Nazdar lança duas linhas de tintas digitais UV compatíveis

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/11/2015
Fabricante passou a disponibilizar as séries 702 e 703

Fabricante passou a disponibilizar as séries 702 e 703

A Nazdar, fabricante de insumos para impressão digital, anunciou no mercado internacional o lançamento de duas linhas (Nazdar 702 e 703) de tintas UV compatíveis com modelos de impressoras Océ Arizona e Fujifilm Acuity.

Segundo a empresa, as novas tintas oferecem compatibilidade, qualidade e uma boa relação custo-benefício. Além disso, podem reproduzir cores correspondentes e quimicamente compatíveis com as tintas originais.

Devido à compatibilidade de cores, as tintas Nazdar não exigem descargas ou purgas no processo de instalação.

Plug and play, a linha Nazdar 702 foi desenvolvida para substituir a série IJC256 (usada em impressoras Océ Arizona). Já a série Nazdar 703 substitui a KI Series (empregada em modelos Fujifilm Acuity).

Fonte: Nazdar



MS Printing apresenta nova impressora têxtil Mini Lario

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/07/2019
Máquina emprega 64 cabeças de impressão

Máquina emprega 64 cabeças de impressão

A fabricante MS Printing anunciou a nova Mini Lario, impressora têxtil industrial capaz de trabalhar na velocidade máxima de 1.094m/h, na configuração 2xCMYK.

Com 64 cabeças e sistema scanning, a máquina integra inovações tecnológicas como o posicionamento do carro impressor, que fica pendurado na ponte de impressão.

A fabricante também disponibiliza um sistema de pré-tratamento em linha. A solução in-line traz benefícios como a redução de gastos com água, energia e produtos químicos.

Luigi Milini, presidente honorário da MS Printing Solutions, declarou: “A Mini Lario é a máquina com sistema scanning mais rápida do mundo. Acreditamos que por estarmos sempre à frente, conseguimos promover mudanças técnicas, e fizemos isso com a LaRio, e estamos fazendo isso com a Mini Lario”.

em termos de velocidade e retorno de investimento, a Mini Lario fica entre as impressoras LaRio e JPK-EVO, da própria MS Printing.

Fonte: MS Printing



Como é a adesivação dos carros Renault de Fórmula 1

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 16/05/2018
Equipe Renault tem um estúdio especial para produzir adesivos para seus veículos

Equipe Renault tem um estúdio especial para produzir adesivos para seus veículos

Em fevereiro, a equipe Renault revelou seu carro para a temporada 2018 da Fórmula 1: um bólido com design preto e amarelo e vários gráficos, marcas e logos impressos. Para essa composição, a montadora francesa usou (e usa) adesivos estampados e recortados por uma impressora Roland TrueVIS VG-640 e uma plotter Roland CAMM-1 GX, equipamentos instalados num centro técnico sediado em Enstone, na Inglaterra, onde os carros de corrida são projetados e fabricados.

Os carros da Renault, que competirão em 21 Grands Prix, serão exibidos por mais de 400 milhões de telespectadores. É uma exposição enorme, em que as marcas desempenham um papel essencial nos programas de patrocínio. Portanto, é preciso o máximo de zelo na reprodução delas. Se algum adesivo ficar avariado, a equipe deve substitui-lo imediatamente. Por isso, os carros sempre viajam com vários conjuntos de adesivos.

Joe McNamara, chefe de pintura e gráficos da equipe Renault de Fórmula 1, explicou: “A equipe sempre carrega 30 versões de cada adesivo. Isso equivale a cerca de 1.400 adesivos para cada corrida, e 80% deles são relacionados ao patrocinador. Então, eles precisam ser substituídos com precisão absoluta”.

Embora a equipe tenha suas próprias ferramentas, ela conta com o apoio dos usuários da Roland em todo o mundo, que podem imprimir os adesivos dos carros com rapidez e precisão, se necessário.

Além de impressora e plotter, o estúdio da Renault possui quatro fresadoras Roland MDX-540, para fabricar núcleos de espuma para algumas peças de carros que exigem esse material.

Fonte: Roland DG