Lançado novo tipo de cabeça de impressão inkjet

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 12/09/2019
DuraFlex, da Memjet, imprime com resolução de 1600dpi

DuraFlex, da Memjet, imprime com resolução de 1600dpi

A fabricante Memjet anunciou a DuraFlex, nova cabeça de impressão inkjet para equipamentos de única passada. Desenvolvida para os formatos A4 e A3, a peça contém módulos de alta velocidade que controlam todas as funções do processo. O dispositivo é indicado para fabricantes OEM de impressoras digitais benchtop e de entrada.

Com arquitetura modular, a DuraFlex tem a capacidade de estampar com resolução de 1600dpi e pode produzir na velocidade de até 46m/min. O dispositivo é fornecido com um RIP incorporado e também suporta RIPs front-ends externos.

A DuraFlex emprega tintas pigmentadas aquosas. Resistentes a luz e arranhões, esses insumos foram desenvolvidos para aplicações que entram contato indireto com alimentos. Eles também são compatíveis com mídias porosas e substratos com ou sem revestimento.

Segundo a empresa, a DuraFlex possibilita que os parceiros OEM criem soluções de impressão digital para estampar etiquetas, correspondência, documentos para escritório, embalagens e gráficos de grande formato.

Kim Beswick, gerente da Memjet, declarou: “Nosso objetivo ao desenvolver a DuraFlex foi criar uma tecnologia simples, porém robusta, que pudesse fornecer aos parceiros OEM os recursos para criar soluções de impressão digital poderosas e acessíveis. A DuraFlex complementa outras tecnologias da Memjet, sendo um recurso que se encaixa estrategicamente entre nossas soluções VersaPass e DuraLink”.

Fonte: Memjet



Mutoh lança tinta pigmentada para estamparia têxtil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 18/04/2018
TP-11 foi desenvolvida para equipamentos de impressão direta em tecidos

TP-11 foi desenvolvida para equipamentos de impressão direta em tecidos

A filial norte-americana da Mutoh, fabricante de impressoras digitais, anunciou no mercado internacional a TP-11, nova tinta original para equipamentos ValueJet 1938TX.

De acordo com a empresa, a tinta pigmentada foi desenvolvida para impressão direta em tecidos naturais para uma ampla gama de aplicações, além de produzir imagens com alta qualidade e durabilidade.

Disponível em quatro (CMYK) ou sete (CMYK, laranja, azul e verde) cores, as tintas são ambientalmente corretas e vendidas em sacos de 1 litro, visando melhorar a eficiência do trabalho.

Fonte: Mutoh



Mimaki e a Internet das Coisas

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 11/09/2018
Solução foi desenvolvida com a empresa alemã Robominds GmbH

Solução foi desenvolvida com a empresa alemã Robominds GmbH

A Mimaki estará presente na Fakuma, feira internacional que ocorre entre os dias 16 e 20 de outubro, na Alemanha. Durante o evento, a fabricante promete apresentar soluções de impressão UV LED em plásticos. O destaque será um dispositivo automatizado criado em parceria entre a Mimaki e a empresa alemã Robominds GmbH. Trata-se de uma unidade da UJF-7151plus que emprega um braço robótico com a função de carregar e descarregar mídias, o que reduz os tempos de preparação e aumenta a eficiência do equipamento. A solução foi desenvolvida para operar em rede e conectada a um fluxo de trabalho industrial mais amplo, de acordo com os preceitos da Internet das Coisas.

Ao trabalhar com o conceito da Internet das Coisas, o objetivo da Mimaki é ajudar seus clientes a usar sistemas de impressão para produzir trabalhos sob demanda e personalizados. Para tanto, cria soluções que integram robôs e outros dispositivos. Entre eles, os comandos MDL e o Mimaki Job Controller.

Os MDL são usados para controlar as impressoras Mimaki por meio de sistemas e periféricos. Eles assumem o controle da máquina, iniciam a produção e ajustam a posicionar a altura da mesa de substrato. Além disso, fornecem informações sobre os níveis de tinta e relatam erros de impressão.

O Mimaki Job Controller é um software que se comunica com a impressora para transmitir dados de produção. Ele também pode iniciar a produção automaticamente e cria elos entre impressoras e robôs, sobretudo para a alimentação de mídias.

Uwe Niklas, gerente de marketing e vendas da Mimaki Alemanha, declarou: “Com base na Internet das Coisas, buscarmos criar soluções integradas de fluxo de trabalho para a indústria de plásticos. Estamos mostrando oportunidades de aplicação inovadoras que demonstram o potencial de nossos sistemas”.

Fonte: Mimaki