Xaar apresenta nova série de cabeças de impressão Xaar 1003

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 27/03/2016
Xaar 1003 foi desenvolvida para atender fabricantes de impressoras para aplicações industriais

Xaar 1003 foi desenvolvida para atender fabricantes de impressoras para aplicações industriais

A fabricante Xaar anunciou a linha Xaar 1003, composta por cabeças de impressão desenvolvidas para aplicações industriais. A série, cuja arquitetura é baseada nas antecessoras Xaar 1002 e 1001, emprega a nova XaarGuard, tecnologia desenvolvida para proteger a placa de nozzles. Além disso, a cabeça pode manter maior consistência na qualidade de imagens em aplicações única passada. Isso porque é fabricada por meio do processo X-ACT Micro Electric Mechanical Systems (MEMS).

Assim como suas antecessoras, a série Xaar 1003 combina a exclusiva TF Technology com a arquitetura Hybrid Side Shooter, para que a tinta seja recirculada diretamente na parte de trás dos nozzles durante o disparo das gotas. Isso assegura que a cabeça opere de forma confiável mesmo em ambientes industriais mais agressivos. A constante circulação de tinta evita a sedimentação e o bloqueio dos nozzles.

A Xaar 1003 estará disponível em três modelos: o GS12 (para aplicações em cerâmicas), o GS6 (para reprodução detalhes finos) e o GS40 (para efeitos especiais). A empresa promete outras variantes para máquinas com impressão UV. 

Gillian Ewers, diretor de marketing da Xaar, declarou: “Além do alto desempenho, a Xaar 1003 é fácil de instalar e é compatível com as cabeças Xaar 1002 e 1001”.

A Xaar 1003 pode ser utilizada por diversos fabricantes de equipamentos de impressão em cerâmica, rótulos, objetos, embalagens, laminados de madeira, vidros e outras mídias usadas em aplicações industriais.

Fonte: Xaar



SAi apresenta terceira versão do PixelBlaster

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 22/02/2014

PixelBlaster chega à versão 3.0

PixelBlaster chega à versão 3.0

A SAi, desenvolvedora de softwares gráficos, lançou a versão 3.0 do PixelBlaster, aplicativo de impressão digital e comunicação visual. O programa apresenta RIP baseado em PDF e oferece ferramentas de pré-visualização e gerenciamento de produção.

Entre os aperfeiçoamentos da terceira versão do PixelBlaster, estão ferramentas que permitem impressão frente e verso, recorte e posicionamento manual. Além disso, o aplicativo tem nova interface e novo gerenciador de mídia integrado.

Segundo a empresa, o elemento principal do upgrade é a otimização do desempenho do RIP. Agora, ele realiza o processamento de entrada 200% mais rápido (para determinados tipos de arquivos), além de possuir parâmetros reformulados de rendering, para melhorar a nitidez das imagens.

Eyal Friedman, vice-presidente de serviços técnicos da SAi, declarou: "O PixelBlaster v3.0 oferece novas ferramentas, estrutura interna mais veloz e maior facilidade de operação, que melhoram o desempenho na pré-impressão".

Fonte: Output Magazine



Imprimax lança série de vinis jateados opacos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 13/04/2015

Película está disponível em nove cores diferentes

Película está disponível em nove cores diferentes

A Imprimax, fabricante nacional de películas adesivos, anunciou uma nova linha de vinis jateados opacos. Disponível em nove cores, o material é composto por frontal de PVC polimérico calandrado de 100 micra, cola acrílica aquosa permanente e liner de papel couché 120g/m2.

O vinil pode receber impressão digital ecossolvente, solvente, UV e látex, impressão serigráfica UV e convencional, impressão flexográfica UV e impressão offset UV.

Indicado para aplicações automotivas e de comunicação visual, decoração, sinalização e recorte eletrônico, o vinil é vendido em bobinas de 50m de comprimento e 1,22m de largura.

Depois de aplicado, o filme pode durar seis ou sete anos em ambientes externos. Para descartá-lo, basta seguir as regulamentações locais.

O lançamento da linha de vinis jateados opacos faz parte da série de mais de 150 novos produtos recém-anunciados pela Imprimax.

Fonte: Imprimax