Senfa apresenta nova linha de tecidos para impressão digital

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 29/05/2017
Sublimis evita a migração da tinta digital

Sublimis evita a migração da tinta digital

A Senfa, divisão de substratos da francesa Chargeurs Group, anunciou no mercado internacional a Sublimis, linha de tecidos específicos para impressão digital e comunicação visual.

De acordo com a empresa, a impressão digital de mídias para aplicações backlit, apesar de suas vantagens como cores vivas e boa difusão de luz, causa problemas por causa da migração de tinta. Ou seja, após a impressão, a tinta tende a migrar para áreas onde não deveria. Os tecidos Sublimis foram desenvolvidos para evitar a migração de tinta.

A Sublimis está disponível em duas versões com 3,1m de largura: uma para impressão direta com tinta dispersa e outra para impressão transfer com tinta de corante. Furutamente, a linha expandida para incluir mídias com larguras de 5m.

Blaise Humphries, gerente da Senfa, declarou: “Independentemente da tecnologia de impressão digital empregada, nossos clientes poderão aproveitar todos os benefícios oferecidos pelos tecidos exclusivos da Senfa. Todos os nossos produtos são fabricados na França e atendem aos mais altos padrões”.

Fonte: Senfa



Curitiba recebe primeira etapa do Fespa Brasil Fórum 2016

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 12/10/2016
Evento gratuito ocorrerá no dia 26 de outubro

Evento gratuito ocorrerá no dia 26 de outubro

Curitiba será a primeira cidade a receber o Fespa Brasil Fórum 2016. O evento gratuito, que ocorrerá no dia 26 de outubro e é organizado pela APS Feiras, contará com palestrantes que debaterão o mercado de impressão digital e comunicação visual. Sediado no Auditório do Sigep (rua Augusto Severo, 1050), o fórum ocorrerá pela manhã e o interessado deve se inscrever pelo site da empresa.

Alexandre Keese, diretor da Fespa no Brasil, ministrará, às 9h, a palestra “Soluções integradas são tendência do mercado de impressão”. O executivo apresentará uma análise dos estudos mais importantes do mercado mundial sobre impressão e traçará uma linha entre o presente e o futuro do mercado.

Já Luciana Andrade, especialista em impressão digital de grandes formatos, abordará, às 11h, o tema “A Comunicação Visual e o Mercado Novo”. A palestrante apresentará as transformações do cenário brasileiro e as estratégias assertivas de quem está tendo sucesso.

O Fespa Brasil Fórum faz parte da proposta “Lucro por um Propósito”, que consiste no compromisso da instituição em reinvestir na indústria de impressão digital ao compartilhar conhecimento para os profissionais.

A etapa de Curitiba do fórum tem patrocínio de empresas como Mimaki, Roland, Convertech, Aplike, Caldera e SAi.

Belo Horizonte receberá o evento no dia 9 de novembro, no Senai Cecoteg (rua Santo Agostinho, 1717). A última etapa será no Rio de Janeiro no dia 22 de novembro, no Senai Maracanã (rua São Francisco Xavier, 417).

Fonte: Fespa Brasil



Akad lança máquina a laser para corte e gravação

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/12/2012

 

máquina a laser vendida pela Akad

Laser Pro X500: equipamento de corte e gravação vendido pela Akad

A Akad, fornecedora brasileira de equipamentos para comunicação visual, acaba de lançar a LaserPro X500, máquina a laser para corte e gravação. O equipamento foi projetado para aplicações nas indústrias de tecidos, brindes, sinalização e comunicação visual. Com o LaserPro X500, é possível trabalhar materiais como MDF, couro e acrílico.

Seu mecanismo, que promove a abertura simultânea das portas traseira e dianteira, permite o corte de objetos longos e com até 25mm de espessura.

Com funções como a SmartPOINT Positioning Device, que utiliza feixes de luz vermelha de diodo, é possível posicionar materiais e realizar réplicas de trabalhos produzidos anteriormente.

A máquina é composta por três réguas (de ajuste manual) e pode criar níveis diferentes de profundidade nos trabalhos.

Segundo a fornecedora, estabilidade e exatidão no corte chamam a atenção do produto, que também oferece como opcional a ferramenta AAS Contour Cutting Device: um detector automático de marcas de registros, cuja função é otimizar o corte de contornos dos materiais.

Fonte: Akad. Edição: InfoSign