Sun Chemical lança tinta sublimática para produção têxtil digital

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 30/03/2022
ElvaJet Topaz SC é compatível com cabeças Kyocera

ElvaJet Topaz SC é compatível com cabeças Kyocera

A fabricante Sun Chemical anunciou o lançamento no mercado internacional da ElvaJet Topaz SC, tinta digital sublimática com ampla compatibilidade entre sistemas de impressão inkjet. Segundo a empresa, o material oferece qualidade de imagem e desempenho de jato otimizado em todos os tamanhos de gota.

A Sun Chemical projetou a ElvaJet Topaz SC para que ela colaborasse no controle superior nos diferentes tamanhos de gotas disponíveis, em diversos modelos de cabeças Kyocera.

Compatível com papéis de transferência revestidos e não revestidos, a ElvaJet Topaz SC é certificada Eco-Passport, pela OEKOTEX, sem restrições. Isso significa que qualquer tecido impresso com a tinta não precisa ser testado quanto à conformidade com o padrão OekoTex Classe 100.

Pete Saunders, diretor da Sun Chemical, declarou: “Muitas estamparias estão procurando uma solução de tinta que permita uma produção ininterrupta. Nosso conhecimento da indústria de impressão têxtil combinado à nossa competência no setor de inkjet permitiu o desenvolvimento de uma tinta sublimática que elimina qualquer necessidade de comprometer a cor, a qualidade de impressão ou o tempo de operação da máquina”.

O lançamento da ElvaJet Topaz SC faz parte do programa de novas tecnologias desenvolvidas pela Sun Chemical para otimizar a experiência de todas as impressoras têxteis digitais, para que elas obtenham o melhor resultado de produção.

Fonte: Sun Chemical



Ricoh lança impressora látex de grande formato

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 07/01/2014

Ricoh Pro L4100: nova látex do mercado de grandes formatos

Ricoh Pro L4100: nova látex do mercado de grandes formatos

A Ricoh, fabricante de equipamentos para impressão, acaba de anunciar no mercado internacional o lançamento da Ricoh Pro L4100, impressora látex de grande formato com sistema rolo a rolo. Disponível em dois formatos (de 1,3m e 1,6m de largura), a máquina emprega a paleta de cores CMKY e vem com as tintas laranja, verde e branca (que ampliam a gama de cores reproduzíveis).

Tinta

A tinta original da máquina é uma solução à base d’água que gera poucos compostos orgânicos voláteis. Além de inodora, a tinta cura à temperatua de 60°C, o que possibilita a impressão de mídias mais sensíveis ao calor. Segundo a fabricante, as tintas Ricoh oferecem durabilidade indoor de um a dois anos.

Além disso, a impressora conta com um sistema de fornecimento ininterrupto de tinta, que substitui automaticamente um cartucho vazio por outro novo e cheio de tinta.

Mídias

A Ricoh Pro L4100 imprime em substratos de PVC, lonas, ​​papéis sintéticos, papéis revestidos, papéis não revestidos, filmes, tecidos, entre outros materiais. A fabricante afirma estar ampliando a gama de substratos compatíveis por meio de um programa de certificação de mídias, realizado em parceria com a Color Concepts, empresa de normas e certificação de materiais.

Cabeças de impressão

Usando as mais recentes cabeças piezoelétricas da Ricoh, a Pro L4100 consegue imprimir com pontos variáveis, disparando gotas de tinta com volume de 4 picolitros, o que pode gerar gradações de cores mais suaves e detalhes finos, incluindo linhas e fontes pequenas.

RIP

A Ricoh Pro L4100 vem com o RIP Colorgate com padrões configuráveis, para personalização do menu de ferramentas do aplicativo, tornando-o mais intuitivo e fácil de operar.

Características técnicas

  • 7 cores: CMYK, branca, laranja e verde;
  • Última geração de cabeças de impressão Ricoh, que disparam gotas de tinta com volume de 4 picolitros;
  • Tinta látex à base d’água;
  • Velocidade de impressão: 8,2m2/h;
  • Secagem rápida da tinta;
  • Duas larguras de impressão: 1,3m e 1,6m;
  • Menor consumo de energia;
  • Temperaturas de cura mais baixas, o que reduz o consumo de energia e possibilita a impressão de materiais mais sensíveis ao calor;
  • RIP Colorgate.

Fonte: Ricoh Europa



Criata adquire a primeira Durst Kappa 180 do Brasil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 19/04/2013

Dust Kappa 180: para estamparia digital e muita produtividade

Dust Kappa 180: para estamparia digital e muita produtividade

A Criata, sediada em Belo Horizonte, é a primeira empresa no Brasil a investir numa Durst Kappa 180, impressora para estamparia digital.

Evando Abreu, diretor da Criata, esclareceu um dos motivos que impulsionaram o investimento: "Nossos equipamentos antigos produzem na velocidade média de 40m2/h. Os equipamentos da nova geração produzem em torno de 100m2/h. No caso da Kappa 180, essa produtividade está estimada em cerca de 600m2/h".

O executivo também comentou sobre a qualidade da impressora digital: "Quando falamos de tecidos como o algodão, é muito difícil produzir imagens com grande destaque visual e riqueza de cores. Na Kappa 180, é possível atingir esse padrão".

Fonte: Durst Brasil