Você sabe como funciona a tinta látex?

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 09/04/2021
Durável e sustentável, a látex foi um divisor de águas no segmento das inkjet de grande formato

Durável e sustentável, a látex foi um divisor de águas no segmento das inkjet de grande formato

Solvente, UV e à base d’água: essas eram as principais tintas de impressão inkjet de grande formato até o ano de 2008.

A tinta à base d’água foi usada principalmente para estampar peças de uso interno, com qualidade ótima e excelente gama de cores. Porém, por ter baixa resistência, não era adequada para aplicações externas.

Por apresentar resistência a água e estabilidade a raios UV, a tinta solvente foi usada principalmente para sinalização externa. Ela, porém, não oferecia uma qualidade ótima de impressão para visualizações de perto. A versão “eco” da solvente, assim como a “mild solvent”, foi desenvolvida como opção econômica, por prescindir de alguns produtos químicos mais caros.

Já a tinta UV era o “rei das mídias rígidas”. Sua falta de flexibilidade era compensada por sua adesão. Por isso, a UV podia imprimir em muitas superfícies. Mas a gama de cores e a qualidade de imagem eram semelhantes às da tinta solvente. Posteriormente, uma versão flexível da tinta UV foi desenvolvida. No entanto, ela perdeu parte de seu poder de adesão.

Então, em 2008, a HP lançou a primeira tinta à base d’água durável para uso externo: a tecnologia látex HP, cujo objetivo também era ser a impressão mais amigável ao ambiente disponível no mercado. Com ela, a HP se orgulhava de oferecer o melhor dos dois mundos: a qualidade das tintas à base d’água e a durabilidade externa das tintas solventes. Isso proporcionou uma versatilidade incomparável, pois era possível obter qualidade interna e durabilidade externa ao usar um único conjunto de tintas — além de elas serem seguras para o meio ambiente e para os operadores.

Em 2013, a HP anunciou uma nova geração da HP Latex, e desde então a fabricante está melhorando continuamente a tecnologia. Nessa ocasião, a fabricante criou um líquido otimizador transparente com o fim de eliminar a necessidade de secadores na zona de impressão, mantendo o ganho de ponto perfeito. A HP também adicionou um componente antirriscos à tinta, para aumentar a durabilidade das imagens, melhorar a eficiência da cura e aumentar a produtividade dos birôs e gráficas.

Em 2018, a HP lançou a série HP Latex R, composta por equipamentos com sistema híbrido de alimentação de substratos, com funções de impressão plana e rolo a rolo. Foi a ocasião também da introdução de uma nova geração da tinta látex. Entre as inovações dessa linha, estavam a nova tinta branca e o “Overcoat”, insumo usado para dar acabamento e proteção superficial às imagens. Como ele é aplicado por um canal separado, o operador pode escolher quando usá-lo ou não. Em aplicações que serão laminadas, por exemplo, não é preciso aplicá-lo. Essa geração também evoluiu em termos de cura, exigindo temperaturas menores para o processo. Como vantagem, um número maior de mídias pôde ser estampado pelas impressoras látex.

A tinta látex da HP é composta basicamente por água (water), pigmentos (pigment) e polímeros sintéticos

A mecânica

As tintas HP Latex consistem em água (65%), pigmentos, polímeros de látex (sintéticos, totalmente hipoalergênicos) e pequenas quantidades de outros químicos.

Na primeira etapa da impressão com as tintas HP Latex, um líquido otimizador é disparado pelas cabeças térmicas exclusivas da marca, com o fim de criar uma camada de partículas carregadas positivamente, apenas onde a imagem será impressa. Em seguida, são sobrepostas as tintas coloridas. Seus pigmentos, carregados negativamente, são atraídos pelo otimizador (positivo), e a maior parte dos pigmentos se aloja na parte inferior da solução na mídia. Para finalizar, o Overcoat, quando necessário, é aplicado sobre a tinta.

No equipamento, a mídia se move através da zona de impressão em direção ao sistema de cura, onde ocorre tanto a evaporação da água da tinta quanto o encapsulamento dos pigmentos pelos polímeros de látex e componentes de acabamento. Como resultado, forma-se uma fina película de látex, transparente, flexível e à prova d'água, com agentes de proteção superficial e pigmentos com resistência a arranhões. Assim, a impressão está pronta para ser manuseada e receber o acabamento.

