Enquete: as tecnologias de impressão digital que os leitores do InfoSign buscaram adquirir em 2015

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 07/01/2016
Em 2015, maioria dos leitores do InfoSign preferiram planejar e investir em tecnologias capazes de imprimir em tecidos

Em 2015, maioria dos leitores do InfoSign preferiram planejar e investir em tecnologias capazes de imprimir em tecidos

Ao longo do ano passado, o InfoSign perguntou em enquete aberta qual tipo de impressora de grande formato os leitores do site gostariam de adquirir em 2015. O resultado (de um total de 1.172 votos) vai ao encontro de uma clara tendência do mercado: o interesse cada vez mais em adotar a impressão digital em tecidos.

A tecnologia mais votada foi a sublimática, com 338 votos (29% do total). Em segundo lugar, ficou a impressão direta em tecido, com 246 votos (21%). Somados, os resultados obtidos pelas duas categorias correspondem à metade dos pontos computados. Embora a impressão por sublimação possibilite a decoração de substratos e objetos diversos, sua principal aplicação é a estamparia de tecidos. Portanto, não é errado afirmar que pelo menos metade dos votantes estavam interessados em adquirir uma impressora têxtil.

Além da sublimação e da impressão direta, a tecnologia látex, que teve 84 votos (7%), também é capaz de imprimir, entre outros substratos, diversos tipos de tecidos, o que ajuda a endossar a tendência analisada.

A enquete mostrou também que tecnologias consolidadas obtiveram desempenho satisfatório. A solvente recebeu 238 votos (equivalente a 20%) e a UV, 197 (17%), o que demonstra que ambas têm lugar cativo ente os leitores do InfoSign.

O tipo de impressora menos votada emprega tinta à base d'água, com 69 votos (6%), deixando claro que se trata de uma tecnologia voltada a um nicho mais específico e de interesse reduzido.

Não deixe de participar da nova enquete, que procura conhecer quais as tecnologias de impressão digital de grande formato nossos leitores pretendem adquirir em 2016.



HP lança impressoras digitais com tecnologia de sublimação

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 23/04/2019
Equipamentos são indicados para estamparia têxtil digital

Equipamentos são indicados para estamparia têxtil digital

A HP anunciou no mercado internacional a nova série HP Stitch S, composta por três modelos (S300, S500 e S1000) de impressoras digitais para estamparia têxtil.

Entre os diferenciais da linha, a HP destaca:

- Correspondência de cores: a máquina vem com espectrofotômetro integrado, além das soluções de RIP e armazenamento em nuvem;

- Cabeça de impressão térmica: reduz tempo e desperdícios e ajuda na reprodução fiel de cores;

- Sublimação: no papel transfer ou diretamente em tecidos;

- Redução de tempo de inatividade: o serviço HP Proactive oferece suporte preventivo.

A HP também lançou um conjunto de papéis de sublimação para ser usado nas impressoras da série HP Stitch S. As mídias foram desenvolvidas e testadas para oferecer maior qualidade de imagem e consistência de cores.

Santi Morera, diretor de negócios de soluções gráficas da HP, declarou: “As tendências de decoração e moda, a produção sob demanda e a personalização estão impulsionando o crescimento da impressão digital. A estamparia têxtil digital está experimentando um crescimento anual de dois dígitos, com previsão de chegar a 5,5 bilhões de dólares até 2023, de acordo com Smithers Pira. Estamos ansiosos para que mais transformações na impressão digital sejam realizadas com a chegada da nova série HP Stitch S”.

HP Stitch S300

Com 1,6m de largura, a HP Stitch S300 emprega cabeça substituível pelo usuário, o que reduz tempos de inatividade e custos de manutenção. A impressora é indicada para quem quer entrar no segmento de sublimação, além de departamentos de prototipagem e fornecedores de impressão em crescimento.

HP Stitch S500

Com largura de 1,6m, a HP Stitch S500 é indicada para quem precisa de uma poucos mais de produtividade. Com configuração 2xCMYK e sensor de avanço de mídia óptica, a impressora oferece um modo de única passada. Outros recursos de destaque da máquina são:

- Produção simplificada: por ter sistemas maiores de alimentação de tintas e mídias, a impressora pode operar sem a supervisão de um operador (até mesmo durante a noite). As ferramentas de gerenciamento também auxiliam a prática;

- Reprodução de cores: a ferramenta HP SmartColour torna o processo de cores mais consistente;

- Economia: a máquina exige menos espaço para ser instalada, pois tem carregamento frontal de mídia e sistema sem eixo.

Fonte: HP



Hollanders lança equipamentos para impressão digital têxtil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 30/04/2013

ColorBooster DS: novidade da Hollanders

ColorBooster DS: novidade da Hollanders

Nos dias 28 e 29 de maio, a Hollanders, fabricante europeia de impressoras digitais, vai promover o lançamento da ColorBooster DS (sistema avançado para estamparia têxtil) e da ColorBooster 250 (impressora têxtil de entrada).

Para tanto, a empresa vai realizar um evento em sua fábrica, em Eindhoven, Holanda, para clientes da marca e profissionais que gostariam de aprender mais sobre soluções digitais para o mercado têxtil.

"Estamos em um período de crescimento em função dos novos investimento que nos permitiram ampliar nossa produção", comentou Roland Biemans, gerente de marketing da Hollanders.

"Abrir nossas portas é a melhor maneira de lançar novos produtos, bem como de apresentar o custo-benefício e os resultados de qualidade oferecidos por nossas impressoras", completou Biemans.

Durante o evento, a empresa também promoverá discussões sobre integração de processos produtivos, sustentabilidade e redução de resíduos.

Fonte: My Print Resource