Expositores começam a se preparar para a feira Serigrafia Sign 2017

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 13/03/2017
Projeções de retomada da economia animam empresários para o segundo semestre, quando ocorre o evento

Projeções de retomada da economia animam empresários para o segundo semestre, quando ocorre o evento

No ano de 2017, mesmo timidamente, tanto a economia do país quanto os negócios do mercado de sinalização e impressão digital têm se recuperado e voltado a crescer. E o Brasil tem reunido as condições necessárias para isso. Essa é a conclusão de um estudo divulgado recentemente pela Fundação Getulio Vargas (FGV) e pelo The Conference Board (TCB). O material diz que o país registrou entre dezembro e janeiro alta de 2,8% no Indicador Antecedente Composto da Economia (Iace), índice desenvolvido pelas entidades e que tenta prever o comportamento da economia.

Nesse contexto, empresários dos mercados de impressão e comunicação visual veem com otimismo as projeções positivas e enxergam boas oportunidades de negócios na Serigrafia Sign, feira que será realizada entre os dias 12 e 15 de julho, no Expo Center Norte.

Evelin Wanke, gerente de vendas da Epson, declarou: “A Serigrafia Sign tem bastante sinergia com o propósito da Epson de atuar em diversos mercados, porque consegue trazer públicos diferenciados. Temos as maiores expectativas de resultado para 2017, e estamos muitos otimistas, principalmente a partir do segundo semestre, em que a economia promete se recuperar”.

Anderson Clayton, diretor de desenvolvimento de negócios da Roland DG, tem visão parecida: “A exposição nos traz um público diferenciado, difícil de encontrar em outros eventos. Para 2017, temos ótimas expectativas, porque acreditamos que será um ano melhor. Estamos trabalhando para superar esse cenário, nos reestruturando e buscando novas oportunidades. Trabalhamos em conjunto com a Informa Exibitions e outros parceiros do mercado pensando em como trazer as melhores ideias para os nossos clientes”.

Fonte: Informa Exibitions



Graphtec apresenta nova linha de plotters de recorte

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 14/03/2017
FCX2000 é composta por três modelos de plotters de recorte

FCX2000 é composta por três modelos de plotters de recorte

A Graphtec, fabricante de equipamentos para comunicação visual, anunciou no mercado internacional a FCX2000, série de plotters de recorte composta por três modelos, nos formatos de mesa de 920mm × 610mm, 920mm × 1.200mm e 920mm × 1.800mm.

Capaz de trabalhar com força máxima de corte de 9,8N (1kg/f) e velocidade máxima de 400mm/sec, as máquinas vêm com vácuo e dispositivo de fixação electrostática de mídias. O primeiro é indicado materiais mais pesados e espessos. O segundo é mais adequado para o processamento de materiais mais leves.

Com sistema plano de alimentação de mídias, as plotters vêm com uma cabeça com dois suportes de ferramenta: uma para a faca e o outro para a ferramenta de vinco. As máquinas também incluem uma porta USB, para permitir a operação offline e para salvar e recuperar remotamente arquivos.

A série FCX2000 também possui o sistema patenteado ARMS 6 (Advanced Registration Mark Sensing), que permite a inversão da mídia, para que seu verso seja cortado. As plotters rodam com o novo ProPro Studio, aplicativo com várias opções de ferramentas de corte e aplicações.

A série FCX2000 será apresenta pela Graphtec durante a feira Sign & Digital UK, feira que ocorre entre os dias 28 e 30 de março, no Reino Unido. A fabricante vai aproveitar o evento para também mostrar a versão mais recente do i-Mark, equipamento de corte e impressão indicado para produção de rótulos, embalagens e peças de sinalização de pequenos formatos. Por ser compacta, a máquina pode ser instalada em uma superfície de trabalho de 60cm × 67cm.

Fonte: Graphtec



Durst lança equipamento com mais de 3m de largura de impressão

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 12/05/2014

Rho 312 é aposta da Durst para o mercado industrial

Rho 312 é aposta da Durst para o mercado industrial

A Durst, fabricante de impressoras digitais, apresentou a nova Rho 312R. Com 3,2m de largura, a máquina possui sistema rolo a rolo e cabeças Quadro Array de 12 picolitros e resolução 900dpi.

De acordo com a empresa, a impressora trabalha na velocidade máxima de 240m²/h (em modo de alta produção). Além disso, conta com sistema que possibilita imprimir dois rolos de 1,6m simultaneamente, o que aumenta a produtividade do equipamento.

A máquina emprega tintas UV originais de alta pigmentação, que prometem reduzir o consumo do insumo e diminuir o custo de impressão.

Entre os diferenciais do equipamento estão a ferramenta de impressão frente e verso, o cortador integrado na parte frontal da máquina e sistema com 24 mil nozzles e tecnologia greyscale Variodrop.

A Rho 312R é indicada para gráficas e birôs que desejam entrar em novos mercados ou aumentar a clientela. Ideal para impressão de backlits, peças de fine art, displays de PDV, banners, papéis de parede e materiais para decoração.

Fonte: My Print Resource