ColorGate recebe certificação da HP

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 25/10/2016
HP passa a recomendar o uso do Productionserver 10 em impressoras da série Latex 300

HP passa a recomendar o uso do Productionserver 10 em impressoras da série Latex 300

A ColorGate, desenvolvedora de softwares, anunciou que o Productionserver 10 foi certificado pela HP no programa de RIPs que podem rodar impressoras da série HP Latex 300. Portanto, a fabricante recomenda o uso do aplicativo nos modelos Latex 315, 335, 365, 375, 310, 330, 360 e 370 (a HP Latex 280 também foi incluída).

O programa de certificação de RIP promovido pela HP é baseado em diferentes critérios de desempenho e funções particulares das tecnologias látex da fabricante.

Em seu portfólio, a ColorGate tem centenas de drivers para os mais diferentes sistemas de impressão digital dos principais fabricantes. É uma das maiores desenvolvedoras do ramo.

De acordo com a empresa, durante o desenvolvimento de seus softwares, a ColorGate trabalha em estreita colaboração com os fabricantes de equipamentos para garantir compatibilidade e desempenho nas diferentes plataformas tecnológicas.

Fonte: ColorGate



O que você precisa saber para comprar uma impressora de grande formato

Por Evelin Wanke em 08/11/2013

Está pensando em adquirir uma impressora digital de grande formato? Pois saiba que essa é uma decisão que tem várias implicações técnicas e financeiras. A seguir, conheça algumas delas, que certamente serão de grande valia antes, durante e depois de você ter comprado um equipamento inkjet.

Cliente

Qual é o perfil dos clientes que você deseja atingir? Responder a essa questão é fundamental para definir a categoria da impressora a ser escolhida, considerando as características de produtividade e de qualidade de impressão.

Custos

Leve em consideração o preço do equipamento e dos consumíveis (tinta, cabeça e insumos). Porém, tome o cuidado de também analisar o custo total de impressão. Geralmente, os interessados em impressoras fazem apenas o levantamento do custo da tinta ou do metro quadrado da mídia impressa.

Importante: considere o custo total de impressão

Importante: considere o custo total de impressão

Consumo real de tinta por metro quadrado

Antes de adquirir a impressora, visite o showroom do fornecedor e meça o consumo de tinta – usando o software do equipamento. A diferença de consumo entre diferentes equipamentos é facilmente notada. Além disso, verifique o tipo de cabeça de impessão usada na máquina. Existem tecnologias mais avançadas que otimizam o formato e o volume (picolitro) das gotas disparadas, também definem o local certo no qual elas serão posicionadas.

Cabeça de impressão

É necessário trocar as cabeças de impressão periodicamente, e dois fatores influenciam sua durabilidade: tecnologia e tipo de tinta. Para saber o custo delas para que você acrescente ao custo de impressão, pergunte ao fornecedor o preço de uma cabeça nova e quantos metros ela é capaz de imprimir. Divida um valor pelo outro e multiplique o resultado pelo número de cabeças do equipamento.

Consumo de energia

Veja quanto o equipamento consome em operação e em modo stand-by. Existem impressoras que consomem 650W, ao passo que há máquinas que gastam sete vezes mais. Analise também a manutenção de seu equipamento. Ele precisa ficar ligado nos momentos de descanso (finais de semana, feriados, férias)? Lembre-se de que nesse modo, a impressora consome energia.

Itens opcionais

Não se deixe enganar pelo preço de uma proposta. Questione se estão inclusos itens como instalação, nobreak e rebobinador. Muitos fornecedores costumam apresentar orçamentos básicos para chamar a atenção dos clientes, que depois descobrem que precisam comprar uma série de itens opcionais para ter uma impressora completa.

Compre o equipamento de um fornecedor sólido e idôneo

Compre o equipamento de um fornecedor sólido e idôneo

Sistema de tintas

Se considerar as tintas à base de solvente livres de metais pesados, é possível eliminar o investimento em sistemas de exaustão. Porém, tome cuidado com o termo "eco", que pode significar "econômico", em vez de "ecológico".

Suporte técnico

Avalie o suporte técnico do fornecedor no Brasil. É importante pesquisar a qualidade e a localização dos centros técnicos. Compre produtos com garantia. Muitas empresas tiveram experiências negativas com equipamentos importados, porque não analisaram o posterior fornecimento de peças.

Dica: procure um empresário que já use o equipamento que você quer comprar e pergunte-lhe sobre o atendimento pós-venda do fabricante.

Muitas vezes, vale a pena gastar um pouco mais no equipamento com mais tecnologia, pois o investimento pode ser recuperado em pouco tempo. Além disso, a economia do processo pode ajudar a aumentar a rentabilidade e possibilitar futuros investimentos em outras máquinas.

Evelin Wanke é especialista de produtos Epson para a linha de Grandes Formatos.  



