Zünd anuncia nova ferramenta para corte de papelão

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 05/09/2019
Press Cutting Tool – PCT tem estrutura diferenciada

Press Cutting Tool – PCT tem estrutura diferenciada

A fabricante Zünd apresentou uma nova ferramenta para as suas mesas de corte. Trata-se da Press Cutting Tool – PCT, indicada para processar papelões ondulados usados em aplicações como displays de ponto de venda e embalagens de alta qualidade para bens de consumo.

Segundo a empresa, a ferramenta é bem mais estável que os dispositivos oscilantes, o que aumenta a produtividade e produz bordas de corte mais precisas e limpas.

A PCT é equipada com uma sapata deslizante convexa que comprime o material durante o corte. A qualidade da aresta resultante é igual à de um corte convencional. Um anel de ajuste controla a compressão e profundidade de processamento da sapata.

A ferramenta é indicada para processar papelão ondulado com no máximo 7mm de espessura. A PCT também é capaz de cortar com perfeição detalhes muito finos.

Fonte: Zünd



Austrália emprega papéis eletrônicos em sinalização de tráfego

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 09/08/2015
E-papers orientam e ajudam motoristas da cidade de Sydney

E-papers orientam e ajudam motoristas da cidade de Sydney

Os motoristas da cidade de Sydney, na Austrália, recentemente passaram a contar com uma nova forma de sinalização de tráfego. Trata-se de um tipo especial de papel eletrônico desenvolvido e instalado pelo Road and Maritime Services (RMS), órgão governamental australiano responsável pela gestão de rodovias e vias navegáveis, que trabalhou em parceria com a Visionect, empresa fornecedora de e-papers.

Segundo a Visionect, é a primeira vez no mundo que a tecnologia de “tinta digital”, também usada em e-books, foi empregada em sinalização de trânsito.

Além da instalação dos displays de e-papers pela cidade, a RMS desenvolveu outras tecnologias para tornar possível o uso inteligente das novas sinalizações digitais. É o caso de uma rede de comunicação sem fio por meio da qual é possível monitorar e detectar avarias nos displays de trânsito, o que possibilita consertos e reposições rápidas. A rede também ajuda a evitar problemas de funcionamento causados pelo calor do sol ou por paralisações durante quedas de energia.

Ainda de acordo com a Visionect, depois da instalação dos papéis eletrônicos, toda a sinalização de trânsito de Sydney passou a ser sustentável, pois os displays são alimentados por energia solar, recurso natural abundante na Austrália. Além disso, o material consome pouca energia e com eficiência.

Outra vantagem é a ótima visibilidade noturna oferecida pelos displays, que irradiam luz pela parte frontal do e-paper assim que começa a escurecer.

Fonte: Digital Signage Today



Versão 12 do Caldera RIP é anunciada

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/10/2018
RIP da Caldera chega à versão 12

RIP da Caldera chega à versão 12

A desenvolvedora Caldera anunciou a versão 12 de seu software RIP homônimo. Segundo a empresa, o aplicativo atualizado oferece uma experiência aprimorada e inclui ferramentas como a Digital Licences, o APPE 5.0 e a CalderaDock.

Mark Lewiecki, gerente sênior de produtos da Adobe, declarou: “O Caldera 12 é uma das primeiras soluções a integrar o APPE 5.0 (Adobe PDF Print Engine 5). Os usuários do software poderão trabalhar com PDF 2.0 e aproveitar ao máximo os recursos de suas impressoras”.

O APPE 5.0 aproveita a ampla adoção do PDF para acelerar a eficiência de transferência, reduzir custos, aumentar a lucratividade e oferecer renderização de cores de alto impacto. Isso permite maior aproveitamento dos recursos de cores das impressoras. Ele também oferece suporte a transparências e reprodução de tons suaves.

O Caldera 12 também inclui a CalderaDock, ferramenta intuitiva para acessar sites, recursos e aplicativos da Caldera. Uma vez instalada, ela também ajuda os usuários a migrar do RIP da versão 11 para a 12.

Outra novidade é a Huge Image Pipeline, que aumenta a velocidade de processamento de arquivos grandes e de PSD e TIFF de várias camadas. Além disso, a Tex & Repeat pode processar padrões detalhados de impressão em rolos de papel de parede, para os mercados de decoração e tecidos.

A versão 12 do Caldera também vem com o Digital Licenses, novo sistema de licenciamento que, por meio da interface do Caldera Workspace, dá acesso a novos recursos da desenvolvedora. Ele permite que os usuários migrem digitalmente suas licenças para outros sites e computadores, o que acelera a produção e dispensa o uso de dongles.

Fonte: Caldera