Zünd apresenta nova ferramenta de corte e gravação

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/01/2017
Novo RM-L tem potência de 3,6kW e torque de 0,7Nm

Novo RM-L tem potência de 3,6kW e torque de 0,7Nm

A fabricante Zünd anunciou o RM-L, novo módulo de corte, gravação e acabamento para diversos substratos, como Plexiglass, policarbonato, alumínio, Dibond, MDF, entre outros. O maquinário incorpora um spindle (refrigerado a água) com pinça pneumática, potência de até 3,6kW e torque de 0,7Nm. Além disso, conta com um sistema de extração de pó para manter a área de trabalho sempre limpa.

Segundo a empresa, o uso do RM-L diminui os tempos de troca de ferramentas, o que auxilia sobretudo nos fluxos de trabalho que envolvem diferentes produtos personalizados e projetos complexos. Além disso, substratos mais densos e duros podem der processados a velocidades e profundidades maiores, o que reduz o número de passes e aumenta a produtividade.

O módulo também vem equipado com o MQL, sistema de lubrificação de quantidades mínimas que mantém o bit lubrificado para diminuir atritos. Assim, pouco calor é gerado durante a produção, o que aumenta a vida útil do bit e permite velocidades maiores de processamento.

O RM-L tem um sistema de compensação de superfície que determina a espessura do substrato e detecta inconsistências. Durante o processamento, o sistema compensa variações e faz ajustes de profundidade. Para trabalhos de gravação, isso evita problemas causados por diferenças na espessura do substrato.

Para acomodar diferentes diâmetros de eixo, são utilizados suportes HSK-E25, que permitem o uso de uma gama maior de bits no mesmo módulo de router, e o ARC HSK troca automaticamente os bits.

Fonte: Zünd



Sawgrass e Kiian assinam acordo de licença para fabricação de tinta sublimática

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 16/04/2014

Sawgrass fecha mais uma parceria para vizbilizar produção de tintas para sublimação

Kiian renova parceria para continuar a produzir tintas para sublimação

A Sawgrass e a Kiian, fabricantes de tintas para impressão, firmaram um novo acordo de licenciamento, que permite à Kiian continuar a fabricar tintas digitais sublimáticas patenteadas pela Sawgrass.

O portfólio da Sawgrass tem mais de 160 patentes e cresceu consideravelmente na última década. O CEO da empresa, Nathan Hale, declarou: "A Kiian foi uma das nossas primeiras licenciadas, validando nosso portfólio de propriedade intelectual. Estamos sempre trabalhando para oferecer alta tecnologia de sublimação para a indústria".

Dennis Wilby, presidente da Kiian, declarou: "A Kiian tem sido muito bem-sucedida no mercado de sublimação e decidiu continuar a licenciar as patentes da Sawgrass".

Fonte: Sawgrass



Imprimax lança série de vinis para superfícies rugosas

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 29/08/2018
DigiWall é indicada para paredes de tijolo e superfícies texturizadas

DigiWall é indicada para paredes de tijolo e superfícies texturizadas

A Imprimax, fabricante brasileira de películas autoadesivas, apresentou uma nova linha de vinis adesivos para comunicação visual. É a DigiWall, composta por materiais com frontal de PVC polimérico calandrado de 65 micra, liner de papel couché 130g/m² e cola acrílica aquosa Super Tack Permanente, que é projetada para oferecer uma excelente ligação entre a mídia e a superfície onde ela será aplicado.

Com durabilidade de até dois anos tanto em instalações internas quanto externas, a DigiWall é indicada para aplicações em paredes rugosas, como paredes de tijolo e superfícies texturizadas.

Vendidas em bobinas de 1,22m x 50m, as mídias aceitam impressão digital (ecossolvente, solvente, UV e látex), impressão serigráfica (UV e convencional), impressão flexográfica UV e impressão offset UV.

Fonte: Imprimax