Fespa Brasil 2019: números, congressos e Cambea9

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/04/2019
Evento atraiu quase 19 mil visitantes em 2019

Evento atraiu quase 19 mil visitantes em 2019

A APS Eventos Corporativos, organização da Fespa Brasil 2019, feira que ocorreu entre os dias 20 e 23 de março, em São Paulo, divulgou os números da exposição. Foram 18.645 visitantes únicos que passaram pelo Pavilhão Azul do Expo Center Norte durante os quatro dias do evento. A área de exibição de tecnologias foi ampliada e registrou crescimento superior a 30%.

Alexandre Keese, diretor da Fespa Brasil e da APS Eventos Corporativos, declarou: “Apresentando as transformações dentro do mercado de impressão digital, a Fespa Brasil 2019 reuniu novas tecnologias, aplicações, substratos, acabamentos, softwares para a parte de gestão e tudo o que existe de mais moderno, para que o profissional da área ganhe eficiência. A feira demonstrou o quanto a impressão digital agrega valor e abre oportunidades. Foram quatro dias de novidades, tendências e debates. O visitante encontrou soluções que podem ser aplicadas e introduzidas em suas empresas”.

O CEO da Fespa Global, Neil Felton, também ficou exultante em relação aos resultados da feira realizada em março: “Estamos extremamente felizes com o sucesso da edição de 2019. A visitação foi fantástica, todos os dias com corredores lotados e negócios gerados. E novamente cumprimos nossa missão através do programa Profit for Purpose (Lucro por um Propósito), de reinvestimento dos lucros da Fespa no mercado de impressão, ao promover novamente os congressos gratuitos. Estamos plenamente satisfeitos com o resultado alcançado e na expectativa de superar as marcas em 2020”.

Os preparativos para a Fespa Brasil 2020 já começaram. Sob o tema “O Poder da Impressão”, a feira será realizada no Pavilhão Azul do Expo Center Norte, em São Paulo, de 18 a 21 de março.

Congressos técnicos

A Fespa e a APS Eventos Corporativos ofereceram aos visitantes uma série de iniciativas gratuitas durante a feira. Por dois dias, o congresso Inteligência Gráfica tratou das questões estratégicas do negócio de impressão. Na Academia de Impressão Digital, em parceria com o Senai, foi possível conhecer práticas de pré-impressão, impressão e acabamento. O Fespa Digital Textile Conference foi promovido pela quinta vez. Tratou de conceitos relevantes para quem atua com estamparia digital, nos segmentos de moda, sinalização e decoração.

Alexandre Keese falou sobre o objetivo das iniciativas: “Acreditamos que o conteúdo de alta relevância agrega muito aos novos profissionais que estão visitando a feira. Por isso, convidamos empresários e pessoas renomadas para compartilhar conhecimento e trazer oportunidades de negócio. Tivemos a parte técnica com a Academia da Impressão Digital; o congresso Inteligência Gráfica com novos modelos de gestão; a estamparia digital e a impressão direta no tecido cobertas pelo Digital Textile Conference, uma iniciativa Fespa que acontece ao redor do mundo e ganha cada vez mais importância. Outro ponto forte foi a Ilha da Sublimação, com palestras e soluções sendo demonstradas”.

Evento oefereceu palestas grátis sobre tecnologia e gestão

Ilha da Sublimação

Na Ilha da Sublimação, os visitantes acompanharam palestras por quatro dias em um auditório sempre lotado. Alex Falcão, sócio-proprietário da ComunidadeWEB, parceiro na organização da Ilha, declararou: “Nosso propósito em participar de feiras voltadas ao grande formato é mostrar a crescente importância do pequeno formato, que vem sendo inserido com o peso que merece no mercado, em sublimação, transfer e artesanato. O segmento vem apresentando resultados diferenciados, com um produto final de excelência. A Ilha da Sublimação unificou e fortaleceu este movimento.”

Cambea9: WS Adesivações é bicampeã

Sediado dentro da Fespa Brasil 2019, o Cambea9 revelou um time bicampeão, da WS Adesivações, formado por Francisco Wellington da Silva e José Rafael Xavier, de Fortaleza. Além do troféu da competição nacional, a equipe ganhou a vaga para disputar o World Wrap Masters Series, durante a Fespa Global, que ocorrerá na Alemanha, no mês de maio.

Wellington comemorou: “Realmente é um grande evento, uma satisfação enorme poder participar e conquistar o título. Só temos a agradecer a todos que sempre nos apoiaram. Estamos muito felizes”.

Por uma diferença muito apertada, o vice-campeonato ficou com o time da Gênesis Envelopamento, do Rio Grande do Sul. Na terceira posição, ficou a dupla da GRC Adesivação, do Paraná.

O diretor da Fespa Brasil comentou sobre o Cambea: “A nona edição do campeonato teve um brilho todo especial. Estamos falando da maior competição automotiva que existe hoje e que reuniu competidores de todo o Brasil, e até outros países. Além das provas criativas, tivemos o vencedor que vai competir no Wrap Masters que acontece na Fespa da Alemanha”.

Dupla da WS Adesivações subiu ao ponto mais alto do podium 

Fonte: Fespa Brasil