Oki lança impressora ecossolvente ColorPainter E-64s

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 12/10/2016
ColorPainter E-64s tem diversas tecnologias exclusivas

ColorPainter E-64s tem diversas tecnologias exclusivas

A fabricante Oki Data Infotech anunciou no mercado internacional a nova ColorPainterT E-64s, impressora ecossolvente de 1,6m de largura equipada com tinta original de baixo odor e indicada para birôs que produzem baixos e médios volumes.

Com conjunto de seis cores (CMYK, light cyan e light magenta), a impressora pode trabalhar na resolução máxima de 1.080dpi ou velocidade máxima de 23m2/h.

A Oki frisa que a ColorPainter E-64s inclui diversas tecnologias que melhoram o desempenho da impressora, como ajustes automáticos realizados por meio de sensores ópticos que corrigem o posicionamento da mídia na máquina.

Outras tecnologias agregadas são a Smart Pass Technology 4 (que ajuda a executar impressões estáveis e de alta qualidade), a Dynamic Dot Printing Technology (controla o tamanho dos pontos impressos) e a and Smart Nozzle Mapping 3 (automatiza o processo de compensação de nozzles).

A ColorPainter E-64s, além de incluir o software ONYX RIPCenter, vem com a tecnologia SSS, que detecta o contato entre as cabeças de impressão e os substratos. Quando isso acontece, a impressora pausa no trabalho, realiza as correções e, em seguida, retoma o trabalho sem cancelá-lo.

Além de um ionizador que neutraliza eletricidade estática, a impressora emprega um sistema que traz o ar da parte traseira da máquina para ventilá-lo na frontal, o que ajuda a secar mais rapidamente a tinta impressa.

Veja a impressora em funcionamento:

Fonte: Oki



Nova impressora 3D para comunicação visual da Massivit

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 27/03/2018
Massivit 1500 produz peças de sinalização com até 1,45m de altura

Massivit 1500 produz peças de sinalização com até 1,45m de altura

A Massivit, fabricante de impressoras 3D de grandes formatos, anunciou no mercado internacional o Massivit 1500, novo equipamento para composição de peças tridimensionais, leves e ocas de até 1,45m de altura.

Com a exclusiva tecnologia Gel Dispensing Printing, a Massivit 1500 é indicada para empresas que produzem comunicação visual para os segmentos de varejo, publicidade, sinalização, entretenimento, eventos e decoração de interiores, que demandam cada vez mais serviços customizados.

A impressora também pode ser empregada para a composição de letras-caixas e outras estruturas complexas produzidas em processos e maquinários mais tradicionais.

Fonte: Massivit



Zünd apresenta nova ferramenta de corte e gravação

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/01/2017
Novo RM-L tem potência de 3,6kW e torque de 0,7Nm

Novo RM-L tem potência de 3,6kW e torque de 0,7Nm

A fabricante Zünd anunciou o RM-L, novo módulo de corte, gravação e acabamento para diversos substratos, como Plexiglass, policarbonato, alumínio, Dibond, MDF, entre outros. O maquinário incorpora um spindle (refrigerado a água) com pinça pneumática, potência de até 3,6kW e torque de 0,7Nm. Além disso, conta com um sistema de extração de pó para manter a área de trabalho sempre limpa.

Segundo a empresa, o uso do RM-L diminui os tempos de troca de ferramentas, o que auxilia sobretudo nos fluxos de trabalho que envolvem diferentes produtos personalizados e projetos complexos. Além disso, substratos mais densos e duros podem der processados a velocidades e profundidades maiores, o que reduz o número de passes e aumenta a produtividade.

O módulo também vem equipado com o MQL, sistema de lubrificação de quantidades mínimas que mantém o bit lubrificado para diminuir atritos. Assim, pouco calor é gerado durante a produção, o que aumenta a vida útil do bit e permite velocidades maiores de processamento.

O RM-L tem um sistema de compensação de superfície que determina a espessura do substrato e detecta inconsistências. Durante o processamento, o sistema compensa variações e faz ajustes de profundidade. Para trabalhos de gravação, isso evita problemas causados por diferenças na espessura do substrato.

Para acomodar diferentes diâmetros de eixo, são utilizados suportes HSK-E25, que permitem o uso de uma gama maior de bits no mesmo módulo de router, e o ARC HSK troca automaticamente os bits.

Fonte: Zünd