Ricoh lança tinta digital látex à base d’água e resina

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 21/09/2016
Tintas recém-desenvolvidas pela Ricoh curam com mais rapidez

Tintas recém-desenvolvidas pela Ricoh curam com mais rapidez

A Ricoh, fabricante de impressoras digitais, anunciou no mercado internacional uma nova tinta látex à base d’água e resina, desenvolvida principalmente para oferecer tempo de cura reduzido. Depois de setembro, os atuais usuários de tecnologia Ricoh passarão a usar a tinta látex resinada, que, segundo a empresa, também custará menos e terá maior vida útil.

Além de curarem mais rapidamente, o que reduz o tempo de acabamento e entrega, as tintas látex permitem a impressão em diversas mídias de grande formato, como tecidos, papéis, backlits e vinis.

Ainda de acordo com a empresa, como a qualidade de cor das tintas látex tem melhorado nos últimos anos, muitos birôs começaram a empregá-la, estimulados também pelas vantagens ambientais que elas oferecem.

John Fulena, vice-presidente da divisão Production Printing Business da Ricoh USA, declarou: “Estas novas tintas aquosas de resina possibilitam curas mais rápidas e oferecem excelente saída de impressão, e fazem tudo isso a um preço menor do que as tintas antecessoras. Os birôs poderão usar esse dinheiro economizado para reinvestir em novas capacidades, ajustar preços para aumentar a competitividade ou simplesmente obter maiores lucros”.

Fonte: Ricoh



EFI vende um milhão de litros de tinta em menos de um ano

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/01/2013

Recentemente, a EFI, fabricante de impressoras digitais, anunciou que, entre janeiro e novembro de 2012, vendeu um milhão de litros de tinta UV (em todo o mundo). Segundo os representantes da companhia, isso é um reflexo do aumento contínuo dos clientes que empregam impressão de grande formato.

"Atingirmos a marca de um milhão de litros de tinta UV vendidos em um período de 11 meses confirma a posição da EFI como líder no mercado, e mostra o quanto nosso produto é de confiança", afirmou Scott Schinlever, vice-presidente sênior e gerente geral de soluções de jato de tinta da EFI.

Segundo Schinlever, a ideia da empresa é inovar levando em conta o que almejam seus clientes. "Atingir este marco é uma indicação de que a EFI formula tintas de alta qualidade, combinadas com as nossas tecnologias de impressão de grande formato. Essas soluções atendem as demandas de pequenas tiragens, com qualidade e velocidade de produção", disse.

Em seu portfólio, a EFI conta com diversos produtos voltados para a impressão digital. Além das tintas ultravioletas, ela também trabalha com sistemas de cura LED.

Impressoras EFI consumiram mais de um milhão de litros de tinta UV em 2012

Impressoras EFI consumiram mais de um milhão de litros de tinta UV em 2012

Fonte: EFI. Texto: InfoSign



Avery passa a oferecer opções de papéis reciclados para rótulos e etiquetas

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/10/2017
Portfólio é indicado a empresas que buscam atingir objetivos de sustentabilidade

Portfólio é indicado a empresas que buscam atingir objetivos de sustentabilidade

A Avery Dennison, fabricante de substratos, apresentou uma nova linha de papéis reciclados e certificados pelo Forest Stewardship Council (FSC). Os materiais, indicados para rótulos e etiquetas, foram desenvolvidos para ajudar marcas e convertedores a atingir objetivos de sustentabilidade. Os papéis são fabricados sem cloro e oferecem brancura e aparência brilhante. Segundo a empresa, os substratos possuem características que garantem boa qualidade e velocidade na impressão.

A Avery também comercializa os papéis da linha ClearIntent, que ajudam conversores que buscam trabalhar com rótulos e embalagens sustentáveis. Os materiais deste portfólio atendem ao menos um dos três padrões abaixo:

- Origem responsável: empresas terceirizadas certificam que uma quantidade significativa do conteúdo do produto vem de materiais de origem sustentável;

- Redução de material: o produto deve oferecer desempenho comparável ou superior a uma alternativa convencional, mas usando menos materiais na fabricação;

- Reciclagem: o material deve ser reciclável ou feito de conteúdo reciclado. Ou, ainda, ter componentes que ajudem no processo de reciclagem do recipiente ou da embalagem em que rótulo está ligado.

Fonte: Avery