Wasatch desenvolve software para impressão digital têxtil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 24/07/2016
ColorBlend foi criado para atender a indústria de estamparia digital têxtil

ColorBlend foi criado para atender a indústria de estamparia digital têxtil

A desenvolvedora Wasatch e a ColorBlend, indústria têxtil italiana, uniram-se para criar um aplicativo dedicado à impressão digital em tecidos. Além de ferramentas específicas para controle e gerenciamento de cores, o software ColorBlend oferece a opção “Colorways”, que ajuda a criar padrões tonais. Confira os principais recursos do programa:

“Colorways”

Ferramenta com a qual é possível definir várias combinações de cores e aplicá-las a determinado padrão. Basta selecioná-las em uma biblioteca ou obtê-las por meio de espectrofotômetro. Layouts permitem que o usuário visualize as cores selecionadas e faça as alterações necessárias

Controle preciso de cores

A ferramenta “Color Matching” permite obter correspondências entre as cores do arquivo digital e as cores impressas nos tecidos. Isto é realizado por meio da digitalização de um conjunto de amostras, que depois serão usadas pelo ColorBlend como base para que ele obtenha as devidas correspondências das cores em valores L*a*b.

Criador de perfis de cores

O ColorBlend foi projetado especificamente para criar perfis para impressão digital em tecidos. Além de trabalhar com o padrão CMYK, o software é capaz de interpretar com bastante precisão cores especiais como laranja, azul e verde, usadas para expandir a capacidade de reprodução das impressoras. O ColorBlend também criar perfis levando em conta a saturação de cores típica da estamparia têxtil.

Fonte: Wasatch



Memjet e Kao desenvolvem tintas digitais pigmentadas

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 25/09/2017
Insumo é solução usada nas cabeças DuraLink

Insumo é solução usada nas cabeças DuraLink

A Memjet, fabricante de tecnologias inkjet, e a Kao Corporation, desenvolvedora japonesa, uniram-se para criar tintas pigmentadas para a recém-lançada plataforma DuraLink. O objetivo da parceria é desenvolver um insumo estável que ofereça qualidade e durabilidade superiores em ampla variedade de mídias.

De acordo com as empresas, a tinta é produzida em processo altamente controlado e personalizado de dispersão de pigmentos, o que lhe confere estabilidade e desempenho em cabeças DuraLink, empregadas em impressoras inkjet de alta velocidade.

Ainda segundo as empresas, a tinta apresenta resistência a danos causados por luz, fricção e umidade.

Fonte: Memjet



Mutoh anuncia vencedor de campeonato de skins para impressoras digitais

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/04/2013

O skin campeão simulava um Chevy Bel Air

O skin campeão simulava um Chevy Bel Air

O concurso de skins promovido pela Mutoh já tem seu campeão: Jacob Lechuga, da SmartWrap, sediada em Phoenix (EUA). O designer ganhou a competição de envelopamento de impressoras digitais com o projeto "Cruiser Mutoh".

"Todos os skins apresentados eram muito criativos, o que tornou difícil escolher o melhor", declarou David Conrad, gerente de marketing da Mutoh America. "Mas o projeto de Jacob era impressionante, com um design bem original. Agora, estamos ansiosos para mostrá-lo na edição 2013 da feira ISA Sign Expo, onde será exposto".

Lechuga disse que, quando o campeonato surgiu, ele ficou apreensivo: "A impressora digital tem um formato muito singular. Comecei a pensar sobre o que produzíamos com a nossa ValueJet 1624. E ela é usada especificamente para a impressão de vinis para envelopamento de carro. Então transformei-a num carro! A frente da impressora Mutoh parece com uma grade de carro clássico. Então, deixei-a com a aparência de um Chevy Bel Air.

Com o feito, Lechuga ganhou uma filiação da Bad Wrap e um dispositivo Wacom Cintiq 21UX Graphics Table, cujo valor estimado é de 2.000 dólares. Além disso, o projeto vencedor será apresentado no estande da Mutoh na feira ISA.

Projeto

"Cruiser Mutoh" foi o projeto campeão

Fonte: My Print Resource