções, como panelização e nesting, além de oferecer uma nova abordagem de gerenciamento de cores.

O Apogee 9 incorpora a recém-lançada tecnologia Adobe de processamento de imagens. Também dá acesso ao WebApproval, portal no qual é possível incluir e aprovar páginas por meio de tablets e outros dispositivos móveis.

Andy Grant, diretor de software da Agfa, declarou: "Com o Apogee, é possível automatizar o fluxo de trabalho, o que ajuda a expandir os negócios de grandes formatos. A versão 9 da solução realiza tarefas de impressoras digitais e oferece funções de pré-impressão baseada em PDF".

Fonte: Large Format Review



Mimaki anuncia cilindro alimentador opcional para impressoras têxteis

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 15/05/2018
Sistema é indicado para equipamentos de porte industrial

Sistema é indicado para equipamentos de porte industrial

A fabricante Mimaki anunciou um novo dispositivo opcional para impressoras digitais têxteis industriais. Trata-se de um cilindro para suportar rolos gigantes de papel transfer sublimático.

Disponível em duas larguras (1.620mm e 1.830mm), o dispositivo suporta bobinas de papel com 57g/m2 e 8.300m de comprimento, para aplicações como vestuário esportivo, soft signage, moda e decoração. Além disso, tem propriedades que diminuem encolhimentos e irregularidades durante a impressão. Isso permite uma alimentação estável e que reduz custos.

O opcional pode ser utilizado em conjunto com as impressoras Mimaki Tiger-1800B e Tiger-1800B MKII.

Atualmente, a indústria têxtil apresenta uma demanda crescente por produção em massa. Para essa necessidade, o segmento de impressão digital tem oferecido soluções de estamparia de alta velocidade que suportam rolos gigantes de mídias.

Fonte: Mimaki