Trotec lança máquina a laser Speedy 400

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/05/2019
Novos dispositivos aumentam a produtividade do equipamento

Novos dispositivos aumentam a produtividade do equipamento

A fabricante Trotec acaba de disponibilizar a Speedy 400, gravadora a laser de tamanho médio, capaz de operar na velocidade máxima 170 polegadas por segundo. O equipamento também apresenta um novo sistema de planejamento de movimento chamado OptiMotion, que calcula a velocidade de corte em tempo real.

Com potência de 250watts, a Speedy 400 oferece velocidades maiores de processamento e pode trabalhar com materiais mais espessos. Outro recurso da máquina é a fonte de laser de fibra MOPA, que aumenta ainda mais a velocidade de gravação.

Outro diferencial do equipamento é a tecnologia patenteada Sonar, que detecta os pontos de foco da mesa e corrige-os automaticamente.

Segundo a empresa, a Speedy 400 também estabelece novos padrões em termos de ergonomia, pois é possível carregar e descarregar o laser de maneira rápida e fácil, graças ao novo manuseio da tampa frontal.

Um novo visor de status exibe o status do laser e o progresso dos trabalhos. O operador consegue ver rapidamente se o laser está ligado, se um trabalho foi concluído ou interrompido e qual fonte de laser está ativada.

O novo Speedy 400 pode vir com uma (CO2) ou duas (CO2 e fibra) fontes de laser, pois a máquina é modular e multifuncional.

Fonte: Trotec



Mimaki lançará impressora sublimática com largura de 3,2m

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 18/01/2016
TS500P-3200 é indicada para empresas de média a alta produtividade

TS500P-3200 é indicada para empresas de média a alta produtividade

A Mimaki, fabricante de equipamentos para impressão e recorte, anunciou que lançará em fevereiro a TS500P-3200, impressora sublimática indicada para estampar tecidos usados em decoração e sinalização indoor.

O equipamento tem 3,2m de largura e emprega 12 cabeças de impressão dispostas em três linhas escalonadas para ejetar gotas de tinta em alta velocidade, padronizar o ângulo de disparo e assegurar a precisão do endereçamento de ponto. Segundo a empresa, isso garante resultados de alta qualidade em papéis transfer de baixo custo.

A impressora pode trabalhar na velocidade máxima de 180m2/h e emprega software RIP TxLink3 Lite, que permite aos usuários especificar o volume de tinta por cor e reproduzir padrões sem emenda de uma única imagem (como repetições e padrões espelhados).

A impressão ininterrupta é possível graças à NCU (Nozzle Check Unit), que detecta e limpa automaticamente os nozzles entupidos, enquanto o NRS (Nozzle Recovery System) faz compensações quando não é mais possível desobstruir os nozzles por meio da limpeza. Ademais, a máquina conta com grandes recipientes de tinta para manter a impressão contínua.

Além de suportar rolos de 130kg, o sistema de alimentação de mídias da TS500P-3200 conta com o AMF (Auto Media Feeder), que estabiliza a passagem dos papéis transfer pela máquina.

A impressora também vem com a MAPS4 (Mimaki Advanced Pass System 4), tecnologia que evita o surgimento de bandings pois suaviza a impressão ao reduzir o número de gotas disparadas.

Fonte: Mimaki



HP Latex expande negócios do birô SelectColor

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 24/11/2020
Flexibilidade da tinta látex: qualidades que possibilitam a produção de muitos projetos de comunicação visual, como os requisitados envelopamentos

Flexibilidade da tinta látex: qualidades que possibilitam a produção de muitos projetos de comunicação visual, como os requisitados envelopamentos

O que leva um consumidor a adorar uma marca? Das mais objetivas e contundentes às mais subjetivas e corriqueiras, há muitas razões que podem explicar esse laço afetivo poderoso. Anderson Sanches, proprietário do SelectColor, birô paulistano especializado em comunicação visual, tem uma ideia bem clara dos motivos que o levaram a ter estima pela HP Latex, marca de impressoras digitais lançada há mais de uma década pela gigante norte-americana de tecnologia. Além do crucial atendimento técnico no pós-venda, o executivo aponta que a versatilidade de mídias e a qualidade das imagens impressas são fatores determinantes. Mas não só: o grande diferencial mesmo é a tinta látex — pelas qualidades de resistência e sustentabilidade que ela oferece.

