Serilon promove Application Lab em agosto

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 15/08/2016
Impressoras UV da Mimaki serão apresentadas no Application Lab

Impressoras UV da Mimaki serão apresentadas no Application Lab

A Serilon, fornecedora de materiais e equipamentos para comunicação visual, promoverá em agosto o Application Lab em duas cidades brasileiras: Goiânia e Belém. O evento, que é realizado em parceria com a Mimaki, tem como objetivo apresentar tecnologias de impressão digital solvente, sublimática e UV por meio da demonstração de equipamentos como os modelos CJV150, JV150 e UJF3042.  

Durante cinco horas (das 16h às 21h), o Application Lab conta com consultores especializados em equipamentos e técnicos treinados e certificados pela Mimaki, para tirar dúvidas e apresentar a diversidade de aplicações oferecidas pelas impressoras.

De acordo com a organizadora, o Application Lab é uma excelente oportunidade para ampliar as possibilidades de negócios e encontrar alternativas à crise. 

Confira a programação para agosto:

Goiânia (GO): 18 de agosto. Inscreva-se.

Belém (PA): 30 e 31 de agosto. Inscreva-se.

Fonte: Serilon



Aplicação de vinil adesivo: a seco ou úmida

Por Eduardo Yamashita em 27/06/2015

Conheça prós e contras de cada um dos métodos de aplicação

Conheça prós e contras de cada método

Na hora de adesivar vinis, em uma parede ou ao fazer o envelopamento de carros, os profissionais de instalação e aplicação deparam-se com uma dúvida elementar: usar método úmido ou a seco?

A diferença entre eles é a presença (ou não) de água, elemento cujo objetivo é criar uma "película" entre o adesivo (cola) e a superfície. A água diminui a aderência (tack) inicial do adesivo. Isso facilita a aplicação, pois o adesivo fica com menos área de contato com a superfície.

Na aplicação úmida, é possível reposicionar o vinil até que o aplicador encontre a posição correta da película. No método a seco, como a aderência é total, não é possível fazer o reposicionamento do vinil.

Cada método tem prós e contras, resumidos a seguir:

  Vantagens    Desvantagens
Aplicação úmida
- Baixa adesão do adesivo (cola) à superfície;
- Reposicionamento total do vinil;
- Facilidade nos encaixes entre vinis.
- Adesão inicial mais demorada;
- Elevado tempo de instalação (em função da secagem da água);
- Necessário ambiente adequado para trabalhos com água;
- Limitado a superfícies planas ou curvas simples.
Aplicação a seco
- Não precisa de tempo adicional antes do acabamento;
- Poder ser usado em qualquer superfície.
- Necessário uso de fitas de posicionamento da imagem;
- Alta aderência do adesivo (cola) à superfície;
- Difícil reposionamento.

 

A seco ou úmida

Uma pergunta bastante frequente é: Qual método devo utilizar? Para obter a resposta, você vai precisar saber o tipo de superfície sobre a qual será aplicado o vinil adesivo.

O método a seco é indicado para qualquer tipo de superfície. Já o úmido é indicado apenas para superfícies planas ou com curvaturas simples.

A diferença entre ambas é a aplicação de água

A diferença entre ambas é a aplicação de água

A pergunta seguinte é: Por quê? Porque, ao aplicar o método úmido em superfícies complexas (com curvaturas compostas e baixos relevos), não é possível remover toda a água utilizada no processo. Ou seja, o trabalho deixa resíduos entre o adesivo e a superfície, formando microbolhas de água — imperceptíveis após a aplicação.

Quando o vinil aplicado é submetido ao calor (do sol), as microbolhas levantam o vinil, que resseca com o tempo e acaba rompendo-se, causando estragos irrecuperáveis à imagem. Portanto, ao facilitar a aplicação, corre-se o risco de prejudicar todo o trabalho.

Gostou do artigo? Você também vai se interessar pelas matérias abaixo:

 

Texto originalmente publicado com exclusividade no InfoSign, no dia 27 de junho de 2013. Eduardo Yamashita é consultor técnico especializado em vinis, envelopamentos de carro e comunicação visual.



Evento: Como usar a impressão digital para decoração de ambientes residenciais e corporativos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 22/02/2016
Roland e Imprimax promovem evento sobre comunicação visual para ambientes residenciais e corporativos

Roland e Imprimax promovem evento sobre comunicação visual para ambientes residenciais e corporativos

No dia 25 de fevereiro, das 15h às 17h, a Roland DG e a Imprimax promoverão o evento “Como usar a impressão digital para decoração de ambientes residenciais e corporativos”. Indicado para arquitetos, designers de interiores e decoradores, a palestra objetiva mostrar como as tecnologias digitais de impressão e a comunicação visual podem contribuir para projetos de arquitetura e decoração.

De acordo com as organizadoras do evento, sofisticação, versatilidade e individualização na decoração de interiores são as principais qualidades que a impressão digital oferece aos designers e arquitetos. Casas, apartamentos, hotéis, restaurantes, escritórios e lojas: diversos são os espaços que podem ser personalizados por quem trabalha no ramo. É cada vez mais frequente a utilização de adesivos decorativos em quartos, salas e banheiros, além da personalização de azulejos, móveis, paredes e acessórios de decoração.

O evento ocorre na sede da Imprimax, na rua Karam Simão Racy, 49 - Parque Fongaro, São Paulo. Para mais informações, o interessado pode entrar em contato com a Roland DG pelo e-mail contato@rolanddg.com.br.

Fonte: Roland DG