Versão 5 do software Easy Cut Studio chega ao mercado

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/01/2020
Mecanismo de 64 bits é um dos diferenciais da nova versão do aplicativo para plotters

Mecanismo de 64 bits é um dos diferenciais da nova versão do aplicativo para plotters

A desenvolvedora EasyCut anunciou a versão 5 do Easy Cut Studio, software de corte e o design de sinalização. Além de suportar mais de 600 modelos de plotters, o aplicativo é compatível com o mais recente sistema operacional da Apple, o macOS 10.15 Catalina.

Segundo a empresa, o Easy Cut Studio 5 é o resultado de dois anos de desenvolvimento e pesquisa com dezenas de fabricantes de plotters de recorte e centenas de clientes no mundo todo.

Com recursos para criar e editar gráficos vetoriais, o software possui um mecanismo de 64 bits que aumenta a velocidade de produção. Além disso, o aplicativo conta com os seguintes recursos e características:

- Suporte para plotters GCC RXII, UKCutter SMURF, Cotek, FlyCut, Bridge, Bascocut, Vinyl Express GRC, ArtSign e EastSign;

- Opção “sensitivity” para USCutter TITAN3 ARMS;

- Opção TCP para plotter Janome;

- Exportar no formato PDF;

- Guidelines personalizadas;

- Cor personalizada para Cutting Mat;

- Funções adicionais para o Trace Image.

O Easy Cut Studio 5 roda em Windows XP/Vista/7/8/10 (32/64 bits) e macOS 10.10-10.15. Uma licença custa 59,95 dólares. Os clientes licenciados recebem suporte técnico gratuito e serviço gratuito de pós-venda.

Os atuais usuários do Easy Cut Studio 4 podem fazer gratuitamente o upgrade para a versão 5 do programa.

Fonte: EasyCut



Fisher Textiles lança seis tecidos para impressão látex e UV

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 07/03/2018
Mídias são indicadas para substituir substratos vinílicos

Mídias são indicadas para substituir substratos vinílicos

A Fisher Textiles, fabricante de mídias para comunicação visual, apresentou no mercado internacional seis novos tecidos para a impressão látex e UV.

Três das novas mídias são da linha Bannyl, composta por substratos sem PVC mas com a mesma durabilidade do vinil. Também são resistentes ao vinco e fáceis de manusear e instalar, além de ter propriedades antichamas. Entre os tecidos Bannyl estão o GF 7100 (para aplicações retroiluminadas em mercados e feiras), o GF 7200 (com excelente ponto branco) e o GF 7300 DS (para banners dupla face opacos).

Os demais tecidos recém-lançados pela Fisher Textiles são:

DD 4141 Paradise BOB: oferece alto nível de opacidade para aplicações em estandes de feiras. Além de antichamas, a parte de trás da mídia é preta;

DD 7170 Diverse: indicado para soft signage, a mídia oferece reprodução de cores de alta qualidade e é dimensionalmente estável. De poliéster (100%), esse tecido é retardador de chama;

DD 7180 Banner Lust: de poliéster branco brilhante, essa mídia é indicada para composição de displays de alto nível e aplicações de publicidade de varejo. Ele apresenta acabamento refinado para sinalizações de alto padrão. Também é antichamas.

Fonte: Fisher Textiles



Mimaki Brasil promove Mimaki Experience

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/12/2013

Evento mostrou as principais tecnologias da Mimaki

Evento mostrou as principais tecnologias da Mimaki

A subsidiária brasileira da Mimaki, fabricante de impressoras digitais, promoveu pela primeira vez o Mimaki Experience, evento técnico e comercial que ocorreu na nova filial da empresa, em Recife. Entre os dias 26 e 27 de novembro, clientes e empresários da região puderam ver de perto as seguintes tecnologias:

  • CJV30: impressora que opera com resolução máxima de até 1.440dpi e trabalha com três tamanhos diferentes de pontos. Com a resolução de 540 x 720dpi, quatro passadas e impressão bidirecional, a máquina alcança 17,5 m²/h. Isso é possível devido ao posicionamento simétrico das cores na cabeça de impressão.
  • UJF-3042FX: impressora plana que trabalha na resolução máxima de 1440dpi. Possui área de impressão de 300 x 420mm (A3) e possibilita estampar substratos de até 5 cm de espessura. Além disso, apresenta sistema a vácuo para fixação das mídias e pode operar com três tipos de tinta: LH-100, LF-200 e LF-140.
  • JV5: impressora disponível em duas versões: com 1,6m ou 3,2m de largura. Pode operar com resolução máxima de 1.440dpi e trabalha com três tamanhos diferentes de pontos.

Veja fotos do evento:

Fonte: Mimaki