Expositores se preparam para a Febratex 2018

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 20/05/2018
Feira reunirá mais de duas mil marcas

Feira reunirá mais de duas mil marcas

A edição de 2018 da Febratex, Feira Brasileira para a Indústria Têxtil, está marcada para ocorrer entre os dias 21 e 24 de agosto, em Blumenau (SC). A organizadora FCEM espera receber, durante os quatro dias de evento, milhares de compradores e visitantes qualificados, que circularão pelos cinco pavilhões da exposição, onde figurarão novidades e negócios de empresas do Brasil e de países como Alemanha, Argentina, China, Estados Unidos, Índia, Itália, Peru, Portugal, Suíça, Turquia, entre outros.

São expositores que apresentarão inovações nos segmentos de máquinas de corte e costura, bordado, estamparia digital, teares, fiação, máquinas e insumos para tinturaria e setor de lavanderia, equipamentos para enfesto, corte automático, texturização, retorção e enrolamento e matérias-primas, entre outras.

Alguns dos expositores já deram início à divulgação. É o caso da Fremplast Tintas, que apresentará a impressora sublimática CS1802, e a J-Teck Global, que levará as tintas de sublimação Digital Globaltech e equipamentos de grande formato.

Além da área de exposição, o evento contará com o Fórum Febratex de Informação, que oferecerá palestras diárias com conteúdo para o mercado, apresentado por profissionais e entidades conceituadas.

Hélvio Roberto Pompeo Madeira, diretor-presidente do FCEM, declarou: “Posicionada entre os principais eventos globais de tecnologia para a cadeia produtiva têxtil, a Febratex 2018 assume uma posição de importância estratégica para o crescimento do setor no Brasil, porque oferece aos seus visitantes uma experiência completa de atualização em equipamentos, materiais e tendências, em uma oportunidade única de interação com seus mais importantes players”.

Com previsão de reunir mais de 2.400 marcas, a feira será visitada por milhares de profissionais, que podem fazer o credenciamento grátis pelo site.

Fonte: FCEM



Filme Drytac Backlit é renomeado

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 15/01/2015

Reveal é a nova denominação da mídia

Reveal é a nova denominação da mídia

A Drytac, fabricante de mídias, rebatizou para Reveal o filme PET fosco vendido pela empresa. Usado para a composição de displays de comunicação visual, o substrato dispersa luz e pode receber impressão digital.

A película backlit é indicada para aplicações indoor ou outdoor, como sets de filmagem, aeroportos, museus, cassinos, lojas de departamento, pontos de ônibus e estações de trem.

Segundo a empresa, as tintas UV e látex aderem facilmente à mídia, que pode receber acabamento de equipamentos automatizados, como plotters de recorte e mesas de corte.

A parte de trás da película possui tratamento antiderrapante e antiestático. A mídia é vendida em rolos com 54, 60 e 72 polegadas de largura.

Fonte: Drytac



Linha de impressoras Mimaki JV150 é lançada no Brasil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 16/01/2015

JV150 pode disparar gotas de tintas com volume de 4 picolitros

JV150 pode disparar gotas de tintas com volume de 4 picolitros

A Mimaki, fabricante de equipamentos para comunicação visual, anunciou o lançamento no Brasil da série de impressoras JV150, composta pelos modelos JV150-130 (largura de 1,3m) e JV150-160 (largura de 1,6m).

Rolo a rolo, os equipamentos da série trabalham na resolução máxima de 1400dpi, com tinta ecossolvente ou sublimática e paleta com quatro ou oito cores.

Tecnologia de impressão

Para que os pontos sejam corretamente posicionados no substrato, a Mimaki desenvolveu uma tecnologia que permite às cabeças de impressão disparar gotas de tinta em ângulos de jato adequados. Além disso, o volume das gotas pode variar, de 4 a 35 picolitros.

Unidade de verificação de nozzle

As impressoras JV150 possuem sensores que monitoram as gotas de tintas e detectam o entupimento dos nozzles. Quando isso acontece, eles são expurgados automaticamente, o que reduz desperdícios e mantém a qualidade da impressão.

Aquecedores de mídia

Para garantir a adesão e o formato adequado dos pontos, a mídia deve estar em temperatura ideal durante a impressão. Os modelos da série JV150 vêm equipados com três aquecedores de substratos (de pré-impressão, intermediário e de pós-impressão), os quais mantêm a correta temperatura das mídias durante o processo.

Fonte: Mimaki