swissQprint instala a milésima impressora da marca

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/10/2018
Milésima unidade foi instalada em birô francês

Milésima unidade foi instalada em birô francês

A fabricante swissQprint anunciou ter instalado mil impressoras da marca no mundo. O JPC Labo, birô francês, foi o cliente que recebeu, em maio, a milésima unidade vendida pela fornecedora suíça. Trata-se de um equipamento do modelo Nyala LED.

Franck Dallefrate, proprietário e CEO do JPC Labo, declarou: “A Nyala LED precisa de apenas um dia para executar um trabalho que a nossa impressora anterior costumava levar uma semana inteira para fazer. Agora temos os recursos para gerar e processar o volume que uma impressora desse tipo pode manipular”.

O JPC Labo começou como fornecedor de serviços fotográficos. Porém, a empresa expandiu seus serviços e atualmente apenas 30% de seus negócios tem a ver com desenvolvimento de fotos. No portfólio do birô estão trabalhos para decoração de tetos, paredes e pavimentos em hotéis e lojas, além de estandes de feiras, artigos para PDV e sinalização comercial.

Fonte: swissQprint



EFI adquire fabricante de equipamentos têxteis Reggiani Macchine

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/07/2015

Além da Matan, EFI anunciou a compra de fabricante italiana de impressoras para estamparia têxtil

Além da Matan, EFI anunciou a compra de fabricante italiana de impressoras para estamparia têxtil

A EFI, fabricante de soluções para impressão, anunciou a aquisição da Reggiani Macchine, fabricante italiana de equipamentos para estamparia digital têxtil.

O portfólio inkjet da Reggiani, que passará a se chamar EFI Reggiani, abrange impressoras digitais que empregam tintas corantes, dispersas, ácidas, pigmentadas e reativas. Com mais de 60 anos, a empresa italiana possui clientes em mais de 120 países, servidos por uma ampla rede de distribuição e representantes em mais de 40 regiões. A força de trabalho da Reggiani tem aproximadamente 190 funcionários e será agregada à EFI.

Para adquirir todas as ações restantes da Reggiani, a EFI saldará a dívida da empresa (que soma cerca de 20,1 milhões de euros), pagará ex-acionistas (cerca de 27,4 milhões euros) e distribuirá entre os acionistas da fabricante italiana cerca de 27,4 milhões euros em ações da EFI, além de pagar até 50 milhões euros pelos próximos 30 meses, conforme as conquistas de receita e rentabilidade dos negócios da EFI Reggiani.

Guy Gecht, CEO da EFI, declarou: “Essa aquisição proporciona à EFI uma posição de liderança imediata em uma das maiores indústrias no mundo, que está passando pela transformação de impressão analógica para digital. O mercado de impressão têxtil está no começo das transições, o que permitirá aos fabricantes optarem pela fabricação sob demanda, e isso atende ao aumento nas produções de tiragens curtas e customizações”.

Ambrogio Caccia Dominioni, ex-acionista da Reggiani e futuro diretor geral da EFI Reggiani, declarou: “Os clientes da Reggiani reconhecem que a tecnologia inkjet é a mais importante para o futuro da indústria têxtil. Eu gostaria que nossa empresa fizesse parte da EFI não somente para nos unirmos à empresa líder mundial em tecnologia de jato de tinta industrial, mas também porque a EFI é líder em soluções de fluxo de trabalho para a indústria de impressão, além de ter uma plataforma de vendas e marketing muito maior em todo o mundo”.

Fonte: EFI



Grupo Portobello amplia parceria com a Durst

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 10/01/2018
Uma das maiores fabricantes brasileiras de cerâmica possui 15 modelos Durst Gamma

Uma das maiores fabricantes brasileiras de cerâmica possui 15 modelos Durst Gamma

O Grupo Portobello, empresa de design e inovação nos segmentos de arquitetura e decoração, anunciou ter adquirido mais duas impressoras Durst Gamma. Assim, a companhia passou a ter 15 modelos do equipamento em seu parque industrial.

Por meio da Durst Gamma 108 XD 4.0, equipada com tecnologia de cabeças de impressão Durst DM, o Grupo Portobello produzirá pisos cerâmicos especiais com cobertura otimizada de tinta. Já com o sistema Gamma 148 XD, a emprsa poderá imprimir em grandes peças cerâmicas de 90 x 90cm, 100 x 100cm e 120 x 120cm.

Em 2015, o Grupo Portobello atingiu um volume de produção de mais de 30 milhões de metros quadrados. A empresa gira mais de R$ 1 bilhão por ano e emprega 2.600 colaboradores.

Ricardo Pi, diretor geral da Durst Brasil, declarou: “Estamos muito felizes que nossa série Gamma e nossa tecnologia de impressão estejam contribuindo para o sucesso do Grupo Portobello. Trata-se de um mercado em que a Durst é líder, e no qual queremos expandir mais e mais nossa base instalada.”

Fonte: Durst Brasil