Serilon apresenta novidades na feira Serigrafia Sign 2013

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/07/2013

Dona de um dos maiores estandes da feira Serigrafia Sign 2013, a Serilon, fornecedora brasileira de materiais para comunicação visual, vai apresentar uma série de novidades no evento:

Magic Glue

Mídia eletrostática que não utiliza cola para aderir à superfície. Voltado para aplicações de curta duração em ambientes internos, o substrato se destaca por aderir a superfícies de metal, madeira, tijolo, mármore, drywall e vidro. O Magic Glue aceita impressão UV, pode ser reciclado e não possui cola e materiais tóxicos em sua composição.

Magic Led

Distribuído exclusivamente pela Serilon, o Magic Led é um display formado por painéis de acrílico, moldura e iluminação LED. Para usá-lo, basta imprimir a imagem no backlight (vendido separadamente), aplicar o substrato no Magic Led e ligar a fonte de energia. Com 9mm de espessura, o acessório é voltado a ambientes internos, como bares, restaurantes, hotéis e estabelecimentos comerciais.

Magic Led: novidade da Serilon na feira Serigrafia Sign 2013

Magic Led: novidade da Serilon na feira Serigrafia Sign 2013

Magic Display

Trata-se de um display superfino (com 21mm de espessura) de 630 x 456mm. Para utilizá-lo, basta salvar imagens e vídeos em um pen drive e conectá-lo na entrada USB. Além da transição de imagens e vídeos, é possível inserir legenda e áudio. O Magic Display confere alta qualidade na imagem em aplicações de comunicação visual.

Magic Display, para comunicação visual indoor

Magic Display, para comunicação visual indoor

O Magic Sign

Solução formada por camadas de mídias magnéticas sobrepostas. Deve ser usado em ambientes e superfícies que exigem constante atualização. Com o Magic Sign, é possível compor imagens diferenciadas com até três camadas de mídias magnéticas sobrepostas. É uma solução reutilizável, portátil e recebe impressão solvente e UV.

Magic Sign: mídia magnética

Magic Sign: mídia magnética

Linha de vinis adesivos

A Serilon vai apresentar duas linhas de películas cast: a Arlon Ultimate Premium Plus e a Magic Tunning. A primeira possui alta flexibilidade, baixa adesão inicial e disponibilidade de cores especiais, com efeito metalizado, fosco, perolado e fibra de carbono. A linha Magic Tunning é para envelopamento de carro. Possui excelente desempenho em superfícies curvas e está disponível em diversas cores e efeitos, que permitem o desenvolvimento de uma customização exclusiva em veículos.

Magic Tuning: substrato para envelopamento de carro

Magic Tuning: substrato para envelopamento de carro

SerilonShop

A Serilon leva para a feira Serigrafia Sign 2013 a equipe da SerilonShop, a loja virtual pela qual os clientes têm acesso a produtos relacionados à Mini Silhouette, plotter de recorte que trabalha com papel, cartolina, magneto, tecido, transfer, entre outros substratos. Além da linha Silhouette, estará disponível, para compra online, a solução completa de fotoprodutos, composta por prensas térmicas (modelo Prensa 3D, Prensa Plana e Prensa de Caneca), objetos com tratamento especial para receber impressão por sublimação, tinta sublimática, papel e impressora.

Loja virtual da Serilon disponibiliza materiais para quem trabalha com fotoprodutos

Loja virtual da Serilon disponibiliza materiais para quem trabalha com fotoprodutos

Painel Texturizado New Wall

Com essa solução, é possível montar uma parede de pedra, tijolo, madeira ou bambu em poucas horas. Opção para quem trabalha com obras, decoração, comunicação visual e reformas em geral. O painel está disponível em mais de 30 texturas diferentes, como madeira, pedra, tijolo, metal, entre outras.

Confira mais informações e novidades sobre a Serigrafia Sign e seus expositores.

Fonte: Serilon



Durst amplia portfólio de soluções têxteis

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 28/08/2016
Durst e Technijet unem-se para desenvolver a Swiftjet

Durst e Technijet unem-se para desenvolver a Swiftjet

A Durst, fabricante de impressoras, e a Technijet, fornecedora de sistemas de lavagem de tecidos, firmaram uma parceria para desenvolver a Swiftjet, solução de pré-tratamento de substratos têxteis. Trata-se de uma unidade conectada à impressora que realiza pulverização, secagem e os outros procedimentos para tratar os fios dos tecidos. A solução é adaptada para os equipamentos da série Durst Alpha e pode processar larguras de impressão de até 330cm. A Durst também oferecerá o sistema como solução independente para terceiros.

Christoph Gamper, CEO da Durst, declarou: “Em todos os segmentos nos quais atuamos, nosso maior objetivo é substituir as tecnologias ‘antigas’ por novos sistemas. Não é apenas fazer a mudança do analógico para o digital. Trata-se de uma redefinição dos processos de produção. Nesta redefinição, eficiência econômica e critérios ambientais não são exclusivos, mas complementares. Com as nossas impressoras e a Swiftjet, pode-se reduzir significativamente a pegada ecológica, em particular na estamparia têxtil”.

Desde 2015, a Durst tem investido recursos para otimizar a eficiência produtiva e ambiental de seus equipamentos da linha Alpha. A empresa também lançou o Alpha P, sistema de tintas pigmentadas que pode imprimir em algodão e poliéster e não exige aglutinantes e processos adicionais, o que reduz o consumo de água e energia na produção.

Fonte: Durst



Tudo sobre fabricação de tinta solvente (impressão digital)

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 07/11/2012

Atire a primeira pedra o impressor que nunca teve problemas com tinta. Cores impressas que não correspondem às tonalidades do arquivo, entupimento das cabeças de impressão digital, falta de adesão ao substrato: tudo isso pode ter relação direta ou indireta com os insumos usados no equipamento.

O que fazer diante de problemas como esses? Entrar em contato com o fornecedor? Pedir assistência técnica? Mudar de tinta? Todas são possibilidades cabíveis. Mas para tomar a decisão acertada, nada melhor do que dominar o assunto. Conhecer características, componentes e métodos de fabricação ajuda muito na hora de comprar e usar os insumos.

Visando esclarecer os técnicos e empresários do mercado sobre tais pontos, a Gênesis, fabricante de tinta de impressão digital, encomendou ao editor do InfoSign (Luiz Ricardo Emanuelli) uma série (em 3 partes) de artigos técnicos sobre o assunto.

Na primeira parte, estão descritos os processos de dispersão, moagem, micronização e filtragem, utilizados na fabricação das tintas. Já o segundo texto aborda os elementos desses insumos: pigmentos, resinas, aditivos e solventes. A parte final trata de propriedades, como ancoragem, tensão superficial, viscosidade, entre outras.

A dispersão, uma das etapas da fabricação da tinta, é detalhada na série de artigos sobre o insumo

Texto: InfoSign. Informações de: Blog da Gênesis