FuturePrint tem mesa-redonda sobre sustentabilidade na indústria têxtil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 09/07/2019
Discussão contará com executivos da C&A, ABNT e ABVTEX

Discussão contará com executivos da C&A, ABNT e ABVTEX

Na quinta-feira, dia 11 de julho, executivos da varejista C&A, da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) e da ABVTEX (Associação Brasileira do Varejo Têxtil) discutirão a sustentabilidade na indústria têxtil, a partir das 16h20, durante o Fórum Future Têxtil. A programação faz parte da FuturePrint 2019, feira que ocorre entre os dias 10 e 13 de julho, no Expo Center Norte, na cidade de São Paulo

A mesa-redonda faz parte do painel que debaterá a digitalização do mercado têxtil, a evolução tecnológica dos equipamentos e a “Confecção 4.0”. Com início às 14h, o fórum é indicado a empresários e profissionais de criação, desenvolvimento e produção da indústria têxtil de moda e vestuário, decoração, brindes e comunicação visual.

Angela Bozzon, gerente do Programa ABVTEX, falará sobre as ações desenvolvidas com as redes varejistas, para a implantação das melhores práticas de compliance entre seus fornecedores e subcontratados. Segundo ela, as empresas certificadas obtiveram diversos benefícios, como “a motivação e a retenção de trabalhadores, o aumento de produtividade e qualidade, a percepção de melhorias significativas e fundamentais para a sustentabilidade de seus negócios e, por fim, a melhora na relação comercial com os varejistas, entre outros”, detalha.

O evento trará também Rodrigo Gonçalves Lasalvia, gerente de Responsabilidade Social da C&A, que integra o Programa ABVTEX. O executivo falará sobre o monitoramento da rede de fornecedores, com foco na sustentabilidade. “Na C&A, acreditamos que devemos oferecer aos nossos clientes e parceiros uma moda com impacto positivo, garantindo a qualidade das peças e da vida daqueles que confeccionam nossas roupas, assim como a sustentabilidade do nosso planeta“, explica Lasalvia. Ele acrescenta que a preocupação com a sustentabilidade é um movimento natural das empresas têxteis em resposta aos consumidores, que exigem cada vez mais informações sobre responsabilidade socioambiental.

Já Maria Adelina Pereira, superintendente do Comitê Brasileiro de Têxteis e do Vestuário da ABNT, tratará das regulamentações e normas voltadas para a cadeia têxtil. “O nosso objetivo é alertar o setor sobre normas e padrões que podem orientar os caminhos para evitar desperdícios e contaminações químicas. Por desconhecimento, as empresas podem incorrer em práticas não sustentáveis”.

Fonte: FuturePrint



Fespa revela vencedor de campeonato internacional de envelopamento de carros

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 14/06/2014

Húngaro venceu o World Wrap Master de 2014

Húngaro venceu o World Wrap Master de 2014

Durante os dias 20 e 23 de maio, os melhores instaladores do mundo competiram no World Wrap Master, campeonato internacional de envelopamento promovido pela Fespa, cuja edição 2014 ocorreu em Munique, Alemanha. Em primeiro lugar ficou Kiss Lajos (da Hungria). O segundo e o terceiro colocados foram Colin Sciberras (de Malta) e Robert Davidson (da Irlanda), respectivamente.

Segundo a organização, neste ano a disputa entrou em um novo patamar de dificuldade e qualidade, pois exigiu que os participantes demonstrassem suas habilidades não apenas em envelopar carros, mas também objetos como manequins e alto-falantes.

Duncan MacOwan, da Fespa, comentou: "Os novos itens certamente deram uma nova dimensão para a competição. O envelopamento é uma parte cada vez maior da indústria de grande formato. E é possível envelopar vários itens, além de carros. Reconhecer isso é essencial para ajudar a indústria a crescer".

Fonte: Large Format Review



Outdoor 3D da Emporio Armani

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 13/05/2019
Instalação ostenta um enorme calçado impresso em 3D

Instalação ostenta um enorme calçado impresso em 3D

A Emporio Armani sabe causar impacto publicitário. A casa de moda italiana, em parceria com a Colorzenith (dona de uma impressora 3D da Massivit), produziu um outdoor gigante com uma versão impressa em 3D de seu trainer recém-lançado. O calçado dá a impressão de que a modela está saindo da propaganda (de 24m x 14m). A peça 3D, que tem 2,1m x 1m x 0,5m e pesa 20kg, levou apenas 19 horas para ser produzida.

Aldo Neri, CEO da Colorzenith, declarou: “Estamos muito satisfeitos por ajudar a Emporio Armani a criar uma peça tão impressionante. Ela acrescenta outra dimensão à publicidade e chama a atenção dos consumidores”.

As soluções Massivit 3D estão capacitando gráficas estabelecidas, como a Colorzenith, a produzir novas aplicações extraordinários para os mercados de comunicação visual, entretenimento e outro setores.

Fonte: Massivit