Epson anuncia construção de nova fábrica de tecnologia inkjet

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 15/11/2016
Com planta, empresa pretende triplicar produção de cabeças inkjet

Com planta, empresa pretende triplicar produção de cabeças inkjet

A Seiko Epson Corporation, desenvolvedora de tecnologias inkjet, realizou recentemente uma cerimônia para anunciar a construção de uma nova fábrica em Shiojiri, no Japão.

A nova planta, que começará a operar em 2018, produzirá, entre outros produtos, cabeças de impressão PrecisionCore, elemento principal das impressoras inkjet da Epson. Com esse incremento, a empresa pretende triplicar sua atual capacidade de produção de cabeças. Além disso, a nova fábrica terá departamentos de pesquisa e desenvolvimento, que deverão estimular o aperfeiçoamento das atuais tecnologias e a evolução de novas soluções inkjet.

A Epson afirma que, nos segmentos comercial e industrial, está em curso uma rápida substituição das tecnologias de impressão analógica para soluções digitais, o que deverá gerar uma grande procura por impressoras inkjet para aplicações em sinalização, estamparia têxtil e rótulos de produtos. A nova fábrica está preparada para dar conta dessa demanda.

Com 10.451m² de área construída, a planta, cuja arquitetura foi pensada para resistir a terremotos, terá cinco andares compostos por aço.

Fonte: Epson



HP lança papel de parede sem PVC

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/01/2017
Mídia faz parte do portfólio HP Wallcovering Suite

Mídia faz parte do portfólio HP Wallcovering Suite

A HP, fornecedora de impressoras e mídias para comunicação visual, anunciou no mercado internacional o PVC-free Durable Suede, papel de parede que pode receber impressão e ser instalado com facilidade por meio de primers e outros métodos comuns de aplicação.

Segundo a empresa, o papel, que não possui PVC em sua composição, apresenta superfície macia e com textura de camurça, além de ser certificado ASTM F793 e resistente a mofo e ferrugem.

Indicada para decoração de ambientes residenciais e comerciais, a mídia também recebeu os certificados FSC, REACH e UL GreenGuard Gold, que garantem que a utilização segura do papel em ambientes como escolas e hospitais.

A HP informou também que o substrato é fabricado com a tecnologia ColorPro, que oferece resultados de qualidade profissional às imagens impressas.

Fonte: HP



Barbieri lança solução de gerenciamento de cores para estamparia têxtil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/05/2019
Spectro LFP qb Textile Edition é espectrofotômetro para medir cores em tecidos

Spectro LFP qb Textile Edition é espectrofotômetro para medir cores em tecidos

A Barbieri, fornecedora de soluções eletrônicas, apresentou no mercado internacional o Spectro LFP qb Textile Edition, espectrofotômetro para gerenciamento de cores em tecidos estampados digitalmente.

De acordo com a empresa, para medir as cores de um tecido estampado, ele deve ser fixado em uma superfície uniforme e com o apoio branco. Porém, há muita dificuldade nesse procedimento. Isso porque, durante as medições, o tecido acaba se distorcendo e fazendo com que a medição automatizada não seja possível. Para esse transtorno, a Barbieri desenvolveu o Spectro LFP qb Textile Edition. Ele garante uma fixação fácil e segura do tecido e mede de forma automática. Para tanto, novos suportes têxteis foram criados para a fixação. Além disso, o dispositivo vem com um sistema de sopro de ar que impede que fibras têxteis contaminem a óptica.

Ainda segundo a empresa, o novo recurso mais importante é o sistema de reconhecimento automático de patches, compostos por algoritmos especiais e unidade de detecção. Uma vez conhecidas as coordenadas de cada patch, o dispositivo inicia as medições e os gráficos, mesmo distorcidos, serão medidos de forma totalmente automática.

Com abertura de medição de até 8mm e geometria 45°/0°, o novo espectrofotômetro da Barbieri também é capaz de medir tintas fluorescentes na impressão têxtil.

Fonte: Barbieri