ORAFOL Americas expande sua fábrica

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 28/05/2013

50 mil metros quadrados foram acrescidos à fábrica da ORAFOL

50 mil metros quadrados foram acrescidos à fábrica da ORAFOL

A ORAFOL Americas, fabricante de vinis adesivos, acrescentou 50 mil metros quadrados à sua planta. Para comemorar o feito, a empresa realizou uma cerimônia, na qual participaram funcionários, clientes e fornecedores da marca, que também puderam conferir os novos produtos da ORAFOL e seus planos de expansão para a próxima década.

"Nossa ideia é nos tornar a principal marca em gráficos, fitas e materiais refletores até 2020", declarou Randall Mertz, CEO da ORAFOL Americas Inc.

"As sedes de Avon e Connecticut contam com forte infraestrutura local. Nosso crescimento contínuo, inclusive expandindo instalações, acrescentando equipamentos e criando novos empregos, demonstra nosso compromisso com os nossos negócios", completou Mertz.

Fonte: Oracal



Roland DG anuncia ter vendido 420 mil plotters de recorte no mundo

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 15/01/2015

Fabricante japonesa começou a produzir equipamentos de recorte em 1988

Fabricante japonesa começou a produzir equipamentos de recorte em 1988

A Roland DG, fabricante japonesa de equipamentos para comunicação visual, recentemente anunciou ter vendido 420 mil unidades de suas plotters de recorte. A empresa produz e comercializa esse tipo de equipamento desde 1988, quando lançou a linha CAMM-1.

Segundo a fabricante, a introdução das plotters de recorte no mercado internacional foi um divisor de águas para diversos setores, sobretudo para aqueles que produzem etiquetas, decalques, sinalização, pisos e decoração. Antes da chegada dos equipamentos, esses trabalhos eram feitos à mão, sendo mais demorados e dispendiosos.

Outro ponto significativo na história da empresa foi o lançamento da linha STIKA, em 1990. Desenvolvidas para consumidores e escritórios, as plotters da série produziam materiais para decoração de automóveis e lojas de varejo, além de sinalização de escritório e ponto de venda (PDV).

Yuko Maeda, gerente geral da Roland DG para produtos de sinalização, declarou: "Acreditamos que a necessidade do uso das plotters ainda é grande. Portanto, continuamos empenhados em superar as expectativas dos clientes ao produzir tecnologia líder de mercado. A venda de 420 mil equipamentos é prova do nosso sucesso".

Fonte: Large Format Review



Férias: livre sua impressora de possíveis entupimentos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 13/12/2012

impressora ampla

Antes de sair de férias, faça a manutenção nas cabeças de impressão

Antes de deixar suas impressoras digitais sem funcionar por um determinado período (férias), é recomendado realizar alguns procedimentos para prevenir o entupimento das cabeças de impressão empregadas nas máquinas.

Recentemente, a Ampla divulgou um documento que orienta essa manutenção tão necessária. Confira o que deve ser feito (procedimento válido apenas para modelos da fabricante):

Com o equipamento desligado, afrouxe o parafuso com uma chave. Retire o manípulo de altura do carro de impressão e solte os quatro parafusos.

Coloque a alavanca da válvula de três vias na opção "Solvente", retire a carenagem e ligue a impressora. Para que toda a tinta seja removida, abra a válvula de escape e execute o "Flush". À medida que o produto sai, sua cor deve ficar transparente.

Feche as válvulas de escape e de três vias. Coloque o carro de impressão na posição central e desligue a máquina. Recoloque o manípulo de ajuste de altura e ponha a bandeja de descanso na mesa de impressão. Insira um wiper limpo e preencha metade da bandeja com solvente.

Suba a altura do carro e leve a bandeja para baixo da base de impressão. Posteriormente, encoste o carro de impressão na bandeja com solvente. Para evitar que o produto evapore, embale a bandeja e o carro com um plástico resistente e cubra a placa de cabeças.

Ao retornar, é possível usar a impressora normalmente e sem ter que enfrentar problemas de entupimento devido ao tempo que a máquina ficou inutilizada.

Veja fotos e mais detalhes da manutenção no documento publicado pela Ampla.

Fonte: Ampla