Enquete: as tecnologias de impressão digital que os leitores do InfoSign buscaram adquirir em 2015

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 07/01/2016
Em 2015, maioria dos leitores do InfoSign preferiram planejar e investir em tecnologias capazes de imprimir em tecidos

Em 2015, maioria dos leitores do InfoSign preferiram planejar e investir em tecnologias capazes de imprimir em tecidos

Ao longo do ano passado, o InfoSign perguntou em enquete aberta qual tipo de impressora de grande formato os leitores do site gostariam de adquirir em 2015. O resultado (de um total de 1.172 votos) vai ao encontro de uma clara tendência do mercado: o interesse cada vez mais em adotar a impressão digital em tecidos.

A tecnologia mais votada foi a sublimática, com 338 votos (29% do total). Em segundo lugar, ficou a impressão direta em tecido, com 246 votos (21%). Somados, os resultados obtidos pelas duas categorias correspondem à metade dos pontos computados. Embora a impressão por sublimação possibilite a decoração de substratos e objetos diversos, sua principal aplicação é a estamparia de tecidos. Portanto, não é errado afirmar que pelo menos metade dos votantes estavam interessados em adquirir uma impressora têxtil.

Além da sublimação e da impressão direta, a tecnologia látex, que teve 84 votos (7%), também é capaz de imprimir, entre outros substratos, diversos tipos de tecidos, o que ajuda a endossar a tendência analisada.

A enquete mostrou também que tecnologias consolidadas obtiveram desempenho satisfatório. A solvente recebeu 238 votos (equivalente a 20%) e a UV, 197 (17%), o que demonstra que ambas têm lugar cativo ente os leitores do InfoSign.

O tipo de impressora menos votada emprega tinta à base d'água, com 69 votos (6%), deixando claro que se trata de uma tecnologia voltada a um nicho mais específico e de interesse reduzido.

Não deixe de participar da nova enquete, que procura conhecer quais as tecnologias de impressão digital de grande formato nossos leitores pretendem adquirir em 2016.



Antalis anuncia mídia de tecido para decoração de paredes

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/10/2017
Coala Silky Wallcover Textile tem propriedade blockout

Coala Silky Wallcover Textile tem propriedade blockout

A Antalis, fornecedora de mídias para comunicação visual, anunciou no mercado internacional o Coala Silky Wallcover Textile, tecido autoadesivo com camada blockout indicado para decoração de paredes.

Livre de PVC, a mídia pode receber impressão digital e permite a remoção e o reposicionamento, sem deixar resíduos ou danificar a superfície da aplicação, o que garante que a decoração seja alterada quando necessário.

Com classificação B1 contra fogo, o tecido tem 170g/m2 e está disponível em três dimensões: 1,067m × 30m, 1,37m × 30m e 1,52m × 30m.

Indicado para ambientes internos, o Coala Silky Wallcover Textile substitui o Coala Wallcover Textile.

Fonte: Antalis



SPGPrints inaugura centro de distribuição em Santa Catarina

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/11/2017
Inauguração faz parte do projeto de expansão na América Latina

Inauguração faz parte do projeto de expansão na América Latina

A SPGPrints, fornecedora de produtos para impressão têxtil digital, inaugurou um centro de distribuição em Gaspar (SC). Com 2,2 mil metros quadrados, a construção fica em local estratégico, para atender clientes do Brasil e da América Latina. A nova área também abriga a planta de gravação de cilindros, a Unidade Sul.

Com essa mudança, a unidade gravadora de cilindros recebeu novos equipamentos da Áustria, como gravadora a laser, fornos e coladeiras.

A criação do centro de distribuição faz parte da estratégia de expansão da empresa na América Latina. A SPGPrints também objetiva melhorar o atendimento ao cliente e aumentar os volumes de vendas de cilindros e tintas.

José Maria Alves Júnior, diretor geral da SPGPrints América Latina, declarou: “Além de consolidar nossa expansão, a nossa meta é o crescimento do nosso market share em tintas digitais, cilindros e gravação de cilindros. É um investimento significativo que demonstra a importância da região para o crescimento da empresa nos próximos anos”.

Fonte: SPGPrints