Roland DG Brasil lança série de impressoras ecossolventes TrueVIS SG

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 31/01/2017
TrueVIS SG 540 e 300 possuem sistema de impressão com recorte integrado

TrueVIS SG 540 e 300 possuem sistema de impressão com recorte integrado

A filial brasileira da Roland DG, fabricante de equipamentos digitais, anunciou o lançamento da série TrueVIS SG, composta pelas impressoras ecossolventes dos modelos 540 (largura de 137cm) e 300 (76cm). As máquinas são indicadas para empresas iniciantes ou que precisam expandir a produção de publicidade de ambientes internos e externos, banners, cartazes, displays, etiquetas e decalques.

As impressoras TrueVIS SG vêm com duas cabeças FlexFire, que disparam gotas de até três tamanhos e permitem a produção de imagens com cores mais uniformes. Além disso, as máquinas contam com tecnologia integrada de impressão e recorte que lança mão de um novo carro de corte e suporte de lâmina, para proporcionar maior força e precisão e possibilitar o uso de maior variedade de substratos.

O usuário pode gerenciar remotamente a impressora TrueVIS SG por meio de smartphone ou tablet em interação com o painel de controle embutido na máquina. O recurso viabiliza o recebimento de atualizações de status de produção, impressão de testes e funções de limpeza.

O software que roda a TrueVIS SG é o VersaWorks Dual, que utiliza PDF e PostScript para oferecer aos usuários rápidas visualizações e melhor manuseio de arquivos. Também inclui funções de controle de dados variáveis, corte perfurado e recortes múltiplos.

Disponível nas cores CMYK, em bags de 500ml, a tinta original TrueVIS Ink é consumida em suportes reutilizáveis que ficam em compartimento reservado para uma utilização limpa, segura e com menos resíduos.

Fonte: Roland DG Brasil



Gandy Digital abre fábrica de impressoras na Europa

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 02/12/2015
Planta abriga showroom e linhas de montagem

Planta abriga showroom e linhas de montagem

A Gandy Digital, fabricante canadense de equipamentos de impressão de grande formato, inaugurou uma planta fabril na cidade de Zaventem, na Bélgica. Com mais de 2 mil metros quadrados, o local possui escritórios e showroom, além de linhas de montagem e espaço para armazenamento.

Na área de demonstrações, os clientes podem fazer treinamentos e testes, que ajudam a fabricante a desenvolver impressoras e configurações específicas para as necessidades dos birôs da região.

De acordo com a empresa, entre as impressoras que já estão em exibição na nova planta da Gandy Digital está a Gladi8tor, com tecnologia UV e sistema plano de alimentação de substratos. A máquina também emprega configuração em linha de cabeças de impressão e pode produzir na velocidade de 240m²/h.

Shmulik Lazgiel, diretor da Gandy Digital EMEA, declarou: “Com o sucesso de lançamentos recentes, como a Gladi8tor e a Termin8tor, tivemos a sorte de desfrutar um crescimento significativo na Europa. E para dar continuidade a isso, foi preciso ter uma base fabril maior e mais bem equipada”.

Fonte: Gandy Digital



SAi apresenta terceira versão do PixelBlaster

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 22/02/2014

PixelBlaster chega à versão 3.0

PixelBlaster chega à versão 3.0

A SAi, desenvolvedora de softwares gráficos, lançou a versão 3.0 do PixelBlaster, aplicativo de impressão digital e comunicação visual. O programa apresenta RIP baseado em PDF e oferece ferramentas de pré-visualização e gerenciamento de produção.

Entre os aperfeiçoamentos da terceira versão do PixelBlaster, estão ferramentas que permitem impressão frente e verso, recorte e posicionamento manual. Além disso, o aplicativo tem nova interface e novo gerenciador de mídia integrado.

Segundo a empresa, o elemento principal do upgrade é a otimização do desempenho do RIP. Agora, ele realiza o processamento de entrada 200% mais rápido (para determinados tipos de arquivos), além de possuir parâmetros reformulados de rendering, para melhorar a nitidez das imagens.

Eyal Friedman, vice-presidente de serviços técnicos da SAi, declarou: "O PixelBlaster v3.0 oferece novas ferramentas, estrutura interna mais veloz e maior facilidade de operação, que melhoram o desempenho na pré-impressão".

Fonte: Output Magazine