Akad lança plotter de recorte Novacut PST630SS

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/04/2015

Novacut PST630SS possui largura de corte de 630mm

Novacut PST630SS possui largura de corte de 630mm

A Akad, fornecedora nacional de equipamentos para comunicação visual, anunciou a comercialização da Novacut PST630SS, plotter de recorte indicada a profissionais que querem começar no mercado de comunicação visual produzindo peças para serigrafia e indústria têxtil, brindes promocionais, decoração e acessórios automotivos. A máquina realiza cortes em vinis adesivos, filmes adesivos de controle térmico, filmes rubi e flock térmico.

Com estrutura de alumínio, a plotter apresenta largura útil de corte de 630mm e trabalha com 510 gramas de força máxima e velocidade de até 600mm/s.

A Novacut PST630SS conta com sistema de vácuo na linha de corte, que mantém a mídia estável durante o trabalho. Além disso, possui painel com teclas que podem ser acionadas durante o corte, sendo possível aumentar ou diminuir a velocidade durante o trabalho.

A estrutura da máquina é reforçada e permite manter a precisão de corte em trabalhos longos, pois o sistema de tracionamento conta com três suportes de pressão e roletes mais largos.

Fonte: Akad



Como escolher prensa térmica para sublimação

Por João Leodonio em 22/12/2017
Plana, cilíndrica e cônica: saiba qual é a mais adequada para o seu negócio

Plana, cilíndrica e cônica: saiba qual é a mais adequada para o seu negócio

Na hora de adquirir uma prensa para sublimação, pergunte-se: em qual mercado vou atuar e quais formatos e quantidades quero atender? Com base nas respostas, será muito mais fácil pensar no tipo de prensa mais adequado para o seu negócio.

A mídia (televisão e redes sociais) vende muitas “soluções mágicas” para ganhar dinheiro com prensa térmica. Mas atente-se a essas propostas. A decepção por um investimento ruim e sem orientação pode ser maior do que a empolgação no momento da compra. Portanto, gastar tempo com pesquisa é melhor que você pode fazer para não frustrar um negócio promissor.

Prensa térmica plana para pequenos formatos

Com formatos que variam entre 23cm x 35cm e 50cm x 70cm, essas prensas podem vir ou não suporte (na maioria sem, e o comprador deverá confeccionar uma bancada ou pé) com uma ou duas bandejas, nas voltagens 110v ou 220v (recomenda-se as de 220v, por serem mais econômicas). Elas podem ser manuais, pneumáticas ou elétricas.

Recomenda-se adquirir um equipamento que atenda as medidas máximas dos produtos a serem prensados, além de escolher a voltagem mais econômica e preferir as marcas nacionais, por geralmente oferecerem uma assistência técnica mais ágil.

Prensas planas podem ser manuais, pneumáticas ou elétricas

Prensa térmica plana para formatos grandes (sublimação total)

A partir do formato de 50cm x 70cm, há dezenas de opções de dimensões de prensas planas para grandes formato. Também são encontradas com ou sem suporte, com uma ou duas bandejas (laterais ou sobrepostas), nas voltagens 110v ou 220v. Podem ser manuais, pneumáticas ou elétricas.

Como trata-se de um investimento maior, recomenda-se pesquisar muito e levantar a relação custo x benefício antes de adquirir o equipamento. Indica-se evitar as marcas importadas, por conta da má ou ausência de assistência técnica.

Prensa térmica cilíndrica e cônica

Há uma grande oferta de prensas térmicas cilíndricas com adaptações para sublimar objetos cônicos, geralmente sem suporte e nas voltagens 110v e 220v.

Há muitas ofertas e fabricantes, porém é importante desconfiar. Como nos casos das prensas planas, recomenda-se fugir das prensas importadas por conta da assistência técnica falha ou inexistente. As nacionais são, normalmente, mais caras, porém são vendidas por empresas que oferecem reposição de peças e manutenção muito melhor do que as concorrentes importadas.

Recomenda-se evitar promoções de pacotes (8x1 e 5x1), pois nos kits oferecidos algum dos produtos vão servir apenas para desencalhar o estoque do fornecedor.

Sobre o autor: João Leodonio atua no segmento gráfico há 10 anos, como gerente de produção e consultor. Tecnólogo em produção gráfica, atuou como palestrante pela Imprensa Oficial, de Angola, e como consultor de processos produtivos. É proprietário da Pari Transfer Sublimático

 



Canvas são lançados pela Felix Schoeller Group

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 22/02/2014

Canvas é mídia indicada para fine arts e decoração

Canvas é uma mídia indicada para fine arts e decoração

A Felix Schoeller Group (FSG), fornecedora de mídias, expandiu seu portfólio ao lançar novos canvas, substratos indicados para decoração, fine arts e reproduções artísticas. As mídias podem receber impressão de grande formato e são livres de substâncias nocivas à saúde.

A empresa disponibiliza duas opções de materiais: canvas e canvas premium. O primeiro apresenta estrutura fina e homogênea e gramatura de 340g/m². É ideal para reproduções artísticas, particularmente de imagens com alto percentual de áreas negras. Já o canvas premium tem estrutura mais robusta e gramatura de 410g/m². Apresenta alta resistência a sujeira e longa durabilidade.

Ambas as mídias estão disponíveis em branco natural ou branco brilhante.

Senta Becker, gerente de produto da FSG, declarou: "Esses novos canvas têm outro ponto positivo: o tecido clássico de algodão e poliéster garante o desempenho da mídia na produção e confere estabilidade dimensional".

Fonte: My Print Resource