Os pigmentos (carregados negativamente) encontram-se com as partículas de otimizador (carregadas positivamente) 
Como resultado de impressão e cura, é criada uma película fina e colorida de látex

Benefícios da HP Latex

Produtividade: as imagens saem completamente secas da impressora, prontas para o acabamento e expedição. A látex não racha nem desbota quando esticada. Além disso, não altera as características dos substratos, ao contrário das tintas UV e solvente. Portanto, mesmo depois de impressas, as mídias conservam suas propriedades originais. A látex também é versátil e capaz de estampar uma gama ampla de materiais, de papel a PVC, de SAV a PETG, e até mesmo tecidos.

Fácil de usar: oferece muitos recursos que economizam tempo, como o HP PrintOS, software com ferramentas para observar e gerenciar toda a produção.

Bom para o meio ambiente e para o operador: as tecnologias HP Latex oferecem muitas oportunidades de reciclagem e redução de consumo. Os cartuchos de tinta, as cabeças de impressão e, em alguns casos, os cartuchos de manutenção podem ser reciclados gratuitamente por meio do programa HP Planet Partner.

Este artigo teve apoio da Agis e foi originalmente escrito pelo consultor técnico da HP Bruce Wayne Van Greunen
Este artigo contou com o apoio da Agis, distribuidora de suprimentos e equipamentos HP Latex

 



Avery anuncia séries de películas refletivas para veículos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/07/2018
V-8000 e V-4000 são indicados para aumentar a visibilidade dos veículos

V-8000 e V-4000 são indicados para aumentar a visibilidade dos veículos

A fabricante Avery Dennison anunciou no mercado internacional as linhas V-8000 e V-4000, compostas por filmes refletivos para adesivar e aumentar a visibilidade de veículos.

Com seis opções de cores, a V-8000 emprega tecnologia prismática multifuncional que gera uma refletividade extrema e omnidirecional e proporciona melhoria na visibilidade à noite e em condições de pouca luz. Os adesivados também se destacam mais durante o dia, além de se adaptar a curvas simples e possibilitar a aplicação em qualquer orientação. Com largura de 1,22m, as mídias podem ser impressas e cortadas. Por terem uma camada metálica sólida, elas resistem à água, sujeira e perda de refletividade por causa de amassados.

Além da V-8000, a Avery Dennison também passou a oferecer a linha V-4000. Sobre ela, Oliver Guenther, diretor sênior de marketing da empresa, declarou: “A série V-4000 conta com seis opções de cores, que podem ser combinadas com aplicações de frota comercial. Se um veículo precisa ser visto ou uma marca torna-se mais proeminente, esses materiais de alta visibilidade oferecem uma gama genuinamente abrangente de escolhas”.

Fonte: Avery



HP atualiza linha de impressoras HP Latex 300

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 20/09/2016
Impressoras HP Latex 315, 335 e 365

Impressoras HP Latex 315, 335 e 365

A HP, desenvolvedora de tecnologias, anunciou três novos modelos (315, 335 e 365) de impressoras de grande formato da linha HP Latex 300. Indicadas tanto para pequenas como para grandes empresas, as máquinas produzem peças para aplicações indoor e outdoor de sinalização e comunicação visual comercial.

As impressoras podem trabalhar na velocidade de até 31m2/h e resolução de 1200dpi. Entre suas tecnologias destacadas estão a HP Latex Optimizer e a HP Optical Media Advance Sensor (OMAS).

A HP Latex 365 conta com o exclusivo Custom Substrate Profiling, que gera perfis ICC, e o espectrofotômetro integrado i1. A impressora também vem com o novo HP Quick Solutions, que pode ser acessado pelo painel frontal e serve para solucionar rapidamente problemas relacionados à qualidade de imagem. Já as HP Latex 315 e 335 oferecem possibilidade de criação de perfis por meio do HP Quick Substrate Profiling e do RIP FlexiPrint HP Edition. Além disso, os três equipamentos HP Latex 300 possuem um cortador automático para acabamento.

A HP também disponibilizou novos de treinamentos on-line de operação, que mostram como tirar o máximo de proveito dos equipamentos.

Com base na terceira geração da tecnologia látex HP, as impressoras oferecem ainda benefícios ambientais em função da tinta à base d’água que empregam.

Fonte: HP