Oki conclui aquisição da Seiko I Infotech

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 12/10/2015
Executivos em cerimonial que concluiu os negócios de aquisição da Seiko I Infotech, que passa a chamar Oki Data Infotech

Executivos em cerimonial que concluiu os negócios de aquisição da Seiko I Infotech, que passa a chamar Oki Data Infotech

A Oki Data Corporation, divisão da Oki especializada em negócios de impressão, anunciou ter completado a aquisição da Seiko I Infotech, subsidiária de impressoras de grande formato da Seiko Instruments Inc (SII), desenvolvedora e fabricante de aparelhos eletrônicos.

Depois da conclusão do negócio, a empresa adquirida recebeu o registro de Oki Data Infotech, que começou a operar como membro do grupo Oki desde 1º de outubro de 2015, mesmo dia em que as subsidiárias europeias e norte-americanas da Oki (uma fabricante japonesa) também concluíram suas transações com as filiais da SII na Europa e nos EUA.

A Oki Data Infotech assumirá a responsabilidade por todos os serviços e produtos dos negócios de impressoras de grande formato atualmente realizados pelas empresas europeias e norte-americanas da SII.

Takao Hiramoto, presidente da Oki Data Corporation, declarou: “Estamos felizes pela conclusão dos negócios. Agora, temos um portfólio de impressoras inkjet de grande formato para sinalização e equipamentos LED, além de tecnologias correspondentes, recursos de desenvolvimento e canais de vendas”.

Fonte: Oki



EFI Fiery DesignPro chega à versão 4

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/11/2018
Novas ferramentas reduzem o tempo de design na produção de impressões em tecidos

Novas ferramentas reduzem o tempo de design na produção de impressões em tecidos

A fabricante EFI anunciou o lançamento da versão 4 do Fiery DesignPro, conjunto de plug-ins que oferece aos profissionais de vestuário e design têxtil mais poder para criar e concluir projetos desenvolvidos em softwares da Adobe.

Com um trabalho conjunto com o EFI Optitex e o DFE Fiery proServer, o Fiery DesignPro elimina a necessidade de reduzir designs para cores indexadas, o que mantém a fidelidade das artes. Ele também cria transições e gradações mais suaves.

Algumas das novas ferramentas do Fiery DesignPro 4 incluem plug-ins do Adobe Photoshop que reduzem significativamente o tempo e o esforço para criar separações multicanais, cores e padrões repetidos. Além da conveniência do “Print to Fiery”, que envia projetos diretamente para a produção por meio do DFE Fiery proServer.

Segundo a EFI, o Photoshop e o Fiery DesignPro estão integrados. Assim, os designers podem alternar convenientemente entre os dois conjuntos de ferramentas. Com isso, os usuários podem obter uma expansão significativa nas opções de design, como criar repetições a partir de qualquer design colorido e visualizar a arte e várias repetições simultaneamente no processo de criação. Após a etapa de repetição, os usuários podem separar cores em ilustrações multicanais. Esses recursos substituem operações de trabalho e eliminam a necessidade de trabalhar em vários aplicativos.

Fonte: EFI



Inx lança tintas digitais têxteis e impressora cilíndrica

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 13/05/2019
Fabricante ampliou seu catálogo de tintas da linha Triangle

Fabricante ampliou seu catálogo de tintas da linha Triangle

A fabricante Inx apresentou a impressora digital cilíndrica CP100 UV e anunciou as novas tintas digitais têxteis Triangle DT8 e DT8-PRO.

A DT8 e a DT8-PRO são tintas à base d’água indicadas para impressão direta ou transferência em tecidos de poliéster (ou materiais sintéticos mistos que contenham, pelo menos, 60% de poliéster). Os insumos são compatíveis com cabeças Epson DX4, DX5, DX7 e TFP.

A impressora digital CP100 UV vem recursos de prova e prototipagem para pequenas produções em latas, garrafas e outros objetos cilíndricos. Com tintas CMYK e branca e verniz, a máquina utiliza sistema de cura UV de longa duração.

As peças estampadas pela CP100 UV podem ser testadas pela SLED, máquina que examina tintas, produtos químicos e cabeças de impressão. Ela mostra como as tintas respondem a uma ampla gama de substratos e materiais.

Jim Lambert, vice-presidente da divisão digital da Inx, declarou: “Quando a impressão digital direta em objetos começou, era mais ou menos colocar uma tinta e uma cabeça que já existiam, e ver se elas funcionariam. Mas elas avançaram muito e há cabeças específicas. Estamos agora no ponto em que os proprietários de marcas estão impulsionando a impressão digital de garrafas e embalagens cilíndricas em grandes volumes. E uma das coisas impressionantes da impressão direto em objetos é que você pode reduzir desperdícios e custos”.

Fonte: Inx