Smithers Pira publica estudo sobre o mercado global de sinalização impressa

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 27/05/2019
Em 2018, o mercado global de sinalização impressa foi avaliado em 43,34 bilhões de dólares

Em 2018, o mercado global de sinalização impressa foi avaliado em 43,34 bilhões de dólares

A Smithers Pira, consultoria internacional da área de impressão, publicou recentemente o estudo “The Future of Printed Signage in an Electronic World to 2024”, que apresenta dados atuais e projeta tendências para o mercado global de sinalização impressa. Entre as principais informações do relatório está a avaliação do mercado supracitado, que em 2018 atingiu a marca de 43,34 bilhões de dólares. Para 2019, há uma projeção de queda, para 43,30 bilhões de dólares. E para 2024, projeta-se um crescimento de 0,2% CAGR e o montante passará a ser de 43,73 bilhões de dólares.

O relatório também cobre uma série de tópicos importantes, como:

- Perspectivas econômicas mundiais: a demanda por sinalização impressa promocional será afetada pelo desempenho econômico global e local. Quando os consumidores se sentem mais confiantes, eles gastam mais em produtos e serviços, o que aumenta a demanda por sinalização. Além disso, à medida que as economias crescem, o investimento governamental e privado em infraestrutura também cresce, o que aumenta a demanda por sinalização ambiental.

- Sinalização em varejo: mudanças na estrutura e nas estratégias do setor de varejo terão um efeito direto sobre as demandas por sinalização impressa. Com o aumento da concorrência provocado pelas lojas on-line, as lojas físicas são forçadas a inovar e criar ambientes mais estimulantes ao consumo.

- Avanços tecnológicos: todos os aspectos das tecnologias de impressão digital, sobretudo a tecnologia inkjet, estão em contínua evolução, o que tem gerado economia de custos nas produções de sinalização.

- Plataformas web-to-print: estão mudando a maneira como as gráficas processam seus pedidos e permitem que os clientes façam pedidos por meio da internet, os quais fluem diretamente para a produção.

Fonte: Smithers Pira



Ampla vai expor em feiras nacionais e internacionais em 2014

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 15/02/2014

A Ampla, fabricante brasileira de impressoras digitais, divulgou a relação de feiras em que vai expor em 2014. Além de participar de eventos emblemáticos do mercado brasileiro, a empresa estará presente em mostras internacionais, como a ISA. Com isso, a intenção da fabricante é reforçar sua presença no Brasil e expandir a marca no exterior.

As máquinas da Ampla serão apresentadas inicialmente na ISA, que acontece entre 24 e 26 de abril, em Orlando, na Flórida (EUA). A empresa vai levar impressoras de tecnologias solvente, UV e de sublimação, como a Targa XT, a Targa Aquatex e a Targa XT UV.

Fabricante brasileira de impressoras estará presente em feiras norte-americanas

Fabricante brasileira de impressoras estará presente em feira norte-americana

Em maio, a empresa estará na Serigrafia Sign, em São Paulo (SP), para apresentar novidades ao mercado nacional. Também está confirmada a participação da Ampla na Febratex, que ocorre em Blumenau (SC), de 12 a 15 de agosto. No evento, a fabricante apresentará equipamentos para impressão por sublimação.

As impressoras da Ampla podem ser financiadas por linhas exclusivas, com cartão BNDES e Finame PSI, que até o final de 2014 oferece taxa de juros de apenas 4,5% ao ano, com carência máxima de 24 meses e até 120 meses para pagar.

Fonte: Ampla



Kernow produz série de mídias para aplicações em vidro

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 14/07/2019
Linha KlearView é composta por três mídias de poliéster

Linha KlearView é composta por três mídias de poliéster

A fabricante Kernow anunciou no mercado internacional a KlearView, série de películas adesivas transparentes sem PVC indicadas para publicidade e sinalização em vidros.

Três modelos fazem parte da KlearView: o 142 tem espessura de 142µ e pode receber impressão digital solvente, látex e UV. Os modelos 125KBC e 175KBC têm, respectivamente, 125µ e 175µ de espessura e podem ser impressos apenas com tecnologia UV.

Segundo a empresa, a aplicação dos materiais KlearView é feita em segundos. Por ser de poliéster, a mídia não ondula, distorce ou encolhe.

A Kernow também recomenda que a mídia seja pendurada ou usada para criar efeitos 3D.

Fonte: Kernow