Software Onyx 12.1 será apresentado na SGIA 2016

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 05/09/2016
Nova versão do software Onyx vem com ferramentas produtivas melhoradas e mais rápidas

Nova versão do software Onyx vem com ferramentas produtivas melhoradas e mais rápidas

Entre os dias 14 e 16 de setembro, em Las Vegas, EUA, ocorrerá a SGIA Expo 2016, feira de comunicação visual na qual será apresentada a versão 12.1 do software Onyx, desenvolvida pela empresa homônima.

A fabricante ressalta que a nova edição do software é capaz de diminuir gargalos de produção. Isso porque, em média, os tempos de processamento são três vezes mais rápidos que os praticados no Onyx 12 (a versão anterior). Além disso, a transferência de dados para muitas impressoras de grande formato ocorre mais rapidamente.

A Onyx destaca que o aplicativo vem com a ferramenta integrada de correção G7, com a qual pode-se obter maior nível de consistência de cores em diversos dispositivos. Outro diferencial é o módulo Onyx AccuCheck, que dá aos operadores a capacidade de verificar se as cores serão impressas corretamente. Além disso, o Onyx 12.1 tem suporte melhorado a dispositivos Zünd, Epson e X-Rite.

Os visitantes da SGIA 2016 poderão ver o Onyx 12.1 em ação, rodando dispositivos de impressão em diversas plataformas e aplicações. O aplicativo estará em exposição nos estandes de parceiras e da própria Onyx. Dr. Max Derhak, representante da empresa, também ministrará uma palestra em que discutirá como as tecnologias emergentes podem resolver problemas de gerenciamento de cores. O palestrante também apresentará o padrão de iccMax e seu potencial em áreas de impressão de grande formato, fotográfica, de embalagens e fine arts.

O Onyx 12.1 é a versão nuclear dos softwares Onyx Thrive, Onyx ProductionHouse, Onyx PosterShop e Onyx RIPCenter RIP.

Fonte: SGIA



InfoSign fecha parceria com a Fespa Brasil 2013

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/12/2012

O InfoSign acaba de fechar uma parceria com a Fespa Brasil 2013, uma das mais renomadas feiras internacionais de impressão digital e comunicação visual. A ideia é promover a troca de informações e gerar um conteúdo exclusivo para os públicos do site e do evento.

Com a direção da APS, promotora de feiras como a ExpoPrint, a Fespa chega ao Brasil pela primeira vez em 2013 — e com grandes novidades. Dentre elas, estão:

Além dos diferenciais apresentados, a Fespa Brasil 2013 vai reunir muitos fornecedores de tecnologia e apresentar uma ampla gama de lançamentos; especialmente voltados para as áreas de serigrafia, estamparia, sinalização digital e impressão em grande formato.

Para os interessados em visitar a feira, recomenda-se fazer o cadastro online. Os inscritos recebem em casa um livreto técnico sobre cabeças de impressão, elaborado pela fabricante Xaar, parceira internacional da Fespa.

A edição brasileira da Fespa ocorre entre os dias 13 e 16 de março de 2013, paralelamente à ExpoPrint Digital. Até lá, o InfoSign divulgará informações sobre a feira — e também promete fazer uma cobertura técnica e completa do evento.

infosign e fespa: parceria

Fespa Brasil e InfoSign firmam parceria que visa gerar informações para o mercado de comunicação visual e impressão digital



Sinalização em Nova York vai garantir Wi-Fi grátis para a cidade inteira

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 30/11/2014

Telefones públicos serão substituídos por consoles que fornecerão conexão de internet pública e grátis

Telefones públicos serão substituídos por consoles que fornecerão conexão de internet pública e grátis

O espaço público de Nova York, nos Estados Unidos, será definitivamente transformado pela tecnologia do século XXI. Isso porque os antigos orelhões da cidade serão sistematicamente substituídos por dispositivos que distribuirão sinal Wi-Fi grátis aos nova-iorquinos. O plano de implementar internet gratuita 24 horas por dia na cidade foi apelidado de LinkNYC.

Os novos dispositivos também oferecerão chamadas gratuitas para a polícia e outros serviços públicos. Além disso, possuirão estações de carregamento para telefones e uma interface touchscreen que fornece informações sobre a cidade.

Os consoles de Wi-Fi grátis serão mantidos com o dinheiro de publicidade – eles possuem telas laterais para veiculação de sinalização e promoções. O projeto estima gerar mais de 500 milhões de dólares para Nova York nos primeiros 12 anos.

Fonte: The Verge