Seiko lança impressora UV Jetrix 1212FK nos EUA

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 10/04/2013

A subsidiária norte-americana da Seiko Instruments adicionou mais um equipamento ao seu portfólio: a Jetrix 1212FK, impressora UV plana (flatbed) que possui área de impressão de 1,2m2 e emprega seis cabeças Konica 1024 (com 1.024 nozzles), podendo trabalhar na velocidade máxima de 26 m2/h.

Segundo a fornecedora, a máquina tem perfil para atender serígrafos, signmakers, birôs que produzem displays para PDV, fabricantes de embalagens, entre outras empresas.

Jetrix 1212FK: impressora UV vendida pela Seiko dos EUA

Jetrix 1212FK: impressora UV vendida pela Seiko dos EUA

Jeff Olson , gerente de vendas da Seiko Instruments dos EUA, declarou: "Acreditamos que a Jetrix 1212FK preenche uma necessidade na indústria por impressoras UV de pequeno porte".

Nos EUA, a Jetrix 1212FK, que estará disponível em meados de abril de 2013, será vendida com exclusividade pela rede de distribuidores e vendedores da Seiko Instruments USA.

Todas as impressoras digitais da marca Jetrix são fabricados pela InkTec, sediada em Seul, na Coreia do Sul — e a Seiko já vende as impressoras Jetrix há mais de dois anos no Japão.

Fonte: My Print Resource



SAi atualiza aplicativo de monitoramento de produção

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 12/11/2015
App foi desenvolvido para gerentes e donos de empresas de sinalização e impressão digital

App foi desenvolvido para gerentes e donos de empresas de sinalização e impressão digital

A SA International (SAi), desenvolvedora de softwares, anunciou que o SAi Cloud foi atualizado. Trata-se de um app de gerenciamento de produção de birôs e gráficas digitais especializadas em sinalização e comunicação visual.

O SAi Cloud trabalha em conjunto com a versão 12 do SAi Flexi e fornece acesso remoto, por meio de dispositivos mobile, a informações de produção e relatórios específicos.

Exclusividade do SAi Cloud, o painel de tendências fornece avaliações de produção diária, além de relatórios mensais e anuais. Ademais, exibe previsões sobre desempenho futuro da empresa. Com tais informações, os empresários podem tomar decisões mais conscientes e determinar se a produção está aumentando ou diminuindo.

Já a ferramenta smartwatch dá suporte a dispositivos como o Apple Watch e o Android Wear. Por meio deles, é possível visualizar rapidamente os trabalhos recém-concluídos na empresa, independentemente da localização do proprietário. Isso reduz a necessidade de estar no escritório.

Dean Derhak, diretor de produto da SAi, declarou: “Muitos donos de birôs não têm conhecimento do real volume de produção de suas empresas. As atualizações do SAi Cloud permitem que nossos clientes estabeleçam comparações semanais, mensais e anuais que podem ajudá-los a melhorar o rendimento da empresa”.

O SAi Cloud está disponível para download gratuito na Apple Store e no Google Play.

Fonte: SAi



Durst Brasil investe em centro de reparos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/12/2015
Repair Center no Brasil é único fora da sede da Durst, na Itália

Repair Center no Brasil é único fora da sede da Durst, na Itália

A filial brasileira da Durst, fabricante de impressoras digitais, criou um centro de reparos de equipamentos para o segmento cerâmico. Com operação em Campinas, trata-se do único centro de manutenção fora da sede da Durst, na Itália. O principal objetivo do serviço é poder restaurar localmente os módulos de impressão das máquinas avariadas, o que representa economia significativa para os clientes.

Guilherme Poggianelli, gerente nacional de serviços da Durst Brasil, declarou: "Anteriormente, era necessário enviar as cabeças para a Itália, para que fossem reparadas. Isso gerava um custo muito alto, uma vez que estamos falando de um processo de exportação para reparo e importação do mesmo item, sem mencionar os custos envolvidos nos prazo. Com o Repair Center, além de o trabalho ser realizado localmente, com peça nacionalizada e mão de obra local, também há a agilidade. Isso representa menos tempo de máquina parada, e, por consequência, menor comprometimento da produtividade dos clientes. Dependendo de onde o cliente está localizado, em dois ou três dias ele tem o módulo de impressão recuperado".

Os problemas nas cabeças de impressão podem ser de caráter obstrutivo (nozzles) ou eletrônico (placas). Cerca de 10% dos módulos recebidos pelo centro de reparos voltam a trabalhar normalmente após a limpeza.

Uma vez detectado o problema, envia-se o orçamento para o cliente. Em seguida, o módulo segue para reparo, troca de peça ou componente. Depois, o módulo é testado e segue para os processos de alinhamento. Posteriormente, ele é testado novamente, realinhado e devolvido ao cliente com os devidos testes impressos.

Atualmente, o Brasil é o terceiro mercado mundial para Durst no segmento de impressão digital em cerâmica. Para sustentar esse posto, a empresa reestruturou sua atuação, mantendo equipes de venda e suporte em mercados estratégicos nas regiões de Santa Catarina e Rio Claro (ambos grandes polos cerâmicos no Brasil), além do escritório central em Campinas e da equipe comercial em São Paulo.

Fonte: Durst Brasil