Durst lança impressora Rho WT 250 HS

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/09/2015
Rho WT 250 HS emprega Durst Water Technology

Rho WT 250 HS emprega Durst Water Technology

A Durst, fabricante de impressoras digitais, apresentou oficialmente a Rho WT 250 HS, equipamento inkjet de grande formato com a Durst Water Technology, que emprega tintas à base d’água alternativas às convencionais e com sistemas baseados em tintas UV e solvente.

De acordo com a empresa, a Rho WT 250 HS emprega cabeças Durst Quadro Array 10 WM, que geram pontos de até 10 picolitros. A máquina pode trabalhar com até seis cores e possui produtividade equivalente à sua versão UV. Além disso, pode imprimir em mídias flexíveis e rígidas, como PVC, madeira, corrugados, vinil e foils.

Por utilizar as novas tintas Functional Aqueous Inks, o equipamento não exala odores ou emite qualquer tipo de substância nociva ao meio ambiente.

Durante a Fespa 2015, feira que ocorreu entre os dias 18 e 22 de maio, em Colônia (Alemanha), a Durst apresentou a Durst Water Technology. A nova tecnologia recebeu recentemente um prêmio da Format Textile Printer High Production da European Digital Press Association (EDP).

Fonte: Durst Brasil



Hollanders lançará impressora ColorBooster 250 na Fespa 2014

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 13/05/2014

ColorBooster 250 tem 2,5m de largura de impressão

ColorBooster 250 tem 2,5m de largura de impressão

A Hollanders, fabricante de impressoras digitais, participará em 2014 pela primeira vez da Fespa, feira europeia que acontecerá entre 20 e 23 de maio, em Munique (Alemanha).

Para a ocasião, a empresa estreará na Europa o ColorBooster 250, equipamento de 2,5m largura de impressão. Modular, a máquina pode ser configurada de acordo com as necessidades do cliente e pode receber upgrades de cabeças e de ferramentas adicionais como controle de pó e ambiente.

A empresa também vende outros equipamentos para estamparia têxtil, como a ColorBooster XL (impressora de 3,2m), o ColorBooster DS (sistema de impressão frente e verso), a ColorWash (máquina de lavagem de tecidos) e o ColorFix (sistema de fixação de cor por infravermelho).

Jacco Aartsen Tuijn, CEO da Hollanders, declarou: "O lançamento europeu da ColorBooster 250 é um movimento importante para a empresa. Com a solução, nossos clientes podem ter produtividade sem ter de fazer altos investimentos".

Fonte: Large Format Review



Fespa Brasil Fórum encerra atividades de 2016 com sucesso

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 18/12/2016
Itinerário do fórum percorreu as cidades de Curitiba, Belo Horizonte e Rio de Janeiro

Itinerário do fórum percorreu as cidades de Curitiba, Belo Horizonte e Rio de Janeiro

Iniciativa realizada em conjunto com a Fespa e a APS Feiras, o Fespa Brasil Fórum 2016 chegou à sua derradeira fase no dia 22 de novembro, quando ocorreu a etapa conclusiva dos eventos no Rio de Janeiro.

Segundo a organização, o fórum obteve novamente o sucesso esperado e passou por três capitais: Curitiba (26/10), Belo Horizonte (09/11) e Rio de Janeiro (22/11). Em todas as cidades houve alta taxa de comparecimento do público. Também foi uma oportunidade de disseminar conhecimento e receber informações de técnicas e específicas.

As palestras abordaram temas atuais. O diretor da Fespa no Brasil, Alexandre Keese, tratou de soluções integradas dentro do mercado de impressão. O executivo destacou um estudo da Fespa que constatou o otimismo do mercado global de impressão. Características do mercado atual foram abordadas, como o aumento da procura por produtos customizados e que sejam entregues com maior rapidez em tiragens mais baixas e designs criativos.

Processos evolutivos vêm sendo incorporados nos negócios, ressaltou o especialista. Um exemplo são os dados variáveis, que incorporam esta evolução, trazendo um produto extremamente personalizado, um objetivo facilmente alcançado com a impressão digital. As baixas tiragens e os dados variáveis também mudam a forma de pensar em processos como design, armazenamento e logística.

A especialista Luciana Andrade também participou do Fespa Brasil Fórum 2016. Em sua palestra, ela destacou o novo mercado de comunicação visual e lembrou que o melhor investimento para atingir novos mercados é a mudança do pensamento das empresas, que deve apostar em novas estratégias, buscar parcerias, mudar o foco comercial do vendedor e direcionar investimentos em marketing e treinamento.

O Fespa Brasil Fórum honra o lema “Lucro por um Propósito” da Fespa, que consiste no compromisso de reinvestir o faturamento da federação na indústria de impressão digital.

Fonte: Fespa Brasil