Signs Nordeste 2014 contará com a presença de 100 marcas

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 10/09/2014

Signs Nordeste 2014 é a feira regional de maior expressão no país

Signs Nordeste 2014 é a feira regional de maior expressão no país

A edição 2014 da Signs Nordeste, maior feira regional dedicada a impressão digital e serigrafia, ocorre entre os dias 14 e 17 de outubro, das 15h às 21h, no Centro de Eventos do Ceará, em Fortaleza (CE). O evento, organizado pela FCEM (Feiras, Congressos e Empreendimentos), utilizará 4 mil metros quadrados do pavilhão.

A Signs Nordeste reunirá mais de 100 marcas e deverá receber 5 mil profissionais do mercado. O evento tem o objetivo de facilitar o acesso dos empresários da região aos principais fabricantes de serigrafia e comunicação visual, apresentando lançamentos de lonas, vinis, substratos e tintas e também prestadores de serviço e publicações técnicas.

Além da Akad, J-Teck, Global Tintas, Havir, Metalnox, Serilon, Sign Supply e Silmaq, a feira contará com diversas outras empresas, como:

Digiprint

Apresentará impressoras sublimáticas Roland VersaArt, calandras da Wuppertal e impressoras Brother da série GT-3 (para impressão direta em camisetas).

F1 Suprimentos

Exibirá impressoras Epson Surecolor F6070 e F7070 e oferecerá novos kits Super Chance, com prensas e produtos para quem quer iniciar um negócio. Durante a Signs Nordeste 2014, o cliente que comprar alguma solução da F1 Suprimentos receberá um book com modelagens exclusivas.

Nexel

Oferecerá tintas corantes, sublimáticas, prensas planas e de caneca, acessórios para sublimação e papéis fotográficos.

Potisigns

Apresentará o Power Revest, revestimento para envelopamento de carros. A empresa também levará plotters, gravadoras, impressoras sublimáticas e removedores de cola.

TMT Brasil

A representante exclusiva da alemã TheMagicTouch no Brasil apresentará a Silhouette Cameo, plotter de recorte homologado para a produção de recortes em transfer.

Fonte: Signs Nordeste



Enfocus promove webinar gratuito sobre criação e envio de arquivos PDF

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 14/10/2013

Enfocus ministrará aula grátis sobre fechamento de PDFs

Enfocus ministrará aula grátis sobre arquivos PDF

A Enfocus, desenvolvedora de softwares gráficos, ministrará um webinar (seminário pela internet) grátis sobre criação e padronização de arquivos PDF. Indicado a profissionais de pré-impressão e recepção de arquivos, o curso online tem o objetivo de mostrar ferramentas e procedimentos que facilitem o envio de arquivos digitais (do cliente para a gráfica ou o birô).

O palestrante do seminário é o gerente de desenvolvimento da Enfocus, Heysler Hey, que tem mais de 12 anos de experiência no suporte e treinamento de softwares voltados à indústria de impressão. Ele é atualmente o responsável pelo desenvolvimento de mercado na América Latina.

Veja as datas e os horários do webinar:

Para aqueles que desejam adquirir versões mais recentes das soluções da companhia, como o PitStop, a empresa recomenda a revendedora Cor e Processo, autorizada no país a comercializar os produtos da Enfocus.

Fonte: Enfocus



Epson apresenta papel transfer UltraPrint 90 para sublimação

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/02/2014

A Epson Brasil apresentou o papel transfer UltraPrint 90, que possui resina especialmente desenvolvida para receber a Epson UltraPrint DS, tinta sublimática original da empresa.

Criado para trabalhar em conjunto com as soluções da fabricante japonesa, o UltraPrint 90 influi diretamente na impressão e no consumo de tinta. Evelin Wanke, especialista de produtos Epson, declarou: "É possível notar a melhor relação custo-benefício do UltraPrint 90 quando comparado a outras soluções do mercado, como papéis offset e monolúcido de outras marcas".

Papéis transfer originais poupam tinta e aumentam a qualidade de impressão

Papéis transfer originais poupam tinta e aumentam a qualidade de impressão

A importância de utilizar o papel transfer correto

O papel transfer interfere em todo o processo de sublimação. Atualmente, há muitas ofertas no mercado, e grande parte das empresas, especialmente as menos experientes, escolhe o papel em função do preço (custo do metro quadrado). Todavia, essa não é a forma correta de adquirir o material.

Considere que, para cada mililitro de tinta absorvido e não transferido, deve ser acrescentado de R$0,20 a R$0,35 ao custo final do metro quadrado impresso.

Para conhecer o desempenho do material, a recomendação é realizar testes para avaliar a quantidade de tinta que o papel absorve. Evelin Wanke, especialista de produtos Epson, ressalta: "Ao utilizar um papel que custa R$0,60/m2 e absorve 4ml de tinta, haverá desperdício de R$0,80 a R$1,40 de tinta por metro quadrado".

Testes e custos

Para mostrar a economia de tinta gerada ao utilizar o papel UltraPrint 90, a Epson realizou testes comparativos.

Na primeira etapa do procedimento, foi impressa uma imagem em um papel monolúcido que custa R$0,70/m². Para obter o resultado de impressão desejado, o papel utilizou 8ml de tinta (R$2,64). O custo total dessa produção, considerando tinta e papel, foi de R$3,34/m2.

O outro teste foi realizado com papel UltraPrint 90, que custa R$1,10/m². Para a impressão da mesma imagem da etapa anterior, foram gastos 4ml de tinta (R$1,32). O custo total, considerando tinta e papel, foi de R$2,42/m2.

No teste, o papel monolúcido apresentou um custo de impressão 38% maior do que a solução da Epson.

Além do papel UltraPrint 90, a fabricante oferece o programa de fidelidade Epson Rewards. A cada rolo de papel transfer utilizado, o cliente acumula pontos. Depois de um ano, pode-se trocá-los por garantia estendida ou descontos em novos equipamentos.

Tipos de papéis usados na transferência térmica

Confira abaixo uma relação dos materiais mais utilizados no mercado de impressão por sublimação:

Sulfite ou offset: não foi desenvolvido para a transferência de tinta sublimática. As empresas utilizam-no por ser uma opção barata. Porém, ele absorve volume muito grande de tinta. Isso aumenta o custo final de impressão, pois é alta a quantidade desperdiçada do insumo.

Monolúcido ou calandrado: muito utilizado no processo de sublimação. Possui superfície menos porosa que o offset. Em função da calandragem, o papel torna-se mais liso, o que diminui a absorção de tinta e aumenta a transferência do insumo para o substrato a ser sublimado. O desperdício de tinta nesse tipo de papel é grande, pois ele não possui uma cobertura para bloquear a absorção de tinta.

Papel tratado: possui tratamento para evitar a absorção de tinta. Ele contém uma resina adequada para o processo de sublimação. O papel tratado é mais caro, porém, utiliza quantidade menor de tinta. Na maioria das vezes, diminui o custo final do metro quadrado impresso.

Fonte: Epson