Metalnox lança prensas térmicas na Fespa Brasil 2016

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/04/2016
Metalnox apresentará novas soluções para impressão sublimática

Metalnox apresentará novas soluções para impressão sublimática

A Metalnox, fabricante nacional de equipamentos para estamparia têxtil, lançou na Fespa Brasil 2016, feira que ocorreu entre os dias 6 e 9 de abril, a PTS 12000 Smart e a PTI 350, prensas usadas para transferência térmica.

A PTS 12000 Smart é um modelo semiautomático com sobreposição de bandejas de 70cm x 110cm, no qual é possível obter uma redução de layout de até 30%, além de otimizar mão de obra. O equipamento conta com CLP digital e três pontos de temperatura, para garantir uniformidade em toda área da forma térmica.

Para o visitante que procura produtividade e menor custo de investimento, a Metalnox lançará a PTI 350, prensa térmica manual com duas bandejas de 35cm x 45cm; enquanto uma bandeja prensa a estampa, a outra pode ser abastecida pelo operador.

Todos equipamentos Metalnox possuem CLP digitais (que realizam aferição de tempo e temperatura) e forma térmica com resistências fundidas em alumínio com dupla camada de teflonização.

A Metalnox também exibiu na Fespa Brasil 2016 o ePrint, equipamento de impressão digital para sublimação que pode estampar em tamanhos e velocidades variáveis. Caroline Odorizzi, gerente de marketing da Metalnox, declarou: “A ePrint oferece às indústrias têxteis uma das melhores qualidades de impressão digital sublimática. Além de ser um equipamento que contém as melhores tecnologias de cabeça de impressões e software, ela tem fabricação 100% nacional, possibilitando financiamento através de BNDES, Finame, leasing, entre outras modalidades”.

Há pouco mais de três anos, a Metalnox passou a vender impressoras digitais e oferecer soluções completas para as indústrias têxteis.

Fonte: Fespa Brasil



SAi esclarece dúvidas sobre gerenciamento de cores para grandes formatos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/02/2019
Executivo da desenvolvedora aborda pontos fundamentais sobre o processo

Executivo da desenvolvedora aborda pontos fundamentais sobre o processo

Gudrun Bonte, vice-presidente de gerenciamento de produtos da SAi, desenvolvedora de aplicativos dedicados a impressão de grande formato, responde a algumas das perguntas mais corriqueiras sobre gerenciamento de cores.

Quais ferramentas de gerenciamento de cores a SAi oferece para grande formato? Descreva os produtos e como usá-los.

O Flexi, software RIP da SAi, inclui um conjunto completo de ferramentas para criação de perfis, capazes de guiar os birôs por todo o processo. O SAi Flexi também tem ferramentas para automatizar o Pantone e para fazer correspondência manual de cores especiais.

Como o aplicativo se diferencia da concorrência?

A SAi se diferencia ao tornar mais fácil o gerenciamento de cores para as pessoas sem experiência. O Flexi também é o único RIP de perfis para grande formato disponível hoje por assinatura. Por apenas 50 dólares por mês, os bicôs podem ter um RIP completo.

Calibração de cores é passo fundamental no gerenciamento de cores

Com quais sistemas de cores o Flexi trabalha?

O Flexi funciona perfeitamente com perfis ICC compatíveis. Ele também se integra perfeitamente às bibliotecas online de perfis dos fabricantes de impressoras. Isso significa que os birôs só precisam colocar a mídia na impressora e o Flexi carregará automaticamente o perfil da biblioteca do fabricante do equipamento.

Além dos perfis de cores, quais opções estão disponíveis para os birôs que desejam aprimorar o gerenciamento de cores?

Qualquer birô que leve a sério a comunicação de cores precisa ter um dispositivo de medição de cores. Ferramentas como o Color Muse fazem medições precisas de cores especiais e também comparam cores impressas. Esses dispositivos portáteis custam menos de 100 dólares e suas medições podem ser usadas no software RIP para as correspondências. A maneira mais eficaz de os birôs poderem aprimorar suas habilidades de gerenciamento é por meio de treinamentos profissionais. O software pode facilitar o processo, mas o treinamento ajuda os profissionais envolvidos a entender como comunicar cores com os clientes e como implementar um fluxo de trabalho completo.

