Marabu apresenta tintas para impressão por sublimação

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 07/02/2015

Linha de tintas sublimáticas é aposta da fabricante para 2015

Linha de tintas sublimáticas é aposta da fabricante para 2015

A Marabu, fabricante de insumos gráficos, anunciou a TexaJet, linha de tintas digitais para impressão em tecidos. Composta pelas versões DI-SHE e DI-STE, a série é compatível com equipamentos Roland, Mimaki, Mutoh e modelos que empregam cabeças de impressão Epson DX.

Indicadas para transferência térmica e impressão direta em tecidos, as tintas estampam vestuário esportivo, banners, entre outras aplicações dos mercados de moda e comunicação visual.

Além da TexaJet, a Marabu disponibiliza uma linha de tintas e vernizes digitais. A empresa é uma indústria que atua há mais de 150 anos no mercado gráfico.

Fonte: Marabu



J-Teck apresenta tintas e impressoras sublimáticas na Serigrafia Sign 2013

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 25/06/2013

Tintas J-Next estarão no estande da J-Teck

Tintas J-Next estarão no estande da J-Teck

Na Serigrafia Sign 2013, a J-teck Global, distribuidora de insumos, vai apresentar as tintas para sublimação J-NEXT, que possuem as tecnologias Nano e Cluster.

Segundo a empresa, as tintas são compostas por partículas menores, o que evita entupimentos das cabeças de impressão. Além disso, as moléculas desses insumos são encapsuladas, tornando-as mais estáveis ​​e não aleatórias.

A empresa também vai expor impressoras Epson 9700 adaptadas para sublimação.

Confira mais informações e novidades sobre a Serigrafia Sign e seus expositores.

Fonte: J-teck Global



Brasileiro fica em segundo lugar em concurso internacional promovido pela Roland DG

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/11/2015
Competição reuniu no Japão os melhores profissionais de todas as assistências técnicas autorizadas da Roland no mundo

Competição reuniu no Japão os melhores profissionais de todas as assistências técnicas autorizadas da Roland no mundo

Entre os dias 20 e 22 outubro, na sede japonesa da Roland DG Corporation, em Hamamatsu, técnicos do mundo inteiro participaram da final do Global SE Award 2015, competição de engenheiros de serviço responsáveis pela reparação e manutenção de equipamentos da fabricante nipônica. O campeão foi Terry Carpenter, dos Estados Unidos. Em segundo lugar ficou o brasileiro Alexandre Geraldi. O posto de terceiro lugar foi ocupado por Peter De Bont, da Bélgica.

O Global SE Awards foi criado em 2008 entre as assistências técnicas japonesas. Em 2013, foi expandido para todas as subsidiárias Roland DG. No processo, são selecionados técnicos de serviços para concorrer ao título mundial, no Japão, onde os profissionais têm de colocar em prática habilidades e conhecimentos sobre equipamentos da marca.

Realizadas entre fevereiro e agosto de 2015, as etapas regionais tiveram a participação de 449 técnicos de 50 países, dentre os quais 21 profissionais foram selecionados. A etapa final foi composta por três desafios: substituição de cabeças de impressão, reparação de máquinas quebradas e exame escrito.

Alexandre Geraldi recebe troféu de executivo da Roland DG, no Japão
Alexandre Geraldi recebe troféu de executivo da Roland DG, no Japão

Somente concorreram ao Global SE Award profissionais que possuem certificação técnica da Roland DG. Para se tornar um certificado, é necessário passar por treinamento específico, que inclui exames práticos e escritos.

A Roland DG também está desenvolvendo um sistema on-line, para que as assistências técnicas autorizadas troquem informações, ajudando assim umas as outras. Futuramente, a empresa pretende unificar o sistema com o Global SE Award, para criar um banco de informações único.

Takaaki Koshita, gerente geral de serviços técnicos Roland DG Japão, declarou: “Com a promoção das etapas nacionais, buscamos desafiar os conhecimentos e as habilidades técnicas de cada profissional, que foram conquistadas com seu trabalho diário, e incentivá-los a compartilhá-las com seus colegas. Atendimento ao cliente e suporte são cada vez mais importantes, tanto para diferenciar a marca no mercado quanto para gerar confiança em seus produtos. Por isso, a missão da Roland DG é fornecer serviços de manutenção padronizados em todo o mundo”.

Fonte: Roland DG Brasil