Versão 5 do software Easy Cut Studio chega ao mercado

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/01/2020
Mecanismo de 64 bits é um dos diferenciais da nova versão do aplicativo para plotters

Mecanismo de 64 bits é um dos diferenciais da nova versão do aplicativo para plotters

A desenvolvedora EasyCut anunciou a versão 5 do Easy Cut Studio, software de corte e o design de sinalização. Além de suportar mais de 600 modelos de plotters, o aplicativo é compatível com o mais recente sistema operacional da Apple, o macOS 10.15 Catalina.

Segundo a empresa, o Easy Cut Studio 5 é o resultado de dois anos de desenvolvimento e pesquisa com dezenas de fabricantes de plotters de recorte e centenas de clientes no mundo todo.

Com recursos para criar e editar gráficos vetoriais, o software possui um mecanismo de 64 bits que aumenta a velocidade de produção. Além disso, o aplicativo conta com os seguintes recursos e características:

- Suporte para plotters GCC RXII, UKCutter SMURF, Cotek, FlyCut, Bridge, Bascocut, Vinyl Express GRC, ArtSign e EastSign;

- Opção “sensitivity” para USCutter TITAN3 ARMS;

- Opção TCP para plotter Janome;

- Exportar no formato PDF;

- Guidelines personalizadas;

- Cor personalizada para Cutting Mat;

- Funções adicionais para o Trace Image.

O Easy Cut Studio 5 roda em Windows XP/Vista/7/8/10 (32/64 bits) e macOS 10.10-10.15. Uma licença custa 59,95 dólares. Os clientes licenciados recebem suporte técnico gratuito e serviço gratuito de pós-venda.

Os atuais usuários do Easy Cut Studio 4 podem fazer gratuitamente o upgrade para a versão 5 do programa.

Fonte: EasyCut



Fujifilm adquire controle da Xerox

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/02/2018
Acordo movimentou cerca de 6,1 bilhões de dólares

Acordo movimentou cerca de 6,1 bilhões de dólares

A Fujifilm anunciou um acordo para adquirir a participação majoritária (50,1%) da Xerox Corporation. Será usada dívida bancária para o investimento de cerca de 6,1 bilhões de dólares.

A relação entre as empresas é de longa data. Em 1962, ambas criaram a Fuji Xerox, uma joint venture que atualmente tem sedes nos Estados Unidos e no Japão. Ela manterá a Xerox na Bolsa de Valores de Nova York e será liderada por Jeff Jacobson (atual CEO da Xerox) e Shigetaka Komori (presidente da Fujifilm).

A Xerox tem registrado queda em suas receitas nos últimos quatro anos. Por isso, o acionista Carl Icahn, que possui cerca de 9,7% das ações da companhia, esteve por trás da desagregação recente dos negócios de processos outsourcing, para que a empresa se concentrasse em seus produtos principais. Além disso, Icahn tem sido o motivador de mudanças no conselho de administração da Xerox.

O negócio abrirá oportunidades para a redução de custos e alavancagem de tecnologia básica. Em seu anúncio de ganhos trimestrais, a Xerox prevê a economia de 1,7 bilhão de dólares nos próximos quatro anos. Os relatórios também sugerem que, em função da consolidação das funções de fabricação e administrativas, cerca de 10 mil empregos serão eliminados da Fuji Xerox.

Em anúncio oficial, a Xerox declarou: “A Fuji Xerox estará bem posicionada para liderar em áreas como impressão inkjet de alta velocidade, embalagens, impressão industrial e automação, bem como abrirá oportunidades de desenvolvimento em inteligência artificial, internet das coisas e realidade aumentada”.

Fonte: InfoTrends



GCC apresenta plotters da série RX

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/01/2013

Plotter de recorte da GCC

Plotter de recorte da série GCC RX

Além da nova máquina a laser, a GCC, fabricante de equipamentos para comunicação visual, acaba de anunciar o lançamento da série RX de plotters de corte.

Disponíveis em quatro tamanhos (61, 101, 132 e 183cm), as máquinas têm as seguintes características:

  • Múltiplos roletes (pinch rollers): para uma série variada de aplicações, de materiais finos (vinis) a substratos espessos (filmes refletivos);
  • Função "Driver": trabalha com parâmetros salvos dentro de um trabalho (arquivo);
  • Painel Touch: fácil de usar e resistente, com design intuitivo, permitindo que novos usuários operem a máquina com facilidade;
  • Função "Auto Cut Off": permite configurar a plotter para que ela, depois de um trabalho, corte a mídia, tornando mais fácil a criação de um fluxo de trabalho para grandes produções.

A empresa também destaca as seguintes características e elementos das plotters:

  • Sistema AASII de recorte de contorno avançado;
  • Conectividade USB e porta serial;
  • Até 600 gramas de força de corte;
  • Velocidade de corte de até 1530mm por segundo;
  • Pode trabalhar com materiais de até 0,8mm de espessura.

Fonte: GCC. Texto: InfoSign