Azonprinter lança três impressoras desktop

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 14/04/2021
Compactas, as soluções UV e têxteis são adequadas para pequenos e médios negócios

Compactas, as soluções UV e têxteis são adequadas para pequenos e médios negócios

A fabricante Azonprinter anunciou uma nova série de equipamentos desktop composta por três modelos: EDGE (UV LED), SONIQ (DTG) e PRONTO (DTF).

Conheça as impressoras que são indicadas para escritórios e lojas que buscam estampar imagens de alta qualidade em diversos tipos de mídias:

EDGE

UV LED de mesa que estampa com verniz e tintas coloridas e branca. Capaz de criar efeitos 3D e relevos com até 2mm, em embalagens, produtos promocionais e peças de sinalização de plástico, madeira, vidro e metal. O dispositivo também imprime sinalização em Braille. A Edge inclui uma nova tecnologia de circulação que utiliza 100% da tinta branca disponível.

SONIQ

Essa DTG de mesa que emprega tinta têxtil de secagem rápida, com o certificado “ECO PASSPORT by OEKO-TEX”. Disponível no modo “CMYK duplo” ou “CMYK+W”, a impressora reproduz imagens com detalhes finos, mesmo com altos volumes de tinta. Além disso, a tinta tem lavabilidade superior, o que aumenta a possibilidade de aplicações.

AZON PRONTO

Com tecnologia DTF, essa impressora é uma solução acessível e de alta qualidade para aqueles que procuram explorar a impressão digital e expandir sua capacidade de produção. Ela é indicada para uma ampla gama de aplicações em moda, sinalização têxtil, decoração, roupas esportivas e itens personalizados.

Fonte: Azon



Vinil adesivo: como realizar instalações bem-sucedidas

Por Eduardo Yamashita em 28/04/2014

Para garantir a aplicação correta do vinil adesivo em carros, vans, caminhões e em qualquer superfície lisa não porosa, a recomendação é seguir os procedimentos descritos abaixo. Por meio deles, é possível obter a instalação profissional de imagens diversas, como nomes, logos e letras.

Etapa 1 – Limpeza da superfície

A melhor maneira de garantir a aplicação da imagem é preparar a superfície, deixando-a limpa. Esse procedimento é uma obrigação. Portanto, certifique-se de que a superfície está limpa e livre de graxa, óleo, insetos e piche. Observe também se ela está enferrujada ou lascada.

Verifique se o veículo foi pintado recentemente. Em caso positivo, antes de prosseguir com a instalação, confirme a recomendação do fabricante sobre o tempo de cura da tinta.

Para a limpeza da superfície, na maioria dos casos, é necessário atacá-la com um líquido de limpeza ou solvente apropriado. No mercado, há uma série de soluções de solventes projetadas para remover gordura e cera.

O segundo passo na limpeza da superfície é remover óleos e umidade restantes (inclusive a umidade escondida em emendas e rebites), que podem gerar falhas e prejudicar a instalação futuramente. Por fim, antes de começar a instalação, execute a limpeza da superfície com álcool isopropílico.

Um dos pontos vitais para a instalação perfeita de vinil é a limpeza correta da superfície

Um dos pontos fundamentais para a instalação perfeita de vinil é a limpeza correta da superfície

Etapa 2 – Controle do ambiente de trabalho

Para garantir a aplicação correta, realize a instalação do vinil adesivo em temperatura média (nem muito quente nem muito fria). Segundo especialistas, o ambiente ideal deve ficar entre 18ºC e 25ºC. O vinil até pode ser instalado em locais com temperaturas abaixo de 10ºC ou de até 35ºC. Porém certamente o aplicador terá muito mais dificuldade para trabalhar com as devidas propriedades do vinil.

Temperatura, umidade e luz solar podem afetar a instalação da imagem. A temperatura ideal varia conforme o instalador e o tipo (fabricante) de vinil. Enquanto alguns preferem 20ºC, outros preferem temperaturas mais baixas. Se estiver muito quente, o vinil pode aderir à superfície rápido demais, diminuindo o tempo para reposicionar a imagem.

