Sublimação: como personalizar almofadas

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 05/02/2017
Saiba como sublimar uma almofada para decoração

Saiba como sublimar uma almofada para decoração

A razão do sucesso da impressão digital sublimática é simples: a capacidade de personalizar pequenas tiragens em mídias sustentáveis de tecido. Não bastasse isso, a tecnologia produz imagens de alta qualidade com rapidez e facilidade operacional. Entre os produtos possíveis de serem personalizados pela sublimação estão artigos de decoração, como as almofadas.

A seguir mostramos como personalizar uma almofada. O passo a passo foi realizado pela equipe da Mimaki Brasil. Para tanto, foram utilizados enchimento, tesoura, prensa térmica, capa de almofada branca (100% poliéster) e impressora Mimaki JV150-160 (com tinta Sb53). Para essa aplicação também é possível empregar outros equipamentos sublimáticos da Mimaki, entre eles o CJV150-107, o TS300P-1800 e o JV300. Acompanhe:

Crie a arte conforme o molde do produto, com sangria de no mínimo 0,3cm
Abra o arquivo no software RIP da Mimaki, o RasterLink6, e ative a opção “reverso”, para espelhar a imagem
Insira as especificações
Imprima o arquivo. Para a almofada, recomenda-se usar resolução de 540 x 360dpi, 3P, no modo 4 cores
Após a impressão, recorte o material
Posicione o material impresso em uma prensa térmica, com temperatura de 200ºC, por 60 segundos
Retire o material da prensa e, com cuidado, remova o papel
Produto final

 



Fespa Brasil 2019 oferecerá experiência completa de visitação

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 15/01/2019
Visitante poderá acompanhar exposições e eventos técnicos

Visitante poderá acompanhar exposições e eventos técnicos

A APS Eventos Corporativos, organizadora da Fespa Brasil, garante que a edição de 2019 da feira terá novidades. Marcada para ocorrer entre os dias 20 e 23 de março, no Expo Center Norte, na cidade de São Paulo, o evento reunirá importantes players que oferecem soluções para toda a cadeia de produção de um material impresso digitalmente.

O visitante poderá complementar a sua participação na feira ao acompanhar outras ações planejadas pela organizadora do evento. Até o momento, as iniciativas confirmadas para a Fespa Brasil 2019 são:

Academia da Impressão Digital: com foco na técnica de impressão, com boas práticas, gerenciamento de cores, preparo e fechamento de arquivo para a impressão de alta qualidade;

Fespa Digital Textile Conference: congresso pautado na evolução da impressão digital têxtil para os segmentos de moda, decoração e sinalização;

Inteligência Gráfica: dedicado ao pensamento estratégico, com conceitos de gestão, empreendedorismo e tendências, visando a transformação dos negócios de impressão;

Ilha da Sublimação: em parceria com ComunidadeWEB, o espaço une exposição, palestras e workshops, para mostrar como a sublimação é uma excelente oportunidade para quem deseja empreender e lucrar;

Cambea#9: nona edição do campeonato brasileiro de envelopamento automotivo. O vencedor terá a chance de disputar o mundial na Europa.

Fonte: Fespa Brasil



VP Máquinas lança dobradeira de acrílico adaptada a deficientes

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 25/05/2014

Dobradeira foi apresentada na feira Serigrafia Sign 2014

Dobradeira foi apresentada na feira Serigrafia Sign 2014

A VP Máquinas anunciou o lançamento da DVP 1000 Especial, dobradeira de acrílico adaptada para pessoas com deficiências ou que possuem impedimentos para ficar em pé. Cadeirantes, idosos e obesos podem se beneficiar da novidade.

Com 1m de comprimento, a máquina apresenta ajustes de altura, fio para efetuar dobras mais perto do operador e abertura central que permite ao operador trabalhar sentado.

Ana Paula Paschoalino, diretora comercial da VP Máquinas, comentou: "A dobradeira atende quem deseja começar seu próprio negócio e estimula o empresariado a contratar profissionais ávidos a produzir mas que, infelizmente, se mantêm à margem do mercado de trabalho".

A máquina dobra materiais termoplásticos como PSAI, poliestireno, acrílico, alveolar, PVC expandido, PETG e policarbonato, com espessuras de 0,5mm a 20mm. A partir da dobradeira podem ser criados produtos como displays, placas, porta-treco, luminárias, móveis, estantes, cadeiras, porta-guardanapo e brindes.

Segundo a empresa, a estrutura da máquina é de madeira cortada em serra eletrônica e não emprega cola. Os pedaços, 20 ao todo, são encaixados e parafusados. Depois é instalada a central de controle e o fio de metal.

Fonte: VP Máquinas