Quais são as atuais expectativas dos clientes dos birôs?

Os compradores de impressão estão mais cientes e exigentes. Querem que suas cores combinem nas mais diversas mídias. Os compradores de impressão querem cores mais consistentes e são mais propensos a trocar de birô para obter esse resultado. Muitos compradores de impressão sabem quais cores devem estar em seus produtos. Isso significa que a comunicação de cores e a antecipação clara das expectativas se tornaram mais importantes. Ou seja, os birôs precisam estampar corretamente e também se comunicar de forma inteligente com os seus clientes.

Amostras de cores reproduzidas pelo aplicativo

Quais são os maiores desafios que os birôs enfrentam para atender tais expectativas?

Sem treinamento ou processo formal de gerenciamento de cores, os birôs podem ter muita dificuldade para obter consistência de cores. Controles de processo, como a Calibração G7 e a simulação de perfis, tornamra-se importantes para os trabalhos mais complicados. É muito difícil obter cores precisas e consistentes sem o uso dos perfis ICC correspondentes às mídias usadas. Portanto, corrigir esse problema tornará o gerenciamento de cores mais fácil. É por isso que os birôs estão investindo na criação de seus próprios perfis.

A crescente variedade de mídias de grande formato aumenta a necessidade de ferramentas de gerenciamento de cores? Por quê?

Os princípios básicos do gerenciamento de cores são os mesmos, independentemente da mídia. No entanto, fazer a correspondência de cores em diferentes tipos de mídias e tintas é muito difícil sem o gerenciamento.

Como as ferramentas de gerenciamento de cores se adaptaram para oferecer suporte a uma variedade maior de mídias?

A nova geração de dispositivos de medição de cores tornou muito mais rápido e fácil perfilar mídias transparentes e têxteis. Esses dispositivos são investimentos caros, mas reduzem drasticamente o desperdício. Ferramentas de perfil de cores se tornaram muito mais fáceis de operar. Por exemplo, a versão mais recente do Flexi inclui um assistente que guia o usuário iniciante na confecção de perfis. Ele também inclui ferramentas de comparação e relatório, para ajudar os birôs a comunicar melhor sobre as cores com seus clientes.



Serilon venderá mais de 30 itens com desconto na Black Friday

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 02/11/2016
Produtos poderão ser adquiridos com até 70% de desconto

Produtos poderão ser adquiridos com até 70% de desconto

A Serilon, fornecedora brasileira de materiais para comunicação visual, aderiu à Black Friday e, durante o mês de novembro, venderá produtos de seu portfólio de suprimentos e equipamentos com descontos exclusivos.

De acordo com a empresa, são mais de 30 itens ofertados com até 70% de desconto e condições de ótimo custo-benefício. Alguns exemplos são lonas, adesivos de impressão, mídias de ACM, transfers e equipamentos.

Tradicionalmente, a Black Friday ocorre na última sexta-feira de novembro. Criado nos EUA para dar início à temporada de compras de fim de ano, o evento movimenta milhões anualmente. Com o resultado crescente, a data tipicamente norte-americana ganhou força nos últimos anos também em outros países, incluindo o Brasil.

Geverson Freitas, gerente comercial da Serilon, declarou: “Queremos incentivar a relação ‘ganha-ganha’, e a Black Friday é uma oportunidade única para movimentar o mercado. Por isso, nos preparamos para um excelente mês de negociações. Além de termos estoque para garantir a distribuição em todo país, escolhemos a dedo os produtos para compor o portfólio da Black Friday Serilon. Estamos com uma grande expectativa”.

Para receber informações sobre preços e ofertas, cadastre-se gratuitamente no site.

Fonte: Serilon