Sanches fala com real propriedade: há mais de sete anos, a SelectColor utiliza equipamentos HP Latex para estampar peças decorativas de ambientes corporativos e comerciais, como cafés e shopping centers. No portfólio da empresa, também estão os banners de formatos variados e as sinalizações para eventos (inclusive, com laminações de “lousas mágicas”). Além do envelopamento de veículos, outra especialidade da casa, produzida frequentemente pela látex, é o “BackDrop”, painel que pode ter estrutura de “BoxTruss” ou de madeira. Esses inúmeros materiais são comprados por empresas dos mais diversos setores, tanto públicas, como o Governo do Estado de São Paulo, quanto privadas, como Enel, GranVision, Tarkett, Casa Bauducco e CHUBB Seguros.

Itens fundamentais para o retorno seguro ao trabalho, sinalizações de distanciamento social foram impressas em HP Latex e aplicadas nas instalações da CHUBB Seguros 

A relação com a HP Latex não foi de amor à primeira vista. Em 2013, embora estivesse à procura de uma impressora maior (de 3,2m) e que não empregasse tintas à base de solvente, Sanches demorou a se decidir pela látex. Inicialmente, estava um pouco cético sobre o potencial tecnológico e produtivo da máquina. Porém, depois de longas baterias de testes, realizados em conjunto com uma revenda da HP, o executivo se convenceu a assinar a papelada. Poucos dias depois, a primeira HP Latex foi instalada no birô, e outros dois modelos, nos anos seguintes, passariam a fazer parte das ferramentas especiais da SelectColor.

Especial? Por quê? Sanches reitera que a tinta látex é o que torna a tecnologia tão única e vantajosa. Por ser à base d’água, o material é inodoro e sustentável — duas qualidades que surpreenderam os clientes da SelectColor. “O grande impacto é vê-los abrir seus impressos, principalmente banners, e não entender o porquê de eles não terem cheiro de solvente. Alguns clientes gostaram tanto dessa tecnologia que hoje seus editais exigem impressões somente com tinta látex”, revelou o dono da SelectColor.

Qualidade de impressão é fator preponderante para o uso da tecnologia látex em trabalhos de adesivação executados pela SelectColor

Ganho de produtividade foi outro motivo que levou Sanches a reforçar sua relação com a HP Latex. Um de seus equipamentos, o L1500, tem rodado em velocidade média de 48m2/h para produzir imagens de alta qualidade — essenciais para muitos pedidos feitos ao birô. Essa mesma qualidade era obtida por outras impressoras em velocidades de 16m2/h. Além disso, a L1500 possibilita que o trabalho simultâneo com dois rolos de mídias, o que também aumenta a produtividade dos trabalhos.

Outro fator que contribui para o aumento da produtividade é a rápida secagem da tinta. Por causa dela, o material já sai pronto da impressora e, portanto, pode ser enviado diretamente ao acabamento, encurtando os tempos do fluxo de trabalho.

Os ganhos de produtividade somam-se à versatilidade de mídias que as impressoras látex rodam. Embora limitados aos substratos flexíveis em rolo, os equipamentos podem estampar um amplo número de materiais. Entre eles, lonas comuns e perfuradas, tecidos especiais, papéis para mobiliários urbanos e vinis adesivos de todos os tipos. São materiais como esses que decoram e personalizam, por exemplo, lojas de marcas de peso como a GranVision, a Bauducco e a Louis Vuitton — alguns dos clientes da SelectColor, que, durante a pandemia de covid-19, têm produzido muita comunicação visual com informações específicas de higiene e distanciamento social. O birô foi responsável, por exemplo, pela produção dos materiais de implementação de regras de segurança para o retorno dos funcionários de empresas como a Linx (de tecnologia para o varejo) e a CHUBB (de seguros).

Escritórios da Linx estão repletos de novos comunicados sobre saúde e higiene; peças foram estampadas com tintas látex

Se não foi amor à primeira vista, certamente o namoro deu em casamento. E a relação dá mais um sinal de que vai evoluir: Sanches revela estar de olho na recém-lançada HP Latex R2000. “Hoje estamos estudando a aquisição dela”, revela o executivo. A HP Latex R2000 é uma divisora de águas dentro da série. Trata-se do primeiro modelo com sistema híbrido de alimentação de mídias, que roda substratos flexíveis e rígidos. Essa inovação possibilita um aumento expressivo nas ofertas de aplicações e produtos impressos.

Embora a qualidade de impressão seja um dos trunfos da SelectColor, que atualmente conta com 16 funcionários, a empresa presta serviços de corte, acabamento e instalação, para oferecer uma solução completa aos clientes.