A umidade muito alta pode amolecer o vinil e umedecer o suporte de papel (liner), o que torna a sua remoção mais difícil. A falta de umidade, no entanto, provoca a formação de bolhas, pois o vinil fica mais rígido, isso dificulta a espatulação.

Empregar aplicação úmida é uma das maneiras mais eficazes de lidar com o calor e a umidade. Ela resfria a superfície e permite ao instalador reposicionar o vinil antes que ele seja aplicado. Instaladores experientes preferem usar a técnica a seco, pois a úmida tende a ser mais demorada por exigir a remoção da água.

O controle das variáveis ambientais melhora as condições da aplicação do vinil adesivo

O controle das variáveis ambientais melhora as condições da aplicação do vinil adesivo

CUIDADO: O uso demasiado de sabão impedirá a adesão do vinil à superfície. Ele deve ser o suficiente para "quebrar" e suavizar a superfície da água. Lembre-se também que, quanto mais água você usar, mais água você terá de remover após a aplicação.

Evite empregar a técnica de instalação úmida nas seguintes condições:

  • Aplicação em rebites e emendas: levará muito tempo para que a água saia dessas áreas. A umidade por trás do vinil faz ele levantar com o tempo;
  • No inverno e em temperaturas mais frias: o tempo mais fresco retarda a evaporação da água.

A instalação de imagens impressas em vinil adesivo pode parecer difícil, mas com prática e paciência, vale a pena. O vinil é um meio barato de publicidade e oferece a capacidade de fazer alterações facilmente.

Gostou do artigo? Você também vai se interessar pelas matérias abaixo:

Sobre o autor: Eduardo Yamashita é consultor técnico especializado em vinis adesivos, envelopamento de carro e comunicação visual

Sobre o autor: Eduardo Yamashita é consultor técnico especializado em vinis adesivos, envelopamento de carro e comunicação visual

 



Mimaki Brasil lança impressora UV e mesa de corte

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/08/2015
Na feira Serigrafia Sign 2015, a Mimaki lançou a impressora SIJ-320UV e a plotter de recorte CFL-605RT

Na feira Serigrafia Sign 2015, a Mimaki lançou a impressora SIJ-320UV e a plotter de recorte CFL-605RT

A filial brasileira da Mimaki, fabricante de equipamentos digitais, aproveitou a edição 2015 da feira Serigrafia Sign para lançar no país a SIJ-320 UV, impressora UV capaz de reproduzir imagens de alta qualidade em aplicações como banners promocionais, adesivos, vinis para envelopamento, backdrops, placas de sinalização, entre outros substratos.

Outro equipamento apresentado pela primeira vez no Brasil foi a CFL-605 RT, plotter compacta de mesa, indicada para corte e vinco, para confecção de protótipos de embalagens, mock-ups e baixas produções.

A Mimaki também participou da conferência Digital Textile Conference, que ocorreu dentro da Serigrafia Sign 2015. O responsável pelo mercado têxtil da empresa, Marcelo Ribeiro Godinho, ministrou a palestra "Algodão versus Poliéster: Qual o caminho do mercado nacional?", com o objetivo de esclarecer aos profissionais do setor quais são os comparativos, os processos de estamparia, as vantagens, desvantagens e aplicações.

Além disso, a quinta edição do Cambea, campeonato de envelopamento de carros, que também ocorreu dentro da feira, foi patrocinada pela Mimaki. O campeão foi premiado com uma CG-60SR III, plotter de recorte que trabalha na velocidade máxima de 70cm/seg.

A impressora oficial do Cambea foi a CJV150-160, usada para imprimir os adesivos aplicados durante a competição. Com novo design, a linha CJV150 imprime com alta qualidade e baixo custo operacional, em velocidade de até 56,2m²/h.

Fonte: Mimaki Brasil