Sawgrass e J-Teck3 fecham acordo para produção de tinta sublimática

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/04/2015

J-Teck3 recebeu licença para produzir insumos para sublimação de acordo com patentes da Sawgrass

J-Teck3 recebeu licença para produzir insumos para sublimação de acordo com patentes da Sawgrass

A Sawgrass, desenvolvedora de tecnologias de impressão, tem expandido seu portfólio de patentes nos últimos 10 anos. E a J-Teck3, fabricante de insumos gráficos, assinou recentemente um novo contrato de licença com a Sawgrass, a fim de continuar a vender legalmente tintas sublimáticas compatíveis com impressoras de grande formato com largura acima de 1 metro.

Há mais de oito anos, a J-Teck3 vende e fabrica tintas para sublimação digital com licenciamento da Sawgrass, o qual garante a reprodução de tecnologia proprietária, alta qualidade e padrões éticos.

Enrico Grasselli, CEO e fundador da J-Teck3, declarou: "Decidimos continuar a licenciar uma gama de patentes da Sawgrass. Como empresa dedicada ao desenvolvimento de novos produtos e tecnologias, apreciamos os avanços da Sawgrass, bem como sua carteira de patentes".

Fonte: Sawgrass



Novidades da Roland DG para 2018

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/02/2018
Empresa expandirá seus negócios para as áreas odontológicas e médicas

Empresa expandirá seus negócios para as áreas odontológicas e médicas

A filial brasileira da Roland DG, fabricante de impressoras digitais, apostará em 2018 no mercado dental. Para o primeiro trimestre do ano, a empresa está programando o lançamento de uma linha de equipamentos altamente precisos projetados para a produção de próteses dentárias.

Anderson Clayton, gerente de marketing da Roland DG, declarou: “Será o nosso foco a subsidiária DGSHAPE Corporation, que desde abril do ano passado concentra negócios em companhias dentais e médicas e de fabricação digital 3D. Temos o objetivo de fortalecer cada vez mais a marca”.

O segmento de personalizações, como serviços prestados em quiosques de shoppings centers, também contará com atenção especial da empresa, que comercializa máquinas para estampar capas de celular e tablets, máquinas para fazer personalização de camisetas e impressoras de itens tridimensionais e de brindes.

Clayton também declarou: “Razões não faltam para sermos otimistas em 2018. Em âmbito macro, o cenário econômico dá fortes sinais de melhora. O fundo FMI elevou a previsão de crescimento para o PIB Brasileiro. Além disso, a Copa do Mundo e as eleições devem alavancar as vendas. Do ponto de vista da companhia, a exemplo do que aconteceu em 2017, aumentamos a atuação nas grandes indústrias nacionais. E temos boas novas que brevemente anunciaremos e, certamente, vão mexer com o mercado”.

Fonte: Roland DG Brasil



Esko lança mesa de corte Kongsberg C66

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 20/11/2017
Equipamento conta com área de produção de 210mm × 4.800mm

Equipamento conta com área de produção de 210mm × 4.800mm

A Esko, fabricante de equipamentos para produção digital, anunciou a Kongsberg C66, mesa de corte e acabamento de mídias corrugadas para sinalização e embalagens.

Com área de trabalho de 3.210mm × 4.800mm, a máquina pode rodar na velocidade de 100m/min e, segundo a empresa, oferece desempenho até 40% maior que outros equipamentos similares com 3m de largura.

A Kongsberg C66 suporta a produções de múltiplas zonas, que asseguram o processamento ininterrupto dos materiais. Isso porque enquanto uma zona da mesa está em ação, o operador pode configurar a outra zona, limpando a peça acabada e carregando uma nova peça. Assim, a máquina pode trabalhar com mídias de 2,2m × 3,2m ou chapas de 2,5m × 4,8m.

O equipamento roda com o software i-cut Production Console (iPC), que controla as funcionalidades da máquina e inclui recursos como controle de câmera, configuração de produção e reconhecimento, calibração e ajustes de ferramentas. Projetado para orientar o operador, o aplicativo incorpora uma série de recursos lógicos e de fácil utilização, como a interface gráfica baseada em ícones. Combinado com o Device Manager, ele oferece o gerenciamento remoto de produção e fornece estimativas do tempo de corte com base nas características dos trabalhos.

A Esko também fornece uma grande variedade de ferramentas opcionais, que podem ser montadas rapidamente e preparadas para cortar e terminar um trabalho específico.

Tom Naess Esko, gerente de produto da Esko, declarou: “A Kongsberg C66 foi projetada para atender a demanda materiais rígidos de grande formato. Ela aumenta a produtividade e, quando combinada a recursos robóticos, garante produção ininterrupta, o que permite a realização rápida e eficiente de embalagens em tiragens mais curtas, sem comprometer a qualidade”.

Fonte: Esko