Tecnologia inkjet é introduzida na fabricação de telas OLED

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 22/11/2013

A Kateeva, empresa californiana de tecnologia, anunciou o Yieldjet, equipamento de impressão a jato de tinta (inkjet) projetado para produzir grandes volumes de OLEDs. É a primeira solução no mundo com tal finalidade.

De acordo com a empresa, a máquina pode baratear o custo de produção dos diodos, pois oferece uniformidade ao filme de revestimento e possui uma câmara de nitrogênio, que pode dobrar o tempo de vida útil do diodo.

Yieldjet: impressora a jato de tinta de grande formato usada na confecção de OLDEs

Yieldjet: impressora a jato de tinta de grande formato usada na confecção de OLEDs

Conor Madigan, presidente da Kateeva, declarou: "A impressora Yieldjet vem para acabar com problemas técnicos que estavam dificultando a fabricação em larga escala de OLEDs. Estamos animados em fazer valer essa nova tecnologia."

Atualmente, a fabricação de OLEDs passa por dificuldades e gargalos, pois emprega a técnica de evaporação a vácuo de máscaras. Trata-se de um artifício simples, mas ineficiente. A impressão a jato de tinta é considerada a substituta ideal em função de sua arquitetura, desempenho e maior confiabilidade de processo, além de aumentar a vida útil dos diodos

Mercado

As televisões de 55 polegadas de OLED chegaram ao mercado este ano. Jennifer Colegrove, presidente da Touch Display Research, prevê que em 2014 as tevês OLED vingarão e que em 2020 esse mercado alcançará 15,5 bilhões dólares.

As tecnologias de informática que utilizam OLED também têm futuro auspicioso. Na visão da IHS Inc, a receita em 2013 desse mercado deve chegar a 21,9 milhões. Em 2014, esse número deve pular para 94,8 milhões de dólares. Para 2020, a previsão é de 5,5 bilhões de dólares.

Tecnologia OLED tende a crescer nos próximos anos

Tecnologia OLED tende a crescer nos próximos anos

Fonte: Kateeva



Ampla anuncia pré-lançamento da impressora Elite FB

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 09/02/2018
Elite FB emprega tecnologia UV LED

Elite FB emprega tecnologia UV LED

A Ampla, fabricante nacional de impressoras digitais, anunciou o Elite FB, equipamento da família Industrial Leve indicado para comunicação visual, sinalização, brindes e aplicações industriais.

Com tecnologia de cura UV LED de elevada eficiência energética, a impressora é capaz de estampar MDF, madeira, acrílico, PS, PVC, borracha, EVA, vidro, plástico, papelão ondulado, entre outras mídias.

Segundo a empresa, um dos diferenciais do equipamento é a sua resolução de alta-fidelidade (HD), proporcionada pelas cabeças capazes de trabalhar com 720 x 1200dpi e volume variável (7, 14, 21, 28 e 35pL). Além disso, a máquina produz na velocidade de 41m²/h (modo rascunho), 25m²/h (produção), 16m²/h (qualidade) ou 12m²/h (alta qualidade).

As dimensões da mesa de impressão são 1,25m x 2,50m e permite que altura da mídia chegue a 80mm e que o peso dos substratos tenha até 200kg.

A Elite FB vem equipada com notebook integrado com processador Intel Core i5, RIP Caldera, sistema de vácuo e pressão positiva com quatro áreas independentes. A garantia do equipamento e das cabeças de impressão é de um ano.

A Ampla está aceitando pedidos de reserva da Elite FB, com preço especial de pré-lançamento de 259 mil reais.

Ricardo Lie, sócio-diretor de negócios da Ampla, declarou: “Com o lançamento da Elite FB, fortalecemos ainda mais nossa estratégia de oferecer o portfólio de produtos mais completo do mercado, atendendo desde o pequeno empresário até grandes empresas multinacionais, acompanhando o crescimento e aprimoramento do mercado, e a evolução de nossos clientes com equipamentos cada vez mais robustos, utilizando tecnologia de última geração, garantindo desempenho e durabilidade”.

Fonte: Ampla



IIJ apresenta impressora industrial de papéis de parede

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/01/2017
Equipamento é capaz de imprimir papéis de parede em linha e alta velocidade

Equipamento é capaz de imprimir papéis de parede em linha e alta velocidade

A fabricante Industrial Inkjet (IIJ) apresentou um modelo demonstrativo de impressora digital industrial que estampa papéis de parede em velocidade linear de 70m/min.

Nos últimos 18 meses, a IIJ, que teve a ajuda da Konica Minolta, trabalhou em uma solução que pode compete em custo e produtividade com os métodos convencionais de impressão.

Segundo a empresa, a impressão inkjet de papel de parede tinta é bastante comum, mas as velocidades hoje são muito baixas e a tecnologia é restrita a aplicações especiais de curto prazo. A impressora apresentada pretende mudar esse paradigma.

John Corrall, diretor da IIJ, declarou: “A impressão de papel de parede está prestes a ver uma mudança massiva para a tecnologia digital, graças às melhorias dos sistemas inkjet. O desempenho, o custo da tinta, a largura e a velocidade de impressão estão num patamar mais elevado. Quando começamos, a principal dificuldade foi desenvolver uma tinta que atendesse aos requisitos da indústria de papel de parede. A tinta tem de trabalhar em uma ampla gama de mídias e cumprir os padrões de qualidade. Levamos 18 meses para desenvolver um insumo que desse conta desses requisitos”.

Assista ao vídeo promocional da impressora:

Fonte: Industrial Inkjet (IIJ)