Revelados os 10 vencedores regionais do Wrap Like a King 2018

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/10/2018
Campeonato de envelopamento é promovido pela Avery Dennison

Campeonato de envelopamento é promovido pela Avery Dennison

A Avery Dennison, fabricante de vinis adesivos, anunciou os 10 finalistas do Wrap Like a King 2018, campeonato internacional de envelopamento promovido pela marca. Trata-se dos vencedores regionais do concurso, que receberam pacotes de prêmios avaliados em cerca de 2.000 dólares.

Inicialmente, oito juízes avaliaram todos os trabalhos inscritos e levaram em consideração os seguintes critérios: transformação visual (antes e depois do envelopamento), qualidade e nível de habilidade da instalação, aparência geral e exclusividade do design. Ao término da avaliação, foram escolhidos os 10 campeões regionais, que se enfrentarão na próxima etapa do concurso, no dia 15 de outubro, da qual sairão os vencedores continentais, premiados com pacotes no valor de 3.200 dólares.

Os campões continentais vão para a etapa final, prevista para ocorrer dentro da feira Sema, entre os dias 30 de outubro e 2 de novembro, em Las Vegas (EUA). O vendedor receberá o prêmio “King of the Wrap World 2018”, contendo um pacote de materiais no valor de 5.000 dólares.

Conheça os 10 campeões regionais do Wrap Like a King 2018:

América do Norte (Canadá) - “The Warrior”, instalado por Ben Bieber, da Canadian Wrap Masters, de Georgetown
América do Norte (Sul) - “Mission Flyer 2.0”, instalado por MetroWrapz, da Flórida (EUA)
América do Norte (Oeste) - “Gold Rush Rally”, instalado por Antonio Ng, da EMWRAPS, de Seattle (EUA)
América do Norte (Central) - “Republic Tattoo”, instalado por Eric e Frank, da Graphics Guys, do Texas (EUA)
América do Norte (Meio-Oeste) - “Boba Fett”, instalado por Justin Baker, Lee Mies, Paul Lee e Kyle DeLoss Henkler, da Auto Trimmers, de Minnesota (EUA)
América do Norte (Leste) - “VooDoo S6 - SteamPunk SpaceShip”, instalado por Ryan Oyola e Mike Postilio, da VooDoo Vinyl Wrap, de Nova York (EUA)
Europa (Central) - “Dynamic Truck”, instalado por Sebastian Kreuzer, da SIGNal Wrapping of Schwäbisch Hall, da Alemanha
Europa (Norte) - “Barnfind”, instalado por Mark Chamberlain, da Funkeefish of Tendring, do Reino Unido
Europa (Sul) - “Formula-e Gen2”, instalado por Chaublet Sébastien, da S&C Creative Agency of Guérande, da França
Europa Oriental e Oriente Médio - “Toyota Wrap Cruiser”, instalado por Martin Turecek, da Wrap Style of Zlin, da República Tcheca

 



Laminação em impressos de grande formato

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 23/09/2013

Laminar ou não? Se você trabalha em birô ou gráfica digital, essa pergunta já passou inúmeras vezes pela sua cabeça. Parte das incertezas sobre a laminação (processo de aplicação de uma película protetora sobre a mídia) começa na própria impressão, pois muitas impressoras e tintas prescindem de qualquer tratamento superficial.

Mas o que acontece se, por exemplo, o impresso precisar de proteção contra pichações? Ou se o cliente pedir uma instalação externa, aplicada em janelas? A laminação, nesses casos, é obrigatória.

Muitos acreditam que a laminação só protege contra a exposição de raios UV. Mas ela também pode aumentar a rigidez da mídia e conferir efeitos diferenciados aos impressos. Sem contar que agrega valor aos trabalhos de comunicação visual.

A laminação pode ser aplicada em cartazes, pôsteres, displays (rígidos e flexíveis), backlits, banners, sinalização externa e decalques

A laminação pode ser aplicada em cartazes, pôsteres, displays (rígidos e flexíveis), backlits, banners, sinalização externa e decalques

Antes de começar a laminar, responda às seguintes questões:

  • A aplicação é interna ou externa?
  • A mídia é de papel, PVC ou vinil?
  • Você precisa de acabamento brilhante ou fosco?
  • O material ficará acessível ao público?
  • A aplicação terá vida útil curta ou longa?
  • O impresso exige proteção contra raios UV?

Com base nas respostas desse questionário, você vai conseguir escolher a película mais interessante para laminar seus impressos. Você descobrirá também se a laminação é realmente necessária.

Especificação do material

Quando souber como os impressos serão instalados, consulte os fornecedores de materiais para acabamento. Eles são habilitados a indicar as laminadoras e os filmes mais adequados para suas necessidades. A escolha do filme certo vai garantir o sucesso da aplicação. Seguem abaixo algumas especificações e características técnicas das películas de laminação que devem ser controladas:

  • temperatura de ativação;
  • pressão necessária;
  • acabamento: brilhante, acetinado, fosco/ultrafosco, texturizado;
  • permanente ou removível;
  • à base de solvente ou à base d’água;
  • hot-melt;
  • absorventes de UV.
Laminação pode agregar valor aos seus impressos

Laminação pode agregar valor aos seus impressos

Tintas de impressão digital (grande formato)

Considere mais um fator: a tinta, que pode ser látex, UV, à base d’água ou solvente. Cada uma delas vai reagir de forma diferente com a superfície da mídia. Por exemplo, as tintas à base d’água "colam" na superfície das mídias. Portanto, o filme laminado deverá aderir à imagem para que não ocorra a delaminação. Já as tintas à base de solvente "penetram" no substrato e podem até mesmo criar uma mídia "mais fina" onde foram depositadas. A laminação nesse caso tem de prender a tinta e dar estabilidade adicional ao produto final. Mas, mesmo com o avanço das tintas, os impressos continuarão exigindo proteção contra raios UV (que provocam o desbotamento), manipulação (como limpeza) e ataques (pichações). Para tanto, não há melhor processo do que a laminação.

Fonte: Neschen



Aplastec lança fitas dupla face Fixa-Fácil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 22/07/2015
Dupla face, fita da Aplastec pode colar diversas tipos de superfícies e substratos

Dupla face, fita da Aplastec pode colar diversas tipos de superfícies e substratos

A Aplastec, fornecedora nacional de materiais adesivos, lançou a Fixa-Fácil, marca de fitas dupla face indicadas para pequenos trabalhos, como aplicações em objetos decorativos.

De acordo com a empresa, as fitas Fixa-Fácil promovem a união permanente entre substratos de acrílico, vidro, plástico ou metal.

O modelo, disponível em diversas medidas, pode ser encontrado em home centers do Brasil. A embalagem da fita foi desenvolvida especialmente para destacar os atributos e utilidades do produto, que pode ser aplicado tanto em ambientes internos quanto externos.

Jorge Luiz Serra, gerente comercial da Aplastec, declarou: “Nosso principal objetivo é oferecer ao consumidor um produto com alta qualidade, fixação permanente e facilidade de aquisição e uso”.

Fonte: Aplastec